Astana ergue Taça do Cazaquistão

Golos de Kairat Nurdauletov e Tanat Nusserbayev permitiram ao Astana vencer o Irtysh por 2-0, erguendo assim a Taça do Cazaquistão, pela segunda vez na história do clube.

O Astana festeja a conquista da Taça do Cazaquistão
O Astana festeja a conquista da Taça do Cazaquistão ©Stanislav Filippov

O FC Astana ganhou a Taça do Cazaquistão pela segunda vez no historial do clube, após vencer o FC Irtysh Pavlodar, segundo classificado do campeonato, na final, por 2-0.

A equipa de Miroslav Beránek reconquistou o troféu que tinham ganho há dois anos, graças a golos de Kairat Nurdauletov e Tanat Nusserbayev. Depois de já ter garantido a presença na fase de qualificação da UEFA Europa League da próxima época, o Irtysh esperava terminar a época em alta, mas partiu para este jogo com baixas de vulto, no caso o capitão Sergei Ivanov, lesionado, e o melhor marcador do campeonato, Ulugbek Bakaev, ausente ao serviço da selecção do Uzbequistão.

O Astana, que foi quinto no campeonato, a cinco pontos do adversário da última jornada, imediatamente aproveitou, e aos cinco minutos o capitão Nurdauletov saltou mais alto e concluiu de cabeça um livre da direita. O Irtysh esteve sob pressão durante largos períodos, mas manteve o resultado em aberto até oito minutos do fim, altura em que Kethevoama Foxi irrompeu pelo flanco e cruzou para Nusserbayev, que fez o segundo do Astana.

"Não fomos capazes de ganhar o campeonato, por isso queríamos este troféu, para não terminar a época de mãos vazias", disse Nurdauletov, após o apito final. "Hoje jogámos muito bem; fomos consistentes como equipa e todos os jogadores se esforçaram em prol do colectivo. Nunca tinha marcado numa final, por isso tenho outro motivo para estar feliz".