Última actualização 05/07/2017 16:08CET
worldcup: Ucrânia - Finlândia Dossiers de imprensa

Qualificação europeia - Época 2016/18Dossiers de imprensa

UcrâniaUcrâniaStadion Chornomorets - OdessaSábado, 12 de Novembro de 2016
20.45CET (21.45 Hora local)
Grupo I - Jornada 4
FinlândiaFinlândia
ImprimirX
Imprimir todas as secções
Escolher uma secção
PATROCINADORES OFICIAIS DO APURAMENTO
  • Carlsberg
  • Continental
  • Hisense
  • Konami
  • Socar
  • Turkish Airlines
  • Wurth
  • Adidas
/insideuefa/mediaservices/presskits/worldcup/season=2018/round=2000717/day=4/session=2/match=2017858/library/_sidebar.html

Encontros anteriores Apenas esta secção

Confronto Directo

Não há jogos entre estas duas equipas nas competições da UEFA

Última actualização 05/07/2017 16:14CET

Plantel Apenas esta secção

Ucrânia - Plantel
Presente temporada
Qual.FF
NrJogadorDNIdadeClubeDJGlsJGls
Guarda-redes
-Andriy Pyatov28/06/198432Shakhtar Donetsk - 3000
-Denys Boyko29/01/198828Málaga - 0000
-Oleksii Shevchenko24/02/199224Zorya - 0000
Defesas
-Olexandr Kucher22/10/198233Shakhtar Donetsk - 3000
-Artem Fedetskiy26/04/198531Darmstadt - 0000
-Bohdan Butko13/01/199125Shakhtar Donetsk - 3000
-Ivan Ordets08/07/199224Shakhtar Donetsk - 2000
-Yevhen Khacheridi28/07/198729Dynamo Kyiv - 0000
-Eduard Sobol20/04/199521Zorya - 3000
Médios
-Ruslan Rotan29/10/198134Dnipro - 1100
-Yevhen Shakhov30/11/199025PAOK - 1000
-Taras Stepanenko08/08/198927Shakhtar Donetsk - 3000
-Olexandr Karavaev02/06/199224Zorya - 1000
-Serhiy Sydorchuk02/05/199125Dynamo Kyiv - 2000
-Serhiy Rybalka01/04/199026Dynamo Kyiv - 0000
-Olexandr Zinchenko15/12/199619PSV - 3000
-Viktor Kovalenko14/02/199620Shakhtar Donetsk - 3000
-Maksym Malyshev24/12/199223Shakhtar Donetsk - 0000
-Ivan Petriak13/03/199422Zorya - 1000
Avançados
-Roman Zozulya17/11/198926Betis - 3000
-Artem Kravets03/06/198927Granada - 2100
-Yevhen Konoplyanka29/09/198927Schalke - 3000
-Andriy Yarmolenko23/10/198926Dynamo Kyiv - 3300
Treinador
-Andriy Shevchenko29/09/197640 - 3000
Finlândia - Plantel
Presente temporada
Qual.FF
NrJogadorDNIdadeClubeDJGlsJGls
Guarda-redes
-Niki Mäenpää23/01/198531Brighton - 0000
-Lukas Hradecky24/11/198926Frankfurt - 3000
-Jesse Joronen21/03/199323Fulham - 0000
Defesas
-Niklas Moisander29/09/198531Bremen - 3000
-Markus Halsti19/03/198432Midtjylland - 2000
-Kari Arkivuo23/06/198333Häcken - 2000
-Jukka Raitala15/09/198828Sogndal - 3000
-Juhani Ojala19/06/198927Seinäjoki - 1000
-Paulus Arajuuri15/06/198828Lech - 3100
-Thomas Lam18/12/199322Nottm Forest - 2000
-Janne Saksela14/03/199323RoPS - 1000
-Sauli Väisänen05/06/199422AIK - 2000
-Albin Granlund01/09/198927Mariehamn - 0000
Médios
-Kasper Hämäläinen08/08/198630Legia - 2000
-Perparim Hetemaj12/12/198629Chievo - 1000
-Joni Kauko12/07/199026Randers - 0000
-Sakari Mattila14/07/198927SønderjyskE - 0000
-Rasmus Schüller18/06/199125Häcken - 3000
-Alexander Ring09/04/199125Kaiserslautern - 3000
-Robin Lod17/04/199323Panathinaikos - 3100
Avançados
-Teemu Pukki29/03/199026Brøndby - 3100
-Roope Riski16/08/199125Seinäjoki - 1000
-Eero Markkanen03/07/199026AIK - 1000
Treinador
-Hans Backe14/02/195264 - 3000

