Última actualização 16/03/2020 03:02CET
UEFA Champions League: Manchester City FC - Real Madrid CF Dossiers de imprensa

UEFA Champions League - Época 2019/20Dossiers de imprensa

Manchester City FCManchester City FC (Primeira mão: 2-1) City of Manchester Stadium - Manchesterterça-feira, 17 de Março de 2020
21.00CET (20.00 Hora local)
Oitavos-de-final, segunda mão
Real Madrid CFReal Madrid CF
ImprimirX
Imprimir todas as secções
Escolher uma secção
PATROCINADORES OFICIAIS DA UEFA CHAMPIONS LEAGUE
  • Nissan
  • PlayStation
  • Gazprom
  • PepsiCo
  • Banco Santander
  • Mastercard
  • Hotels.com
  • Heineken
/insideuefa/mediaservices/presskits/uefachampionsleague/season=2020/round=2001141/day=8/session=3/match=2027131/library/_sidebar.html

Encontros anteriores Apenas esta secção

Confronto Directo

UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
26/02/2020OFReal Madrid CF - Manchester City FC1-2
MadridIsco 60; Jesus 78, De Bruyne 83 (P)
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
04/05/2016MFReal Madrid CF - Manchester City FC1-0
tot: 1-0
MadridFernando 20 (ag)
26/04/2016MFManchester City FC - Real Madrid CF0-0Manchester
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
21/11/2012FGManchester City FC - Real Madrid CF1-1ManchesterAgüero 73 (P); Benzema 10
18/09/2012FGReal Madrid CF - Manchester City FC3-2
MadridMarcelo 76, Benzema 87, Ronaldo 90; Džeko 68, Kolarov 85
CasaForaFinalTotal
JVEDJVEDJVEDJVEDGMGS
Manchester City FC202031020000512256
Real Madrid CF320120200000522165

Manchester City FC - registo frente a clubes do mesmo país do adversário

UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
01/11/2016FGManchester City FC - FC Barcelona3-1
ManchesterGündoğan 39, 74, De Bruyne 51; Messi 21
19/10/2016FGFC Barcelona - Manchester City FC4-0
BarcelonaMessi 17, 61, 69, Neymar 89
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
03/11/2015FGSevilla FC - Manchester City FC1-3
SevilhaTrémoulinas 25; Sterling 8, Fernandinho 11, Bony 36
21/10/2015FGManchester City FC - Sevilla FC2-1
ManchesterRami 36 (ag), De Bruyne 90+1; Konoplyanka 30
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
18/03/2015OFFC Barcelona - Manchester City FC1-0
tot: 3-1
BarcelonaRakitić 31
24/02/2015OFManchester City FC - FC Barcelona1-2
ManchesterAgüero 69; Luis Suárez 16, 30
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
12/03/2014OFFC Barcelona - Manchester City FC2-1
tot: 4-1
BarcelonaMessi 67, Dani Alves 90+1; Kompany 89
18/02/2014OFManchester City FC - FC Barcelona0-2
ManchesterMessi 54 (P), Dani Alves 90
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
02/11/2011FGVillarreal CF - Manchester City FC0-3
VillarrealTouré 30, 71, Balotelli 45+3 (P)
18/10/2011FGManchester City FC - Villarreal CF2-1
ManchesterMarchena 43 (ag), Agüero 90+3; Cani 4
Taça UEFA
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
18/12/2008FGReal Racing Club - Manchester City FC3-1
SantanderJonathan Pereira 20, Óscar Serrano 30, Valera 54; Caicedo 90+2
Taça UEFA
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
27/09/19721ªEValencia CF - Manchester City FC2-1
tot: 4-3
ValênciaValdez 71, Quino 78; Marsh 89
13/09/19721ªEManchester City FC - Valencia CF2-2ManchesterMellor 7, Marsh 61; Valdez 42, Adorno 55
Taça das Taças
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
01/10/19691ªEManchester City FC - Athletic Club3-0
tot: 6-3
ManchesterOakes 58, Bell 66, Bowyer 85
17/09/19691ªEAthletic Club - Manchester City FC3-3BilbauArgoitia 9, Clemente 12, Uriarte 57; Young 42, Booth 68, Echeberría 86 (ag)

