O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

UEFA em destaque na Conferência de Estádios Saudáveis

A UEFA sublinhou, durante a Conferência Europeia de Estádios Saudáveis, realizada em Manchester, os trabalhos por si desenvolvidos na promoção da saúde pública e de um estilo de vida saudável.

A Conferência Europeia de Estádios Saudáveis teve lugar em Manchester
A Conferência Europeia de Estádios Saudáveis teve lugar em Manchester ©European Healthy Stadia Network

A UEFA apresentou os trabalhos e campanhas por si desenvolvidos na promoção da saúde pública e de um estilo de vida activo, numa conferência sobre a temática levada a cabo em Manchester.

O organismo máximo do futebol europeu esteve presente na Conferência Europeia de Estádios Saudáveis, realizada, com o seu apoio, no City of Manchester Stadium. A conferência foi organizada pela Rede Europeia de Estádios Saudáveis com o objectivo principal de promover a saúde pública através dos clubes de futebol e dos seus estádios, consolidando assim os objectivos corporativos dos clubes.

Com um programa que englobou mais de 35 oradores, a conferência destacou as boas práticas e políticas em desenvolvimento no que diz respeito às áreas do desporto, saúde, sustentabilidade ambiental e responsabilidade social e corporativa.

A unidade de futebol e responsabilidade social da UEFA apresentou as actividades desenvolvidas pelo organismo a nível da saúde, muitas das quais tiveram grande visibilidade e sucesso nos últimos tempos. Entre elas está incluído o projecto Respeito pela sua Saúde EUROSCHOOLS 2012, durante a fase final do UEFA EURO 2012, na Polónia e Ucrânia, no último Verão. Esta iniciativa promoveu um estilo de vida saudável entre as crianças e as suas famílias, centrando-se na prevenção tabágica, alimentação saudável, consumo moderado de álcool e incentivo à actividade física.

Os avanços no controlo do tabagismo foi um dos tópicos chave da conferência, tendo a UEFA sido alvo de rasgados elogios pela sua política de estádios sem tabaco durante o UEFA EURO 2012 - o culminar de uma parceria entre UEFA, Organização Mundial de Saúde (OMS), Federação Mundial do Coração (WHF), Rede Europeia de Estádios Saudáveis e grupos de apoio à saúde locais.

Verificou-se uma proibição total do consumo, venda e publicidade de tabaco em todos os oito estádios que albergaram jogos do EURO. Foi a primeira vez que a UEFA tomou tal medida na sua mais importante competição de selecções nacionais, medida que se revelou um sucesso, com níveis muito reduzidos de desrespeito pela norma entre os adeptos presentes nos recintos de jogo. Na conferência realizada em Manchester foi destacado que a decisão da UEFA de banir o tabaco do terceiro maior evento desportivo do Mundo enviou uma firme mensagem a todos os adeptos, reforçando a ligação entre o futebol e a vida saudável e vincando uma vez mais o empenho da UEFA na promoção de um estilo de vida saudável através do futebol.

Uma outra medida tomada pela UEFA para este Verão foi, igualmente, merecedora de destaque na conferência: o órgão responsável pelo futebol europeu vai unir esforços com a Federação Mundial do Coração durante o UEFA Women's EURO 2013, em Julho, na Suécia, para o desenvolvimento da campanha Marque Golos por um Coração Saudável.

Esta campanha vai encorajar jovens raparigas e mulheres a abraçarem um estilo de vida saudável e a praticarem desportos como o futebol, de forma a reduzirem os riscos de sofrerem enfartes ou doenças do coração. A UEFA oferece, todos os anos, especial apoio à Federação Mundial do Coração durante o mês de Setembro, mês no qual tem lugar o Dia Mundial do Coração.