Última actualização 05/07/2017 16:20CET

Treinadores Apenas esta secção

Andriy Shevchenko

Data de nascimento: 29 de Setemnro de 1976
Nacionalidade: Ukrainian
Carreira como jogador: FC Dynamo Kyiv (duas vezes), AC Milan (duas vezes), Chelsea FC
Carreira como treinador: Ucrânia (adjunto), Ucrânia

• Shevchenko teve um fenomenal arranque de carreira no Dynamo Kyiv, clube ao qual chegou ainda em criança, conquistando cinco título de campeão da Ucrânia e contribuindo com 60 golos no escalão principal do futebol do seu país, incluindo 18 em 1998/99, época em que se sagrou melhor marcador; nessa mesma temporada foi também o goleador máximo da UEFA Champions League, com dez golos na caminhada do Dynamo até às semi-finais.

• Assinou pelo Milan em Julho de 1999 e depressa se afirmou, terminando como melhor marcador da Serie A logo na temporada de estreia (tornando-se no primeiro estrangeiro a lograr tal feito) com 24 golos, registo que igualaria na temporada seguinte e, depois, em 2003/04, época em que voltou a ajudar o Milan a conquistar o Scudetto; venceu a Bola de Ouro em Dezembro de 2004, prémio que juntou a seis de Futebolista Ucraniano do Ano.

• Venceu a UEFA Champions League com os "rossoneri" em 2003, apontando o penalty decisivo na final, ante a Juventus, fechando assim com nota positiva uma temporada marcada por lesões; contudo, falhou depois o penalty decisivo na final de 2005, contra o Liverpool FC.

• Deixou o Milan em 2006, depois de 127 golos na Serie A e 38 na Europa pelo clube milanês, mas a mudança para o Chelsea não correu da melhor forma e regressou ao Milan para uma nova passagem, por empréstimo, pelo clube, em 2008/09, desta vez sem sucesso; regressou ao Dynamo um ano mais tarde.

• De longe o melhor marcador da história da selecção da Ucrânia, capitaneou a sua selecção até aos quartos-de-final do Mundial de 2006 e tornou-se no primeior jogador a atingir as 100 internacionalizações pela Ucrânia, em Outubro de 2010. Bisou numa famosa vitória sobre a Suécia no UEFA EURO 2012, na sua despedida internacional; depois de uma curta passagem pela política, foi nomeado treinador-adjunto de Mykhaylo Fomenko na selecção da Ucrânia, assumindo o cargo de seleccionador principal após o UEFA EURO 2016.

http://pt.uefa.comhttp://pt.uefa.com/european-qualifiers/news/newsid=2400815.html#andriy+shevchenko

2017-07-5T15:20:47:539

Hans Backe

Data de nascimento: 14 de Fevereiro de 1952
Nacionalidade: Sueca
Carreira como jogador: AIK Solna, IF Brommapojkarna, Spånga IS
Carreira como treinador: Bro IK, Djurgårdens IF, Molde FK, Hammarby IF, Östers IF, AIK Solna, Stabæk Fotball, Aalborg BK, FC Salzburg, FC København, Panathinaikos FC, Notts County FC, New York RB, Finlândia

• Jogador nos escalões secundários da Suécia, seu país-natal, Backe estreou-se como treinador ao serviço do Djurgården, onde se sagrou campeão da segunda divisão em 1982. Mais tarde atingiu a final da Taça da Suécia, como técnico de Östers (em 1991) e AIK (em 1995), antes de alcançar sucesso na Dinamarca.

• Conduziu o AaB à vitória no campeonato na sua primeira época na Dinamarca (1998/99), bem como a triunfos consecutivos na final da taça. Após uma passagem pela Áustria, assumiu o comando técnico do Copenhaga, ganhando três campeonatos e a sua primeira Taça da Dinamarca, entre 2001 e 2005. Posteriormente, cumpriu apenas quatro jogos como treinador do Panathinaikos, em 2006.

• Foi adjunto de Sven-Göran Eriksson no Manchester City em 2007/08, cargo que também ocupou quando o compatriota rumou à selecção do México, onde teve a companhia do sueco Tord Grip.

• Voltou a ser treinador principal, agora no Notts County, mas saiu ao fim de poucas semanas, devido a divergências sobre salários por pagar.