Real Madrid CF - registo frente a clubes do mesmo país do adversário

UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
26/05/2018FReal Madrid CF - Liverpool FC3-1
KievBenzema 51, Bale 64, 83; Mané 55
01/11/2017FGTottenham Hotspur - Real Madrid CF3-1
LondresAlli 27, 56, Eriksen 65; Ronaldo 80
17/10/2017FGReal Madrid CF - Tottenham Hotspur1-1MadridRonaldo 43 (P); Varane 28 (ag)
SuperTaça
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
08/08/2017FReal Madrid CF - Manchester United FC2-1
SkopjeCasemiro 24, Isco 52; R. Lukaku 62
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
04/11/2014FGReal Madrid CF - Liverpool FC1-0
MadridBenzema 27
22/10/2014FGLiverpool FC - Real Madrid CF0-3
LiverpoolRonaldo 23, Benzema 30, 41
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
05/03/2013OFManchester United FC - Real Madrid CF1-2
tot: 2-3
ManchesterRamos 48 (ag); Modrić 66, Ronaldo 69
13/02/2013OFReal Madrid CF - Manchester United FC1-1MadridRonaldo 30; Welbeck 20
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
13/04/2011QFTottenham Hotspur - Real Madrid CF0-1
tot: 0-5
LondresRonaldo 50
05/04/2011QFReal Madrid CF - Tottenham Hotspur4-0
MadridAdebayor 4, 57, Di María 72, Ronaldo 87
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
10/03/2009OFLiverpool FC - Real Madrid CF4-0
tot: 5-0
LiverpoolTorres 16, Gerrard 28 (P), 47, Dossena 88
25/02/2009OFReal Madrid CF - Liverpool FC0-1
MadridBenayoun 82
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
08/03/2006OFArsenal FC - Real Madrid CF0-0
tot: 1-0
Londres
21/02/2006OFReal Madrid CF - Arsenal FC0-1
MadridHenry 47
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
23/04/2003QFManchester United FC - Real Madrid CF4-3
tot: 5-6
ManchesterVan Nistelrooy 43, Iván Helguera 52 (ag), Beckham 71, 85; Ronaldo 12, 50, 59
08/04/2003QFReal Madrid CF - Manchester United FC3-1
MadridLuís Figo 12, Raúl González 28, 49; Van Nistelrooy 52
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
06/03/20012ª Gr.Real Madrid CF - Leeds United3-2
MadridRaúl González 7, 60, Luís Figo 41; Smith 6, Viduka 54
22/11/20002ª Gr.Leeds United - Real Madrid CF0-2
LeedsHierro 66, Raúl González 68
UEFA Champions League
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
19/04/2000QFManchester United FC - Real Madrid CF2-3
tot: 2-3
ManchesterBeckham 64, Scholes 88 (P); Keane 21 (ag), Raúl González 50, 52
04/04/2000QFReal Madrid CF - Manchester United FC0-0Madrid
SuperTaça
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
28/08/1998FReal Madrid CF - Chelsea FC0-1
MonacoPoyet 83
Taça UEFA
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
20/03/1985QFReal Madrid CF - Tottenham Hotspur0-0
tot: 1-0
Madrid
06/03/1985QFTottenham Hotspur - Real Madrid CF0-1
LondresPerryman 15 (ag)
Taça dos Clubes Campeões Europeus
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
27/05/1981FLiverpool FC - Real Madrid CF1-0
ParisA. Kennedy 81
Taça dos Clubes Campeões Europeus
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
05/11/19752ªEReal Madrid CF - Derby County FC5-1
tot 6-5 (a.p.)
MadridMartínez 3, 51, Santillana 55, 99 Prolong., Pirri 83 (P); George 62
22/10/19752ªEDerby County FC - Real Madrid CF4-1
DerbyGeorge 9, 15 (P), 78 (P), Nish 42; Pirri 25
Taça UEFA
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
03/10/19731ªEReal Madrid CF - Ipswich Town FC0-0
tot: 0-1
Madrid
19/09/19731ªEIpswich Town FC - Real Madrid CF1-0
IpswichRubiñán 52 (ag)
Taça das Taças
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
21/05/1971F (Rep.4 )Real Madrid CF - Chelsea FC1-2 (Rep.)
AtenasFleitas 75; Dempsey 31, Osgood 39
19/05/1971FChelsea FC - Real Madrid CF1-1AtenasOsgood 56; Zoco 90
Taça dos Clubes Campeões Europeus
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
15/05/1968MFReal Madrid CF - Manchester United FC3-3
tot: 3-4
MadridPirri 31, Gento 41, Amancio Amaro 45; Zoco 44 (ag), Sadler 73, Foulkes 80
24/04/1968MFManchester United FC - Real Madrid CF1-0
ManchesterBest 35
Taça dos Clubes Campeões Europeus
DataFaseJogoResultadoLocalMarcadores
25/04/1957MFManchester United FC - Real Madrid CF2-2
tot: 3-5
ManchesterTaylor 52, Charlton 85; Kopa 25, Rial 33
11/04/1957MFReal Madrid CF - Manchester United FC3-1
MadridRial 61, Di Stéfano 73, Mateos 83; Taylor 82
CasaForaFinalNeutroTotal
JVEDJVEDJVEDJVEDJVEDGMGS
Manchester City FC94321131700000000207493031
Real Madrid CF178631664662130000391611125646

Última actualização 02/03/2020 17:41CET

Retrospectiva Apenas esta secção

O Manchester City está em vantagem nos oitavos-de-final da UEFA Champions League sobre o Real Madrid, que conquistou por 13 vezes o troféu, tendo agora as duas equipas de voltar a medir forças no noroeste da Inglaterra.

• A equipa da casa marcou primeiro no Santiago Bernabéu a 26 de Fevereiro, com Isco a inaugurar o marcador à passagem da hora de jogo, mas os visitantes deram a volta ao jogo nos minutos finais. Gabriel Jesus empatou de cabeça, antes de Kevin De Bruyne converter uma grande penalidade que puniu uma falta sobre Raheem Sterling. O cartão vermelho visto pelo capitão Sergio Ramos ao cair do pano é mais uma preocupação para os “merengues” que sofreram a 100ª derrota na Taça dos Clubes Campeões Europeus.

• Enquanto o Real Madrid é o clube mais vitorioso em toda a história da Taça dos Clubes Campeões Europeus e esteve em quatro das últimas seis finais, enquanto o City só por uma vez alcançou as meias-finais, em 2015/16, tendo sido batido pelo Real Madrid, que estava a caminho da conquista do 11º título.

Confrontos anteriores
• Houve apenas um golo na meia-final da UEFA Champions League de 2015/16 entre os dois clubes. A primeira mão em Manchester terminou com o marcador em branco, enquanto um auto-golo de Fernando aos 20 minutos no Santiago Bernabéu bastou para levar o Real Madrid à final, onde bateu o vizinho Atlético no desempate por grandes penalidades.

• Os outros jogos oficiais entre os dois clubes ocorreram na fase de grupos de 2012/13, quando o Real Madrid venceu por 3-2 em Espanha na primeira jornada. O City esteve duas vezes em vantagem, graças aos golos de Edin Džeko (68) e Aleksandar Kolarov (85), mas o Real respondeu através de Marcelo (76) e Karim Benzema (87), antes de Cristiano Ronaldo decidir o encontro aos 90 minutos.

• O jogo em Manchester terminou empatado 1-1, com Sergio Agüero a responder com uma grande penalidade ao golo de Benzema aos dez minutos. O Real Madrid terminou reduzido a dez jogadores, com Álvaro Arbeloa a ver o segundo cartão amarelo depois de cometer a falta sobre Agüero que originou o castigo máximo.

• Estes quatro pontos ajudaram o Real Madrid de José Mourinho a terminar em segundo no Grupo D, atrás do Borussia Dortmund. O City, na altura treinado por Roberto Mancini, terminou no último lugar, com três pontos, sem qualquer vitória.

Guia de forma
Manchester City
• O City somou 14 pontos no Grupo C, que venceu com sete pontos de vantagem. Em casa bateu o Dínamo Zagreb (2-0) e a Atalanta (5-1), antes de uma série de seis vitórias consecutivas no seu estádio na UEFA Champions League ter terminado com o empate 1-1 com o Shakhtar na quinta jornada.

• O City marcou 32 golos nos últimos 11 jogos na UEFA Champions League. Depois da derrota na recepção ao Lyon (1-2), na primeira jornada da época passada, conseguiu o registo de 12V 3E 1D, com 47 golos marcados e 15 sofridos.

• Esta é a nona campanha do City na UEFA Champions League e a sétima presença consecutiva nos oitavos-de-final.

