Última actualização 23/08/2019 02:16CET
worldcup: Bélgica - Estónia Dossiers de imprensa

Qualificação europeia - Época 2016/18Dossiers de imprensa

BélgicaBélgicaKing Baudouin Stadium - BruxelasDomingo, 13 de Novembro de 2016
20.45CET (20.45 Hora local)
Grupo H - Jornada 4
EstóniaEstónia
ImprimirX
Imprimir todas as secções
Escolher uma secção
PATROCINADORES OFICIAIS DO APURAMENTO
  • Carlsberg
  • Continental
  • Hisense
  • Konami
  • Socar
  • Turkish Airlines
  • Wurth
  • Adidas
/insideuefa/mediaservices/presskits/worldcup/season=2018/round=2000717/day=4/session=3/match=2017829/library/_sidebar.html
?chapters=4

Treinadores Apenas esta secção

Roberto Martínez

Data de nascimento: 13 de Julho de 1973
Nacionalidade: Espanhola
Carreira como jogador: Real Zaragoza, CF Balaguer, Wigan Athletic FC, Motherwell FC, Walsall FC, Swansea City AFC, Chester City FC
Carreira como treinador: Swansea City AFC, Wigan Athletic FC, Everton FC, Bélgica

• Nascido na Catalunha, Martinez iniciou-se no clube local, o Balaguer, antes de aos 16 anos rumar ao Saragoça. A maior parte dos três anos seguintes foram passados nos escalões de formação e na equipa B, com uma única presença na formação sénior, antes de em 1994 regressar ao Balaguer, integrando também a formação do clube.

• Em 1995 viajou para Inglaterra para jogar no Wigan, formando os "Três Amigos" com os espanhóis Jesús Seba e Isidro Diaz; passou seis anos no clube, ajudando à conquista do título do terceiro escalão, em 1997, e do troféu da Football League, prova a eliminar com equipas da terceira e quarta divisões inglesas, dois anos mais tarde.

• Um ano cumprido entre o Motherwell e o Walsall precedeu um período mais longo, entre 2003 e 2006, no Swansea, com Martinez a somar uma promoção à League One. Após uma temporada no Chester, regressou ao sul do País de Gales em 2007, inicialmente como jogador-treinador, mas rapidamente encerrou a carreira.

• Guiou o Swansea à conquista do campeonato da League One em 2008 e no ano seguinte mudou-se para o Wigan, da Premier League. Ajudou a protagonizar uma notável fuga à despromoção em 2011/12 e conseguiu o primeiro grande troféu dos "latics" 12 meses depois, ao bater o Manchester City na final da Taça de Inglaterra – mas três dias após a importante conquista o Wigan acabou despromovido.

• Martinez continuou a ser muito solicitado e em Junho de 2013 foi apresentado como treinador do Everton, levando o clube ao quinto lugar e ao recorde de pontos na Premier League logo na sua época de estreia. O clube de Liverpool atingiu os oitavos-de-final da UEFA Europa League em 2014/15 e as finais das taças nacionais na temporada seguinte. No entanto, as oscilações de forma acabaram por ditar a sua saída em Maio de 2016. Três meses volvidos, foi escolhido como seleccionador da Bélgica, sucedendo a Marc Wilmots.

http://pt.uefa.comhttp://pt.uefa.com/european-qualifiers/news/newsid=2400893.html#roberto+martinez

2017-07-5T15:21:12:906

Martin Reim

Data de nascimento: 14 de Maio de 1971
Nacionalidade: Estónio
Carreira como jogador: FC Tallinna Lõvid, SK Tallinna Sport, FC Norma Tallinn, FC Flora Tallinn (duas vezes), Lelle SK, Kotkan TP, JK Tervis Pärnu, Viimsi JK
Carreira como treinador: FC Flora Tallinn, Sub-18 da Estónia, Sub-21 da Estónia, Sub-23 da Estónia, Estónia

• Médio-defensivo, a carreira internacional de Reim estendeu-se por 17 anos após estrear-se pela então recém nação independente, em Junho de 1992, contra a Eslovénia, num empate 1-1. Atingiu a 157ª internacionalização (recorde europeu até ser batido pelo lituano Vitālijs Astafjevs) em Junho de 2009, seis meses antes de pendurar as chuteiras.