• Teve uma passagem bem-sucedida pelo New York RB – parte dos adeptos do clube auto-intitulou-se o Exército Viking de Hans Backe, em sua homenagem. Ganhou a Conferência Leste em 2010, mas deixou a equipa em Novembro de 2012, e trabalhava como comentador televisivo na Suécia quando foi anunciado como novo seleccionador da Finlândia, em Agosto de 2015.

http://pt.uefa.comhttp://pt.uefa.com/european-qualifiers/news/newsid=2321827.html#hans+backe

2017-07-5T15:20:47:539

Árbitros e delegados Apenas esta secção

Árbitro

Última actualização 05/07/2017 16:21CET

Factos e números da prova Apenas esta secção

O conceito da Semana do Futebol permite aos adeptos de todo o mundo desfrutarem do melhor da Qualificação Europeia – que vai determinar os representantes da UEFA no Campeonato do Mundo 2018, na Rússia.

O apuramento para o Campeonato do Mundo 2018 é composto por nove grupos de seis selecções, que se defrontam em jogos em casa e fora.

A qualificação que decorre sob o conceito “Semana do Futebol”, criada antes da qualificação para o UEFA EURO 2016, distribui-se entre quinta-feira e terça-feira, permitindo o foco em mais equipas na caminhada para a fase final na Rússia. Além disso, graças à Semana do Futebol, pelo menos 43 por cento das partidas serão disputadas ao fim de semana, possibilitando aos adeptos a oportunidade de seguirem os jogos pela televisão, nos estádios ou através do UEFA.com.

O horário do início das partidas mantém-se às 17h00 e 19h45 (de Portugal continental) ao sábado e domingo, e às 19h45 às quintas, sextas, segundas e terças-feiras. Em semanas de jogos a dobrar, as equipas poderão jogar à quinta/domingo, sexta/segunda ou sábado/terça. Em cada dia da Semana do Futebol disputam-se entre oito e dez jogos.

Os vencedores de cada um dos nove grupos apuram-se directamente para a fase final. Os oito melhores segundos classificados disputam um “play-off” para apurar as derradeiras quatro selecções.

As 13 selecções apuradas juntam-se à anfitriã Rússia na fase final, completando os 14 representantes da UEFA.

Como funciona a qualificação

As outras confederações têm as seguintes vagas na qualificação:
África: 5
Ásia: 4.5
América do Norte, Central e Caraíbas: 3.5
Oceânia: 0.5
América do Sul: 4.5

http://pt.uefa.comhttp://pt.uefa.com/european-qualifiers/news/newsid=2400504.html#factos+competicao

2017-07-5T15:14:16:221

Constituições das equipas Apenas esta secção

Ucrânia

  • Campeonato do Mundo - Pré-eliminatória
Grupo I - Classificações dos grupos
EquipaJVEDGMGSPts
Croácia3210817
Islândia3210637
Ucrânia3120635
Turquia3021352
Finlândia3012351
Kosovo30121101
Jornada 1 (05/09/2016)
Ucrânia 1-1 Islândia
0-1 Finnbogason 6, 1-1 Yarmolenko 41
Pyatov, Butko, Sobol, Kucher, Stepanenko, Yarmolenko, Konoplyanka, Sydorchuk (63 Zozulya), Kovalenko, Rakitskiy, Zinchenko (90 Shakhov)
  • Jornada 2 (06/10/2016)
    Turquia 2-2 Ucrânia
    0-1 Yarmolenko 24 (P) , 0-2 Kravets 27, 1-2 Ozan Tufan 45+1, 2-2 Hakan Çalhanoğlu 81 (P)
    Pyatov, Butko, Sobol, Kucher, Stepanenko, Yarmolenko, Kovalenko, Konoplyanka (81 Petriak), Kravets (73 Zozulya), Ordets, Zinchenko (46 Sydorchuk)
  • Jornada 3 (09/10/2016)
    Ucrânia 3-0 Kosovo
    1-0 Rrahmani 31 (ag) , 2-0 Yarmolenko 81, 3-0 Rotan 87
    Pyatov, Butko, Sobol, Kucher, Stepanenko, Yarmolenko, Kovalenko, Konoplyanka (79 Karavaev), Kravets (84 Zozulya), Ordets, Zinchenko (63 Rotan)
  • Jornada 4 (12/11/2016)
    Ucrânia-Finlândia
  • Jornada 5 (24/03/2017)
    Croácia-Ucrânia
  • Jornada 6 (11/06/2017)
    Finlândia-Ucrânia
  • Jornada 7 (02/09/2017)
    Ucrânia-Turquia
  • Jornada 8 (05/09/2017)
    Islândia-Ucrânia
  • Jornada 9 (06/10/2017)
    Kosovo-Ucrânia
  • Jornada 10 (09/10/2017)
    Ucrânia-Croácia
  • Finlândia