• Em 2018/19, o City eliminou o Schalke nos oitavos-de-final com um total de 10-2, vencendo por 3-2 na Alemanha e por 7-0 em casa, o triunfo mais folgado de sempre do clube nas provas da UEFA. Um resultado que leva a que City some 3V e 3D nos oitavos-de-final, com triunfos nas duas últimas campanhas

• Em 2018/19, pelo segundo ano consecutivo, o City foi batido por um rival inglês nos quartos-de final. O Tottenham levou a melhor devido aos golos marcados fora depois de uma dramática igualdade 4-4 (0-1 f, 4-3 c). Tendo sido também eliminado pelo Liverpool em 2017/18 (0-3 f, 1-2 c), o City não é batido numa eliminatória a duas mãos por um clube estrangeiro desde que foi afastado pelo Mónaco, devido aos golos marcados fora, nos oitavos-de-final de 2016/17 (5-3 c, 1-3 f).

• O City venceu os dois últimos jogos em casa na fase a eliminar da UEFA Champions League - e três dos últimos cinco (2E) -, mas no total ganhou apenas quatro dos dez jogos disputados na prova em Manchester (2E 4D). Nos oitavos-de-final, o registo em casa e de 2V 1E 3D. 

• O registo do City frente a clubes espanhóis em eliminatórias a duas mãos é de 1V 4D, com derrotas nos últimos quatro duelos. Foi batido duas vezes pelo Barcelona nos oitavos-de-final da UEFA Champions League, em 2013/14 (1-4 no total) e 2014/15 (1-3).

• Os “citizens” venceram o primeiro jogo em casa numa eliminatória com uma equipa espanhola frente ao Athletic Club, por 3-0 na segunda mão da primeira eliminatória da Taça dos Vencedores das Taças de 1969/70 (total de 6-3), mas não conseguiram vencer nenhum dos quatro jogos seguintes (2E 2D). O triunfo em Madrid foi apenas o segundo em eliminatórias frente a rivais da Liga espanhola, em casa e fora (3E 6D).

• O último jogo em casa do City frente a um clube espanhol terminou com um triunfo por 3-1 sobre o Barcelona na fase de grupos da UEFA Champions League de 2016/17, depois de uma derrota por 4-0 em Espanha, que continua a ser o maior desaire dos ingleses nas competições da UEFA. O registo em casa frente a equipas espanholas é 4V 3E 2D, com ambos os desaires a ocorrerem frente ao Barcelona.

• A equipa de Josep Guardiola venceu 13 dos últimos 22 desafios europeus, em casa e fora, sofrendo seis derrotas. .

• Campeão de Inglaterra pela segunda época consecutiva, conseguiu quatro dos seus seis títulos nos últimos oito anos, o City também conquistou a Taça de Inglaterra e a Taça da Liga inglesa em 2018/19, tornando-se no primeiro clube inglês a vencer a três competições na mesma época.

• O City venceu todas as eliminatórias europeias em que ganhou fora de casa na primeira mão. Isso já aconteceu por dez vezes, a mais recente das quais frente ao Schalke nos oitavos-de-final da época passada (3-2 f, 7-0 c). O City ganhou duas vezes por 2-1 fora de casa na primeira mão: frente ao Omonia, na primeira ronda da Taça UEFA de 2008/09 (2-1 c), e com o Porto, nos 16 avos-de-final da UEFA Europa League de 2010/11 (4-0 c).

• O registo do City em dois desempates por grandes penalidades nas provas da UEFA é de 2V 0D:

4-2 - Midtjylland, segunda pré-eliminatória da Taça UEFA de 2008/09 

4-3 - Aalborg, oitavos-de-final da Taça UEFA de 2008/09

Real Madrid
• A equipa de Zinédine Zidane somou 11 pontos na fase de grupos desta época e ficou em segundo lugar no Grupo B atrás do Paris Saint-Germain, que bateu a equipa espanhola por 3-0 em França na primeira jornada. Nos outros dessafios fora de casa bateu o Galatasaray fora (1-0) e o  Brugge (3-1).

• O "hat-trick" de Rodrygo frente ao Galatasaray na quarta jornada foi o 12º conseguido por um jogador do Real Madrid na competição, apenas menos um do que o recorde do Barcelona. Com 18 anos e 301 dias de idade, o brasileiro tornou-se no segundo mais jovem de sempre a conseguir tal proeza da UEFA Champions League, sendo apenas superado por Raúl González, o antigo avançado do Real Madrid tinha 18 anos 113 dias quando, em 1995/96, fez o seu único “hat-trick” frente ao Ferencváros.

• O Real Madrid ficou em segundo no seu grupo pela terceira vez em quatro épocas.

• Na época passada, sob o comando de Santiago Solari, terminou no primeiro lugar, mas foi eliminado pelo Ajax nos oitavos-de-final. Ganhou por 2-1 na Holanda, mas acabou batido por um total de 5-3 depois de perder por 4-1 na capital espanhola.

• A época passada foi a primeira desde 2009/10 em que o Real Madrid não chegou, pelo menos, às meias-finais. O registo dos “merengues” nos oitavos-de-final é de 9V 7D, tendo sido eliminados nesta ronda em seis épocas consecutivas, entre 2005 e 2010, mas depois passaram oito vezes seguidas aos quartos-de-final até à derrota com o Ajax.

• O Real Madrid venceu os últimos sete jogos fora de casa nos oitavos-de-final, desde o empate 1-1 com o CSKA Moscovo em 2011/12, e marcou 19 golos nesses sete triunfos, com apenas cinco sofridos. A última derrota nos oitavos-de-final fora de casa -  a quarta consecutiva - foi frente ao Lyon em 2009/10 (0-1).

• O Real Madrid venceu 16 dos últimos 25 desafios europeus fora de casa e perdeu apenas cinco.

• Esta é a 50ª campanha na Taça dos Clubes Campeões Europeus do clube que já conquistou por 13 vezes o troféu, mais que qualquer outro clube.

• Terceiro classificado em Espanha em 2018/19, o Real Madrid está a realizar a 24ª campanha na UEFA Champions League - um recorde que partilha com o Barcelona. Conseguiu ultrapassar a fase de grupos por 24 vezes, outro recorde da prova.

• O Real Madrid tem um registo de 8V 4D em eliminatórias a duas mãos com clubes ingleses. Venceu os três duelos mais recentes, o último dos quais frente ao City em 2016.

• O último encontro do Real Madrid com um clube inglês foi o triunfo por 3-1 sobre o Liverpool na final da UEFA Champions League de 2018, em Kiev. Gareth Bale saiu do banco para marcar dois golos - incluindo um sensacional remate acrobático - depois de Karim Benzema ter inaugurado o marcador.

• O último jogo fora dos "merengues” frente a um clube inglês foi uma derrota com o Tottenham na fase de grupos de 2017/18, que terminou com invencibilidade dos “merengues” frente a clubes da Premier League que durava há 12 jogos (8V 4E). Foi a primeira derrota com um rival inglês desde o triunfo do Liverpool, por 4-0, na segunda mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League de 2008/09, a derrota mais pesada do clube espanhol na UEFA Champions League.

