O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

UEFA lança série de documentários contra a discriminação e o abuso online no futebol

O quinto episódio de "Outraged" sobre o abuso online tem participações de Wendie Renard, Jorginho, Alisha Lehmann, Patrick Vieira e Karen Carney.

Outraged Trailer (July 2022)

Como parte da luta contínua da UEFA contra a discriminação, o ódio e o abuso “online” no futebol, a série documental de cinco episódios "Outraged" está disponível a partir de hoje em UEFA.tv, a plataforma de “streaming” da UEFA. A série "Outraged" apoia o trabalho mais amplo em curso no programa RESPECT contra o abuso online, juntamente com os objectivos preventivos da campanha Real Scars e monitorização, denúncia e solução activa do ódio online.

Os primeiros quatro episódios de dez a 12 minutos revisitam o premiado documentário "Outraged", cada um centrando-se em quatro tópicos específicos (racismo, sexismo, discriminação de refugiados e homofobia) e no qual participam Paul Pogba, Megan Rapinoe, Dejan Lovren, Nadia Nadim, Moise Kean, Shanice van de Sanden e Ruud Gullit, entre outros.

O último episódio da série aborda a questão do abuso “online”, em conjunto com a campanha Real Scars que foi lançada no UEFA Women's EURO 2022. Estrelas do futebol como Wendie Renard, Jorginho, Alisha Lehmann, Karen Carney, Kai Havertz e Patrick Vieira partilham as suas experiências e opiniões.

“O futebol é o reflexo perfeito da sociedade. E é por isso que temos um enorme e importante papel a desempenhar. É preciso agir agora antes que seja tarde de mais”, diz Patrick Vieira, antigo internacional da França e actual treinador do Crystal Palace FC.

Wendie Renard, internacional da França e jogadora do Olympique Lyonnais, acrescenta: Um insulto é um insulto, seja nas redes sociais ou no dia-a-dia.”

Jesús Tomillero, antigo árbitro profissional espanhol, fala da sua experiência traumatizante com abuso “online”: “Estava tudo bem até eu ter um namorado e postar uma foto nas redes sociais como qualquer outro jovem. Parei [de arbitrar] porque recebi mais de 1500 ameaças de morte.”

Michele Uva, Diretor de Futebol e Responsabilidade Social da UEFA

“O documentário Outraged chegou a milhões de pessoas em todo o Mundo com a importante mensagem de trabalharmos em conjunto para eliminar todas as formas de discriminação e racismo no futebol. Para chamar e educar um público ainda maior, lançámos esta série documental com episódios curtos sobre temas de direitos humanos no futebol. Com a série Outraged, a UEFA trabalhará ainda mais de perto com todas as suas federações-membro para ajudar a educar os jogadores nas suas selecções e academias nacionais, cursos de treinadores, clubes profissionais e clubes de ‘raízes’ e escolas em toda a Europa.”

Durante a época 2022/23, e em alinhamento com a Estratégia de Sustentabilidade do Futebol da UEFA, a UEFA irá colaborar estreitamente com as suas 55 federações-membro para utilizar a série "Outraged" como parte de um projecto educacional à escala europeia. Isto dará ênfase ao valor do respeito, à prevenção de todos os tipos de discriminação e ao incentivo à igualdade e à inclusão. Embora se concentre em crianças e jovens, o projecto também envolverá treinadores e escolas e trabalhará com detentores de direitos de transmissão para alcançar uma audiência mais ampla.

A UEFA encoraja toda a gente a juntar-se à luta contra o abuso “online“ denunciando qualquer conteúdo abusivo ou discriminatório à plataforma da rede social em que foi publicado. Qualquer pessoa que tenha sido vítima de abuso “online” ou discurso de ódio e esteja a lutar com automutilação ou pensamentos suicidas é aconselhada a consultar um clínico geral/médico de família local ou o hospital mais próximo para obter apoio. Se as ameaças ou os comentários provocarem medo e colocarem em causa a segurança e protecção pessoal, entre em contacto com a polícia.

O documentário "Outraged" pode ser visto gratuitamente em UEFA.tv. A plataforma está disponível para PlayStation (PS4 e PS5), Smart TVs Hisense VIDAA, Android e iOS (telemóvel e tablet), Apple TV, Android TV e Amazon Fire TV.