    • Campeonato do Mundo - Pré-eliminatória
      Jornada 1 (05/09/2016)
      Finlândia 1-1 Kosovo
      1-0 Arajuuri 18, 1-1 V. Berisha 60 (P)
      Hradecky, Arajuuri, Moisander, Eremenko, Lod (88 Schüller), Pukki (73 Hämäläinen), Lam (65 Ring), Halsti, Uronen, Pohjanpalo, Raitala
    • Jornada 2 (06/10/2016)
      Islândia 3-2 Finlândia
      0-1 Pukki 21, 1-1 Árnason 37, 1-2 Lod 39, 2-2 Finnbogason 90+1, 3-2 R. Sigurdsson 90+6
      Hradecky, Arajuuri, Moisander, Väisänen, Ring (94 Schüller), P. Hetemaj, Pukki, Arkivuo, Halsti, Lod, Hämäläinen (56 Markkanen)
    • Jornada 3 (09/10/2016)
      Finlândia 0-1 Croácia
      0-1 Mandžukić 18
      Hradecky, Arajuuri, Moisander, Väisänen (87 Riski), Ojala, Ring (67 Lam), Pukki, Arkivuo (46 Schüller), Lod, Saksela, Raitala
    • Jornada 4 (12/11/2016)
      Ucrânia-Finlândia
    • Jornada 5 (24/03/2017)
      Turquia-Finlândia
    • Jornada 6 (11/06/2017)
      Finlândia-Ucrânia
    • Jornada 7 (02/09/2017)
      Finlândia-Islândia
    • Jornada 8 (05/09/2017)
      Kosovo-Finlândia
    • Jornada 9 (06/10/2017)
      Croácia-Finlândia
    • Jornada 10 (09/10/2017)
      Finlândia-Turquia

    Última actualização 05/07/2017 16:15CET

    Legenda

    Competições

    Clubes
    • UCL: Liga dos Campeões
    • ECCC: Taça dos Clubes Campeões Europeus
    • UEL: UEFA Europa League
    • UCUP: Taça UEFA
    • UCWC: Taça dos Vencedores de Taças
    • SCUP: SuperTaça Europeia
    • UIC: Taça Intertoto
    • ICF: Taça das Cidades com Feira
    Selecções
    • EURO: Campeonato Europeu da UEFA
    • Mundial: Campeonato do Mundo
    • CONFCUP: Taça das Confederações da FIFA
    • Part: Encontros particulares
    • Part U21: Jogos particulares Sub-21
    • U21: Campeonato da Europa de Sub-21
    • SUB17: Europeu de Sub-17
    • SUB16: Europeu de Sub-16
    • SUB19: Europeu de Sub-19
    • SUB18: Europeu de Sub-18
    • WWC: FIFA Women's World Cup
    • EUROFEM: Campeonato da Europa Feminino

    Outras abreviaturas

    • (a.p.): Após prolongamento
    • pen: Grandes penalidades
    • Nr: Número
    • ag: Autogolo
    • ag: Jogo decidido por golos marcados fora
    • P: Penalty
    • tot: Resultado das duas mãos
    • J: Jogos disputados
    • J: Jogos
    • Pos.: Posição
    • Comp.: Competição
    • Pts: Pontos
    • E: Empates
    • V: Expulso (cartão vermelho directo)
    • DN: Data de nascimento
    • Res: Resultado
    • Prolong.: Prolongamento
    • gp: Jogo decidido através do "Golo de Prata"
    • GS: Golos sofridos
    • c: Jogo decidido por moeda ao ar
    • GM: Golos marcados
    • V: Vitórias
    • go: Jogo decidido através do "golo de ouro"
    • CA: Cartão amarelo
    • D: Derrotas
    • DA: Expulso (duplo cartão amarelo)
    • Nac.: Nacionalidade
    • N/A: Não se aplica

    Estatísticas

    • -: Indica um jogador substituído
    • +: Indica um jogador recém-entrado
    • *: Indica um jogador expulso
    • +/-: Indica um jogador recém-entrado e substituído

    Plantel

    • D: Informação disciplinar
    • *: Falha jogo seguinte se admoestado
    • S: Suspenso
    • Cláusula de desresponsabilização: Apesar de a UEFA ter o máximo cuidado com a informação contida neste documento na altura da sua publicação, nenhuma representação ou garantia (incluindo responsabilidade de terceiros), expressa ou implícita, é feita em relação à exactidão e fiabilidade do mesmo. Como tal, a UEFA não assume qualquer responsabilidade pela utilização ou interpretação da informação nele contida. Mais informação sobre o regulamento das competições poderá ser encontrada no UEFA.com.