• O registo fora de casa do Real Madrid frente a clubes ingleses é 6V 4E 6D. Não perdiam há cinco jogos (3V 2E) até à derrota com o Tottenham.

• O Real Madrid perdeu por seis vezes em casa na primeira mão de uma eliminatória europeia e só por uma vez conseguiu recuperar e seguir em frente. Depois de uma derrota por 1-0 com o Wacker Innsbruck, conseguiu a reviravolta ao ganhar por 2-0 na Áustria na segunda eliminatória da Taça dos Vencedores das Taças de 1970/71. Na última ocasião foi eliminado pelo Barcelona nas meias-finais da UEFA Champions League de 2010/11 (0-2 c, 1-1 f). Nunca antes tinha perdido por 2-1 numa primeira mão em casa.

• Apenas por cinco vezes na era da UEFA Champions League, uma equipa conseguiu recuperar de uma derrota em casa na primeira mão, embora três dessas reviravoltas tenham ocorrido na época de 2018/19: o Tottenham frente ao Ajax nas meias-finais (0-1 c, 3-2 f) e em dois duelos dos oitavos-de-final, com o Manchester United a afastar o Paris-Saint Germain (0-2 c, 3-1 f) e o Ajax a bater o Real Madrid (1-2 c, 4-1 f).

• O registo do Real Madrid em quatro desempates por grandes penalidades nas provas da UEFA é 2V 2V:

5-6 - Estrela Vermelha, quartos-de-final da Taça dos Vencedores das Taças de 1974/75

3-1 - Juventus, segunda eliminatória da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1986/87

1-3 - Bayern, meia-final da UEFA Champions League de 2011/12

5-3 - Atlético, final da UEFA Champions League de 2015/16

https://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2020/matches/round=2001141/match=2027131/prematch/background/index.html#factos+manchester+city+real+madrid

2020-03-16T02:02:31:061

Treinadores Apenas esta secção

Josep Guardiola

Data de nascimento: 18 de Janeiro de 1971
Nacionalidade: Espanhola
Carreira como jogador: Barcelona, Brescia (duas vezes), Roma, Al-Ahly Club, Dorados de Sinaloa
Carreira como treinador:
Barcelona B, Barcelona, Bayern München, Manchester City

• Conhecido por "Pep", passou da formação do Barcelona até à equipa principal, pela qual venceu seis Ligas espanholas, uma Taça dos Campeões, uma Taça dos Vencedores das Taças e duas Taças de Espanha entre 1990 e 2001. Passou depois por Brescia, Roma, Al-Ahly (Qatar) e Dorados de Sinaloa (México), antes de pendurar as chuteiras em 2006. Fez 47 jogos por Espanha e venceu a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Barcelona, em 1992, mas falhou os Mundiais de 1998 e 2002 devido a lesão.

• Após treinar a equipa B do Barcelona, dirigiu a formação sénior a partir de 2008, tendo vencido a UEFA Champions League, a Liga espanhola e a Taça de Espanha na sua primeira época como treinador principal do clube. Foi apenas o início de um período de quatro épocas que resultou na conquista de 14 títulos. Na sua segunda temporada, Guardiola também conduziu o Barcelona à vitória no campeonato espanhol, bem como na Taça de Espanha, SuperTaça de Espanha e Campeonato do Mundo de Clubes. Seguiu-se mais sucesso em 2010/11, já que o Barça sagrou-se tricampeão e, pela segunda vez sob o comando de Guardiola, levou a melhor sobre o Manchester United na final da UEFA Champions League.

• Na sua derradeira temporada, em 2011/12, a equipa de Guardiola ganhou a SuperTaça Europeia da UEFA e mais um Mundial de Clubes, antes do técnico despedir-se com a conquista da sua segunda Taça de Espanha. Após um ano parado, Guardiola assumiu o comando técnico do Bayern em Junho de 2013, substituindo Jupp Heynckes.

• Na época de estreia, ganhou a SuperTaça Europeia da UEFA, o Mundial de Clubes, a Taça da Alemanha e, com um recorde de sete jornadas por disputar, a Bundesliga. Sagrou-se bicampeão na temporada seguinte e o Bayern voltou a dominar a nível interno em 2015/16, mas as três campanhas de Guardiola na Champions League ao leme do Bayern terminaram nas meias-finais.

• Optou por rumar a um novo desafio, no Manchester City, no Verão de 2016, e apesar de temporada de estreia ter sido a primeira em que Guardiola não conquistou qualquer título como treinador, redimiu-se em grande estilo em 2017/18, com o City a conquistar a Premier League inglesa com um registo recorde de 100 pontos e a erguer ainda a Taça da Liga. O City tornou-se, na época seguinte, o primeiro clube inglês a conquistar a "tripla", vencendo o campeonato, a Taça de Inglaterra e a Taça da Liga.

https://pt.uefa.com/news/newsid=843836.html#josep+guardiola

2020-03-16T02:02:32:014

Zinédine Zidane

Data de nascimento: 23 de Junho de 1972
Nacionalidade: Francesa
Carreira como jogador: Cannes, Bordeaux, Juventus, Real Madrid
Carreira como treinador: Real Madrid (duas vezes)

• Nascido em Marselha e filho de pais emigrantes argelinos, Zidane deu os primeiros passos rumo ao estrelato no Cannes, transferindo-se para o Bordéus em 1992. Tornou-se internacional pela França ao marcar dois golos na estreia, contra a República Checa, em Agosto de 1994. Deixou o Bordéus após ajudar o clube a atingir a final da Taça UEFA em 1996 e rumou à Juventus, pela qual se sagrou campeão da Serie A e finalista vencido da UEFA Champions League nas primeiras duas épocas. No entanto, nas três temporadas seguintes em Turim não conquistou qualquer troféu e acabou por transferir-se para o Real Madrid, em 2001, por um valor então recorde mundial de €78 milhões.

• Compensou a falta de troféus nos clubes ao inspirar a França na conquista do Campeonato do Mundo da FIFA de 1998 – marcando dois golos de cabeça na final contra o Brasil – e no UEFA EURO 2000, em que foi eleito o melhor jogador do torneio; vencedor da Bola de Ouro em 1998, foi também eleito Jogador do Ano em 1998, 2000 e 2003.

• Venceu à terceira tentativa a final da UEFA Champions League, em 2002, ao fazer o golo da vitória, num espectacular remate à meia-volta, no triunfo do Real Madrid sobre o Bayer 04 Leverkusen, por 2-1, em Hampden Park. Na época seguinte ganhou ainda a SuperTaça Europeia, a Taça Intercontinental e a Liga espanhola.