• Deu os primeiros passos na modalidade ao lado do guarda-redes Mart Poom. Começou a competir na principal divisão da Estónia Soviética aos 16 anos, tendo sido o melhor marcador em 1990 ao serviço do Norma.

• A maior parte da carreira (numa combinação de 16 anos) deu-se em duas passagens pelo Flora, antes de retirar-se com sete títulos e três taças da Estónia conquistadas. Atingiu também a final da Taça da Finlândia na única aventura no estrangeiro, 18 meses no Kotkan.

• Em Dezembro de 2009 regressou ao Flora como treinador, depois de na parte final da carreira de jogador já ter actuado também como adjunto de Janno Kivisild; sagrou-se campeão da Estónia em 2010 e 2011. Conquistou a Taça da Estónia em 2012 e saiu poucos meses depois para fundar uma academia de futebol em Tallin.

• Desde então treinou vários escalões de formação da Estónia – juniores, Sub-21 e Sub-23 – com algum sucesso. A 14 de Setembro de 2016, logo após a derrota por 5-0 no primeiro jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2018, na Bósnia e Herzegovina, foi nomeado sucessor de Magnus Pehrsson como seleccionador da Estónia.

http://pt.uefa.comhttp://pt.uefa.com/european-qualifiers/news/newsid=2410991.html#martin+reim

2017-07-5T15:21:12:906

Legenda

Competições

Clubes
  • UCL: Liga dos Campeões
  • ECCC: Taça dos Clubes Campeões Europeus
  • UEL: UEFA Europa League
  • UCUP: Taça UEFA
  • UCWC: Taça dos Vencedores de Taças
  • SCUP: SuperTaça Europeia
  • UIC: Taça Intertoto
  • ICF: Taça das Cidades com Feira
Selecções
  • EURO: Campeonato Europeu da UEFA
  • Mundial: Campeonato do Mundo
  • CONFCUP: Taça das Confederações da FIFA
  • Part: Encontros particulares
  • Part U21: Jogos particulares Sub-21
  • U21: Campeonato da Europa de Sub-21
  • SUB17: Europeu de Sub-17
  • SUB16: Europeu de Sub-16
  • SUB19: Europeu de Sub-19
  • SUB18: Europeu de Sub-18
  • WWC: FIFA Women's World Cup
  • EUROFEM: Campeonato da Europa Feminino

Outras abreviaturas

  • (a.p.): Após prolongamento
  • pen: Grandes penalidades
  • Nr: Número
  • ag: Autogolo
  • ag: Jogo decidido por golos marcados fora
  • P: Penalty
  • tot: Resultado das duas mãos
  • J: Jogos disputados
  • J: Jogos
  • Pos.: Posição
  • Comp.: Competição
  • Pts: Pontos
  • E: Empates
  • V: Expulso (cartão vermelho directo)
  • DN: Data de nascimento
  • Res: Resultado
  • Prolong.: Prolongamento
  • gp: Jogo decidido através do "Golo de Prata"
  • GS: Golos sofridos
  • c: Jogo decidido por moeda ao ar
  • GM: Golos marcados
  • V: Vitórias
  • go: Jogo decidido através do "golo de ouro"
  • CA: Cartão amarelo
  • D: Derrotas
  • DA: Expulso (duplo cartão amarelo)
  • Nac.: Nacionalidade
  • N/A: Não se aplica

Estatísticas

  • -: Indica um jogador substituído
  • +: Indica um jogador recém-entrado
  • *: Indica um jogador expulso
  • +/-: Indica um jogador recém-entrado e substituído

Plantel

  • D: Informação disciplinar
  • *: Falha jogo seguinte se admoestado
  • S: Suspenso
  • Cláusula de desresponsabilização: Apesar de a UEFA ter o máximo cuidado com a informação contida neste documento na altura da sua publicação, nenhuma representação ou garantia (incluindo responsabilidade de terceiros), expressa ou implícita, é feita em relação à exactidão e fiabilidade do mesmo. Como tal, a UEFA não assume qualquer responsabilidade pela utilização ou interpretação da informação nele contida. Mais informação sobre o regulamento das competições poderá ser encontrada no UEFA.com.