Promover o crescimento do futebol em Gibraltar

O futebol em Gibraltar conta já com uma história de mais de 100 anos e a federação local, admitida como membro da UEFA em Maio de 2013, mostra enorme ambição relativamente ao futuro.

Al Greene festeja com adeptos após o empate 0-0 de Gibraltar frente à Eslováquia no seu primeiro jogo internacional
Al Greene festeja com adeptos após o empate 0-0 de Gibraltar frente à Eslováquia no seu primeiro jogo internacional ©Getty Images

A Federação de Futebol de Gibraltar (GFA) nasceu em 1895, estão baptizada de Federação de Futebol Civil de Gibraltar, e é uma das mais antigas federações de futebol mundiais.

O futebol é, sem sombra de dúvida, o desporto mais popular em Gibraltar. Chegou ao país através dos militares britânicos destacados no século XIX e, embora não e saiba ao certo o ano exacto da fundação do primeiro clube civil de futebol, sabe-se que pelo menos um, o Prince of Wales FC, já existia em 1892. Outro clube, o Gibraltar FC, foi fundado em Novembro de 1893.

Entre a criação da federação, em 1895, e o ano de 1907, a única competição futebolística de que há registo em Gibraltar foi a Taça dos Mercadores, cujo troféu era entregue, todos os anos, pela comunidade de mercadores de Gibraltar. A primeira final da Taça dos Mercadores opôs o Gibraltar FC ao Jubilee FC e foi presenciada por 1500 espectadores.

Finalmente, uma competição em formato de campeonato foi estabelecida em Outubro de 1907. A edição inaugural da prova contou com oito clubes e consagrou o Prince of Wales como o primeiro campeão. Logo em 1909 foi acrescentada uma segunda divisão, dado o número crescente de clubes que iam sendo criados sob o auspício da GFA. Por volta de 1910, a GFA organizava já campeonatos e taças separadas para clubes seniores e jovens.

O período entre 1949 e 1955 é visto por muitos como a era de ouro do futebol em Gibraltar. Foi durante esse tempo que vários clubes famosos, entre os quais o Real Madrid CF, se deslocaram ao território para defrontarem a selecção nacional de Gibraltar.

Embora as oportunidades para disputar jogos internacionais se tenham tornado mais escassas a partir da década de 1960, a selecção nacional de Gibraltar conquistou em Rodes, na Grécia, em 2007, o torneio de futebol da 12ª edição dos Jogos das Ilhas, competição que conta com a presença de nações e territórios insulares de todo o globo.

A GFA tornou-se membro provisório da UEFA em Outubro de 2012, tendo visto a sua posição como membro de pleno direito ratificada no XXXVII Congresso Ordinário da UEFA, em Londres, em 2013.

A selecção nacional de futsal de Gibraltar participou na fase de qualificação do UEFA Futsal EURO pela primeira vez em 2013. Viu o sorteio colocá-la no Grupo A, ao lado de San Marino, de Montenegro e da anfitriã França. Foi nesse torneio de qualificação que Gibraltar somou a primeira vitória em jogos oficiais de uma prova da UEFA, ao bater San Marino por 7-5. As selecções Sub-17 e Sub-19 de Gibraltar participaram nas fases de qualificação para o Campeonato da Europa da respectiva categoria etária em Outubro de 2013, enquanto a selecção principal de futebol estreou-se no sorteio da fase de qualificação para o UEFA EURO 2016, em Fevereiro de 2014.

Gibraltar foi admitida na FIFA no decorrer do congresso do organismo máximo do futebol mundial, em Maio de 2016. Participou depois nesse ano, pela primeira vez, na qualificação para o Campeonato do Mundo, tendo defrontado Bélgica, Grécia, Bósnia e Herzegovina, Estónia e Chipre no Grupo H. Além disso, os Sub-21 de Gibraltar estreia-se no escalão na fase de apuramento para o Campeonato da Europa de Sub-21 da UEFA de 2017-19.

Vivem-se, pois, momentos de enorme entusiasmo para o futebol de Gibraltar. Não só a GFA vai embarcar num grande projecto de desenvolvimento que engloba a construção de um novo estádio nacional, como se encontra já a efectuar excelente trabalho na área das "raízes" do futebol, estando também 100 por cento empenhada no desenvolvimento da vertente feminina. A GFA mostra-se entusiasmada com as oportunidades e desafios que a esperam.

Topo