• Anunciou a retirada da selecção após o UEFA EURO 2004, mas acabou por regressar um ano depois para ser a inspiração no Mundial 2006 – em particular numa exibição virtuosa no triunfo alcançado nos quartos-de-final, diante do Brasil. Contudo, acabou expulso na final contra a Itália – o último jogo da carreira – por dar uma cabeçada a Marco Materazzi.

• Manteve-se no Real Madrid como adjunto de Carlo Ancelotti em 2013/14 – na época em que o clube conquistou o décimo título europeu. Na época seguinte assumiu o comando técnico do Real Madrid Castilla e em Janeiro de 2016 sucedeu a Rafael Benítez como treinador da equipa principal, tendo guiado de imediato o clube à conquista da Taça dos Campeões Europeus em Maio. O feito permitiu-lhe tornar-se na sétima pessoa a erguer o troféu como jogador e treinador. Adicionou-lhe a SuperTaça Europeia da UEFA três meses depois, sendo o quinto a consegui-lo dentro e fora de campo. Terminou a época 2016/17 da melhor forma, tornando-se o primeiro treinador a vencer a UEFA Champions League duas vezes seguidas, tendo ainda guiado o Real à conquista da Liga espanhola, após cinco anos de jejum.

• Fez história em 2017/18 ao levar o Real Madrid a novo triunfo na UEFA Champions League, tendo sido o primeiro treinador a conquistar o troféu em três épocas seguidas; deixou o cargo cinco dias após a vitória em Kiev, mas voltou ao comando dos "merengues" em 11 de março de 2019, assinando um contrato até 2022.

https://pt.uefa.com/news/newsid=2323680.html#zinedine+zidane

2020-03-16T02:02:32:014

Constituições das equipas Apenas esta secção

Manchester City FC

  • UEFA Champions League - Grupos
    Grupo C - Classificações dos grupos
    ClubeJVEDGMGSPts
    Manchester City FC642016414
    Atalanta BC62138127
    FC Shakhtar Donetsk61328136
    GNK Dinamo Zagreb612310135
    Jornada 1 (18/09/2019)
    FC Shakhtar Donetsk 0-3 Manchester City FC
    0-1 Mahrez 24, 0-2 Gündoğan 38, 0-3 Jesus 76
    Ederson, Walker (81 João Cancelo), Sterling, Gündoğan, Jesus, Zinchenko, Rodri (83 B. Mendy), De Bruyne (77 Bernardo Silva), Fernandinho, Mahrez, Otamendi
  • Jornada 2 (01/10/2019)
    Manchester City FC 2-0 GNK Dinamo Zagreb
    1-0 Sterling 66, 2-0 Foden 90+5
    Ederson, Gündoğan, Agüero (89 Jesus), Rodri, Bernardo Silva (56 Sterling), David Silva (91 Foden), B. Mendy, Fernandinho, Mahrez, João Cancelo, Otamendi
  • Jornada 3 (22/10/2019)
    Manchester City FC 5-1 Atalanta BC
    0-1 Malinovskyi 28 (P) , 1-1 Agüero 34, 2-1 Agüero 38 (P) , 3-1 Sterling 58, 4-1 Sterling 64, 5-1 Sterling 69
    Ederson, Walker, Sterling, Gündoğan, Agüero, Rodri (41 Stones), De Bruyne (67 Otamendi), B. Mendy (71 João Cancelo), Fernandinho, Mahrez, Foden
  • Jornada 4 (06/11/2019)
    Atalanta BC 1-1 Manchester City FC
    0-1 Sterling 7, 1-1 Pašalić 49
    Ederson (46 Bravo), Sterling, Gündoğan, Jesus (73 Agüero), De Bruyne, Bernardo Silva, B. Mendy, Fernandinho, Mahrez (88 Walker), João Cancelo, Otamendi
  • Jornada 5 (26/11/2019)
    Manchester City FC 1-1 FC Shakhtar Donetsk
    1-0 Gündoğan 56, 1-1 Solomon 69
    Ederson, Sterling, Gündoğan, Jesus, Angeliño, Rodri (76 Foden), De Bruyne (70 David Silva), Bernardo Silva, Fernandinho, João Cancelo, Otamendi
  • Jornada 6 (11/12/2019)
    GNK Dinamo Zagreb 1-4 Manchester City FC
    1-0 Olmo 10, 1-1 Jesus 34, 1-2 Jesus 50, 1-3 Jesus 54, 1-4 Foden 84
    Bravo, Gündoğan, Jesus (66 Zinchenko), Rodri (73 Sterling), Bernardo Silva, B. Mendy, Mahrez, João Cancelo, Otamendi (82 Harwood-Bellis), Foden, E. García
  • Oitavos-de-final
    Jornada 7 (26/02/2020)
    Real Madrid CF 1-2 Manchester City FC
    1-0 Isco 60, 1-1 Jesus 78, 1-2 De Bruyne 83 (P)
    Ederson, Walker, Gündoğan, Jesus, Laporte (33 Fernandinho), Rodri, De Bruyne, Bernardo Silva (73 Sterling), B. Mendy, Mahrez, Otamendi
  • Jornada 8 (17/03/2020)
    Manchester City FC-Real Madrid CF

