BATE comemora sexto título

O BATE Borisov, adversário do Benfica na fase de grupos da UEFA Europa League, bateu o Naftan Novopolotsk por 4-0 e conquistou o quarto título consecutivo de campeão da Bielorrússia.

O BATE conquistou na segunda-feira o quarto título consecutivo de campeão da Bielorrússia
O BATE conquistou na segunda-feira o quarto título consecutivo de campeão da Bielorrússia ©Sportsfile

O FC BATE Borisov goleou o FC Naftan Novopolots por 4-0 e está a comemorar quarto título consecutivo de campeão da Bielorrússia, o que levou o proprietário do clube, Anatoliy Kapskiy, a afirmar: "Temos efectuado um trabalho da máxima qualidade".

Festa adiada
A equipa, que na época passada disputou a UEFA Champions League, conquistou o sexto título do seu historial, numa altura em que ainda faltam cinco jornadas para o fim do campeonato. O BATE sofreu apenas duas derrotas ao longo de toda a prova, com o FC Shakhtyor Soligorsk (3-2) e o FC Dnepr-Mogilev Transmash (3-1). Na segunda-feira, o Naftan não conseguiu oferecer qualquer resistência, com o treinador do BATE, Viktor Goncharenko, a afirmar: "Impusemos um ritmo forte e exercemos uma grande pressão sobre o nosso adversário. Gostei muito da forma como jogámos na primeira parte, mas ainda temos mais cinco jogos do campeonato pela frente e outros quatro na UEFA Europa League, por isso a festa terá de ficar adiada".

"Primeiro título"
Igor Shitov marcou o terceiro golo da sua equipa aos 35 minutos do embate com o Naftan, confessando: "Dedico esta vitória à minha família. Esta época foi muito boa para mim, pois conquistei a titularidade na equipa do BATE, nos Sub-21 e também na selecção principal. Este é o meu primeiro título, por isso é muito especial". Kapskiy, que já está habituado a estas comemorações, acrescentou: "Estou muito feliz. Este é o nosso sexto título, mas continua ser uma grande sensação. Temos efectuado um trabalho da máxima qualidade".

Sonho europeu 
No final do encontro, os jogadores de Goncharenko deram uma volta de honra ao estádio, mas a festa poderá ser ainda maior se o BATE conseguir recuperar do mau arranque no Grupo I da UEFA Europa League. Os bielorrussos perderam com o Benfica e frente ao Everton FC, mas já estão a pensar na recepção ao AEK Athens FC, a 22 de Outubro. "Sou um optimista", acrescentou Goncharenko. "Se tivéssemos vencido o Everton na quinta-feira, teríamos boas hipóteses de alcançar o segundo lugar do grupo. Estamos numa posição complicada, mas no futebol tudo pode acontecer. Vamos dar o máximo nos próximos jogos".