Real Madrid CF

  • UEFA Champions League - Grupos
    Grupo A - Classificações dos grupos
    ClubeJVEDGMGSPts
    Paris Saint-Germain651017216
    Real Madrid CF632114811
    Club Brugge60334123
    Galatasaray AŞ60241142
    Jornada 1 (18/09/2019)
    Paris Saint-Germain 3-0 Real Madrid CF
    1-0 Di María 14, 2-0 Di María 33, 3-0 Meunier 90+1
    Courtois, Carvajal, Éder Militão, Varane, E. Hazard (70 Lucas Vázquez), Kroos, Benzema, Bale (79 Vinícius Júnior), Casemiro, James Rodríguez (70 Jović), Mendy
  • Jornada 2 (01/10/2019)
    Real Madrid CF 2-2 Club Brugge
    0-1 Bonaventure 9, 0-2 Bonaventure 39, 1-2 Ramos 55, 2-2 Casemiro 85
    Courtois (46 Areola), Carvajal, Ramos, Varane, Nacho (46 Marcelo), E. Hazard, Kroos, Benzema, Modrić, Casemiro, Lucas Vázquez (67 Vinícius Júnior)
  • Jornada 3 (22/10/2019)
    Galatasaray AŞ 0-1 Real Madrid CF
    0-1 Kroos 18
    Courtois, Carvajal, Ramos, Varane, E. Hazard (79 Vinícius Júnior), Kroos, Benzema, Marcelo, Casemiro, Valverde (79 James Rodríguez), Rodrygo (82 Jović)
  • Jornada 4 (06/11/2019)
    Real Madrid CF 6-0 Galatasaray AŞ
    1-0 Rodrygo 4, 2-0 Rodrygo 7, 3-0 Ramos 14 (P) , 4-0 Benzema 45, 5-0 Benzema 81, 6-0 Rodrygo 90+2
    Courtois, Carvajal, Ramos, Varane, E. Hazard (68 Isco), Kroos, Benzema, Marcelo (42 Mendy), Casemiro (60 Modrić), Valverde, Rodrygo
  • Jornada 5 (26/11/2019)
    Real Madrid CF 2-2 Paris Saint-Germain
    1-0 Benzema 17, 2-0 Benzema 79, 2-1 Mbappé 81, 2-2 Sarabia 83
    Courtois, Carvajal, Ramos, Varane, E. Hazard (68 Bale), Kroos, Benzema, Marcelo, Casemiro, Valverde (76 Modrić), Isco (82 Rodrygo)
  • Jornada 6 (11/12/2019)
    Club Brugge 1-3 Real Madrid CF
    0-1 Rodrygo 53, 1-1 Vanaken 55, 1-2 Vinícius Júnior 64, 1-3 Modrić 90+1
    Areola, Éder Militão, Varane, Modrić, Casemiro, Jović (77 Benzema), Odriozola, Isco (84 Valverde), Mendy, Vinícius Júnior (73 Brahim Díaz), Rodrygo
  • Oitavos-de-final
    Jornada 7 (26/02/2020)
    Real Madrid CF 1-2 Manchester City FC
    1-0 Isco 60, 1-1 Jesus 78, 1-2 De Bruyne 83 (P)
    Courtois, Carvajal, Ramos, Varane, Benzema, Modrić (84 Lucas Vázquez), Casemiro, Valverde, Isco (84 Jović), Mendy, Vinícius Júnior (75 Bale)
  • Jornada 8 (17/03/2020)
    Manchester City FC-Real Madrid CF

Última actualização 02/03/2020 17:40CET

Factos e números da prova Apenas esta secção

UEFA Champions League: Sabia que?

Recordes globais
• Em 2016/17, o Real Madrid tornou-se na primeira equipa a revalidar o título da UEFA Champions League, com o Milan (1989 e 1990) a ter sido o último clube a ganhar a Taça dos Campeões em épocas consecutivas. Milan (1994 e 1995), Ajax (1995 e 1996), Juventus (1996 e 1997) e Manchester United (2008 e 2009) regressaram à final da UEFA Champions League como campeões, mas perderam.

• O Real Madrid somou o terceiro troféu seguido em 2017/18, tornando-se o quarto clube a somar três ou mais títulos consecutivos na Taça dos Campeões e o primeiro a fazê-lo duas vezes.

• Apenas duas equipas ganharam a UEFA Champions League em solo nacional: Dortmund (1997, final em Munique) e Juventus (1996, final em Roma). O Manchester United perdeu a final de 2011 em Londres e, 12 meses depois, o Bayern foi batido no seu próprio estádio, a Fußball Arena München.

Fase a eliminar
• O Real Madrid apurou-se para a fase a eliminar da UEFA Champions League em 24 ocasiões, registo recorde, entre as quais 23 seguidas. Detém também o máximo de jogos disputados na fase a eliminar, 97 – à frente do Bayern (92) e do Barcelona (91).

• Em 49 vezes as equipas que perderam a primeira mão conseguiram seguir em frente, incluindo seis em 2018/19 (recorde na competição numa única época) e o Paris Saint-Germain nos oitavos-de-final desta época.

• Antes da época passada, apenas por duas vezes – as vitórias do Ajax sobre o Panathinaikos nas meias-finais de 1995/96 e do Inter frente ao Bayern nos oitavos-de-final de 2010/11 – uma equipa que perdeu a primeira mão em casa passou à etapa seguinte. Contudo, o Ajax novamente (contra o Real Madrid) e o Manchester United (ante o Paris) alcançaram o feito nos oitavos-de-final de 2018/19, antes do Tottenham (diante do Ajax) fazer o mesmo nas meias-finais.

A maior desvantagem alguma vez recuperada foi alcançada pelo Barcelona frente ao Paris nos oitavos-de-final de 2016/17, quando perdeu por 4-0 fora, mas seguiu em frente após vencer por 6-1 em casa. Esta reviravolta suplantou o anterior máximo detido pelo Deportivo nos quartos-de-final de 2003/04, altura em que perdeu por 4-1 no terreno do Milan antes de vencer por 4-0 em casa. A Roma igualou esta margem nos quartos-de-final de 2017/18, virando o desaire de 4-1 na primeira mão, em Barcelona, com um triunfo por 3-0 na capital de Itália, enquanto nas meias-finais de 2018/19 o Liverpool perdeu a primeira mão por 3-0 no terreno do Barcelona, mas apurou-se graças à vitória por 4-0 em casa.

• Trinta e três eliminatórias foram decididas devido aos golos marcados fora, entre as quais 13 em que a equipa vencedora perdeu a primeira mão. Bayern e Mónaco beneficiaram da regra dos golos fora em cinco ocasiões – mais do que qualquer outro clube –, enquanto o Inter foi eliminado quatro vezes dessa forma, registo recorde.

• No total, 30 eliminatórias precisaram de ir a prolongamento. Catorze foram mesmo decididas apenas pelo tempo-extra: seis oitavos-de-final, entre os quais o Atlético-Liverpool em 2019/20, cinco quartos-de-final, a meia-final de 2007/08 entre Chelsea e Liverpool, e a final de 2013/14 disputada por Real Madrid e Atlético.

• Seis eliminatórias foram ao desempate por grandes penalidades, incluindo sete finais – 1996, 2001, 2003, 2005, 2008, 2012 e 2016. A primeira ronda a duas mãos a ser decidida por penalties foi a vitória do PSV Eindhoven sobre o Lyon, por 4-2, a 13 de Abril de 2005, após 2-2 no total dos dois encontros, naquele que é ainda o único confronto dos quartos-de-final a ter sido resolvido dessa forma. Bayern, Chelsea e Atlético participaram em três desempates por penalties e partilham o recorde da competição, tendo Bayern, Atlético e Liverpool ganho mais vezes (duas cada).

• Os oitavos-de-final de 2015/16 entre Atlético e PSV foram os primeiros a terminarem sem golos após as duas mãos. Treze acabaram com 1-0 no total, mais recentemente o triunfo do Real Madrid sobre o Manchester City nas meias-finais de 2015/16.

• Liverpool (frente ao Porto) e Bayern (diante do Beşiktaş) ganharam ambos por 5-0 nos oitavos-de-final de 2017/18, igualando o máximo na fase a eliminar relativamente à maior vantagem na primeira mão – o triunfo do Real Madrid por 6-1 em casa do Schalke em 2013/14 e os 5-0 com que o Bayern venceu o Sporting, em Lisboa, em 2008/09, ambos também nos oitavos-de-final.

• O Bayern eliminou depois o Sporting pela maior vantagem no total das duas mãos, 12-1, depois de ganhar por 7-1 na segunda mão, em Munique; essa ronda teve também mais golos (13) no total das duas mãos do que qualquer outra na fase a eliminar da UEFA Champions League até ter sido igualado pela vitória do Liverpool por 7-6, no total, diante da Roma, nas meias-finais de 2007/08.

• Bayern e Manchester City partilharam o recorde relativo à maior margem de vitória num jogo da fase a eliminar da UEFA Champions League. O Bayern bateu o Basileia (2011/12) e o Shakhtar (2014/15) por 7-0 na segunda mão dos oitavos-de-final, ao passo que o City derrotou o Schalke pelo mesmo resultado na mesma etapa da competição de 2018/19.

• Cinco clubes de de Inglaterra, marca recorde, disputaram a fase a eliminar em 2017/18. Incluindo 2019/20, a Inglaterra também forneceu quatro clubes em oito outras ocasiões – tantos quanto a Espanha em cinco situações e a Alemanha em duas. A Inglaterra é a única nação a ter quatro clubes nos quartos-de-final na mesma época, tendo a de 2018/19 sido a terceira após 2007/08 e 2008/09.

• Existem quatro clubes de dois países nos oitavos-de-final pela terceira vez em 2019/20. Inglaterra e Espanha tiveram quatro cada um em 2008/09, e havia quatro de Inglaterra e Alemanha em 2013/14.

• Clarence Seedorf é o único jogador a ter erguido a Taça dos Campeões por três clubes (Ajax 1995, Real Madrid 1998 e Milan 2003 e 2007). Bob Paisley, do Liverpool (1977, 1978 e 1981), foi o primeiro treinador a ganhar por três vezes, feito igualado por Carlo Ancelotti (Milan 2003, 2007, Real Madrid 2014) e Zinédine Zidane (2016, 2017, 2018).

• Em 2014, Ancelotti tornou-se também no quinto treinador a ganhar o troféu por dois clubes; Ernst Happel (Feyenoord 1970, Hamburgo 1983), Ottmar Hitzfeld (Dortmund 1997, Bayern 2001), José Mourinho (Porto 2004, Inter 2010) e Jupp Heynckes (Real Madrid 1998, Bayern 2013) tinham alcançado antes esse feito.

Recordes de golos
• Lionel Messi tornou-se no primeiro jogador a marcar cinco golos num jogo na goleada do Barcelona sobre o Leverkusen, por 7-1, a 7 de Março de 2012, feito reproduzido por Luiz Adriano, do Shakhtar, frente ao BATE, a 21 de Outubro de 2014. Outros 14 jogadores, onde está novamente Messi, marcaram por quatro vezes numa só partida, incluindo dois jogadores do Bayern, Serge Gnabry e Robert Lewandowski, em jogos da fase de grupos esta temporada, nos terrenos de Tottenham Hotspur e Estrela Vermelha, respectivamente, para além de Josip Iličić (Atalanta) na segunda mão dos oitavos-de-final, em Valência.

• Cristiano Ronaldo estabeleceu novo recorde na fase de grupos da UEFA Champions League com 11 golos em 2015/16 e bateu a sua própria marca de nove tentos em 2013/14, feito igualado por Luiz Adriano em 2014/15 e que o próprio Ronaldo voltou a repetir em 2017/18. Messi apontou dez golos em 2016/17, assim como Lewandowski esta época, enquanto Zlatan Ibrahimović (2013/14), Ruud van Nistelrooy (2004/05), Filippo Inzaghi, Hernán Crespo (ambos em 2002/03), Lewandowski (2018/19) e Erling Braut Haaland (2019/20) marcaram oito.

• O "hat-trick" de Messi frente ao PSV Eindhoven, na primeira jornada de 2018/19, foi o seu oitavo na competição, feito igualado por Ronaldo frente ao Atlético na segunda mão dos oitavos-de-final da mesma temporada.

Jogadores mais novos e mais velhos
• Marco Ballotta, guarda-redes da Lázio, é o jogador mais velho a ter competido na UEFA Champions League, com 43 anos e 252 dias, no encontro frente ao Real Madrid, na sexta ronda de 2007/08. Alessandro Costacurta é o mais velho jogador de campo; o defesa do Milan tinha 40 anos e 211 dias quando defrontou o AEK de Atenas em 2006/07.

• Francesco Totti é o jogador mais velho a marcar na competição, com 38 anos e 59 dias, no empate 1-1 da Roma com o CSKA, a 25 de Novembro de 2014.

• Celestine Babayaro é o mais jovem jogador a estrear-se na prova; tinha 16 anos e 87 dias quando jogou a titular pelo Anderlecht frente ao Steaua, a 23 de Novembro de 1994. Foi expulso aos 37 minutos.

• O golo da vitória marcado por Ansu Fati pelo Barcelona no terreno do Inter, na sexta jornada de 2019/20, tornou-o no mais novo autor de um golo na história da UEFA Champions League, com 17 anos e 40 dias. Bateu o anterior máximo de Peter Ofori-Quaye, do Olympiacos (17 anos e 195 dias), fixado a 1 de Outubro de 1997.

https://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=2038590.html#factos+competicao

2020-03-16T02:02:32:686

Factos e números das equipas Apenas esta secção

Manchester City FC
Fundação: 1894
Alcunha: Citizens

Palmarés nas competições de clubes da UEFA (finalista vencido entre parêntesis)
• Taça dos Clubes Vencedores de Taças (1): 1970

Palmarés nacional (triunfo mais recente entre parêntesis)
Campeonato: 6 (2019)
Taça de Inglaterra: 6 (2019)
Taça da Liga: 6 (2020)

Registo europeu dos últimos dez anos (UEFA Champions League, salvo indicação em contrário)
2018/19: 
quartos-de-final
2017/18: 
quartos-de-final
2016/17:
oitavos-de-final
2015/16: meias-finais
2014/15:
oitavos-de-final
2013/14:
oitavos-de-final
2012/13:
fase de grupos
2011/12:
oitavos-de-final da UEFA Europa League (após transitar da fase de grupos da UEFA Champions League)
2010/11:
oitavos-de-final da UEFA Europa League
2009/10: não participou nas competições de clubes da UEFA

Recordes
Competições de clubes da UEFA
• Maior vitória em casa
7-0: Manchester City - Schalke
12/03/19, segunda mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League

• Maior vitória fora
0-5: Steaua - Manchester City
16/08/16, primeira mão do "play-off" da UEFA Champions League

• Maior derrota em casa
1-3: Manchester City - Bayern Munique
02/10/13, fase de grupos da UEFA Champions League
0-2: Manchester City - Barcelona
18/02/14, primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League

• Maior derrota fora
4-0: Barcelona - Manchester City
19/10/16, fase de grupos da UEFA Champions League

UEFA Champions League (da fase de grupos até à final)
• Maior vitória em casa
7-0: Manchester City - Schalke (ver detalhes acima)

• Maior vitória fora
0-4: duas vezes, mais recentemente frente ao Basileia
13/02/18, primeira mão dos oitavos-de-final

• Maior derrota em casa
1-3:
Manchester City - Bayern Munique (ver detalhes acima)
0-2: Manchester City - Barcelona (ver detalhes acima)

• Maior derrota fora
4-0: Barcelona - Manchester City (ver detalhes acima)

https://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=1981114.html#factos+manchester+city

2020-03-16T02:02:34:139

Real Madrid CF
Fundação:
1902
Alcunha: Merengues

Palmarés nas competições de clubes da UEFA (finalista vencido entre parêntesis)
• Taça dos Clubes Campeões Europeus (13): 1956, 1957, 1958, 1959, 1960, (1962), (1964), 1966, (1981), 1998, 2000, 2002, 2014, 2016, 2017, 2018
• Taça UEFA (2): 1985, 1986
• Taça dos Clubes Vencedores de Taças: (1971), (1983)
• SuperTaça Europeia (4): (1998), (2000), 2002, 2014, 2016, 2017, (2018)
• Taça Intercontinental (3): 1960, (1966), 1998, (2000), 2002

Palmarés nacional (triunfo mais recente entre parêntesis)
Campeonato: 33 (2017)
Taça de Espanha: 19 (2014)

Registo europeu nos últimos dez anos (UEFA Champions League, salvo indicação em contrário)
2018/19: 
oitavos-de-final
2017/18:
vencedor
2016/17: 
vencedor
2015/16:
vencedor
2014/15:
meias-finais
2013/14:
vencedor
2012/13:
meias-finais
2011/12:
meias-finais
2010/11:
meias-finais
2009/10:
oitavos-de-final

Recordes
Competições de clubes da UEFA

• Maior vitória em casa
9-0: Real Madrid - Odense
25/10/61, segunda mão da primeira eliminatória da Taça dos Clubes Campeões Europeus

• Maior vitória fora
0-8: Olympiakos Nicosia - Real Madrid
24/09/69, primeira mão da primeira eliminatória da Taça dos Clubes Campeões Europeus

• Maior derrota em casa
1-4:
Real Madrid - Ajax
05/03/19, segunda mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League
0-3: Real Madrid - CSKA Moskva
12/12/18, fase de grupos da UEFA Champions League

• Maior derrota fora
5-0 duas vezes, mais recentemente frente ao AC Milan
19/04/89, segunda mão das meias-finais da Taça dos Clubes Campeões Europeus

UEFA Champions League (da fase de grupos até à final)
• Maior vitória em casa
8-0: Real Madrid - Malmö
08/12/15, primeira fase de grupos

• Maior vitória fora
0-6: APOEL - Real Madrid
21/11/2017, fase de grupos 

• Maior derrota em casa
1-4: Real Madrid - Ajax (ver detalhes acima)
0-3: Real Madrid - CSKA Moskva (ver detalhes acima)

• Maior derrota fora
4-0: Liverpool - Real Madrid
10/11/09, segunda mão dos oitavos-de-final

https://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=1981098.html#factos+real+madrid

2020-03-16T02:02:34:139

Legenda

:: ESTATÍSTICAS DE SEMPRE
As estatísticas dos clubes em prova nas competições da UEFA.

Competições de clubes da UEFA:
Estas são as estatísticas consideradas válidas para comunicar oficialmente os registos das competições de clubes da UEFA definidas como Taça dos Campeões Europeus, UEFA Champions League, UEFA Europa League, Taça dos Vencedores das Taças, SuperTaça Europeia, Taça Intertoto e Taça Intercontinental. A Taça das Cidades com Feira e a SuperTaça Europeia de 1972 não são consideradas como competições da UEFA, não existindo também qualquer referência ao Mundial de Clubes, organizado pela FIFA.

Árbitros

UCL: Número total de jogos dirigidos na UEFA Champions League a partir da época 1992/93, apenas da fase de grupos até á final. Os jogos nos quais o juiz desempenhou funções de quarto árbitro não estão contemplados nestas estatísticas. Estes são os registos considerados válidos para apurar os recordes oficiais das competições.

UEFA: Números de jogos dirigidos nas competições europeias. Os jogos nos quais o juiz desempenhou funções de quarto árbitro não estão contemplados nestas estatísticas. Estes são os registos considerados válidos para apurar os recordes oficiais das competições.

Competições

Clubes
  • UCL: Liga dos Campeões
  • ECCC: Taça dos Clubes Campeões Europeus
  • UEL: UEFA Europa League
  • UCUP: Taça UEFA
  • UCWC: Taça dos Vencedores de Taças
  • SCUP: SuperTaça Europeia
  • UIC: Taça Intertoto
  • ICF: Taça das Cidades com Feira
Selecções
  • EURO: Campeonato Europeu da UEFA
  • Mundial: Campeonato do Mundo
  • CONFCUP: Taça das Confederações da FIFA
  • Part: Encontros particulares
  • Part U21: Jogos particulares Sub-21
  • U21: Campeonato da Europa de Sub-21
  • SUB17: Europeu de Sub-17
  • SUB16: Europeu de Sub-16
  • SUB19: Europeu de Sub-19
  • SUB18: Europeu de Sub-18
  • WWC: FIFA Women's World Cup
  • EUROFEM: Campeonato da Europa Feminino

Fases da competição

  • F: Final
  • FG: Fase de grupos
  • 1ª Gr.: 1ª fase de grupos
  • 2ª Gr.: 2ª fase de grupos
  • 3ª PE: 3ª pré-eliminatória
  • 1ªE: Primeira eliminatória
  • 2ªE: 2ª eliminatória
  • 3ªE: Terceira eliminatória
  • 4ªE: Quarta eliminatória
  • Prelim.: Fase preliminar
  • MF: Meias-finais
  • QF: Quartos-de-final
  • QF: Oitavos-de-final
  • Pré-el.: Pré-eliminatória
  • 16A: 16 avos-de-final
  • 1ªPE: Primeira pré-eliminatória
  • : primeira mão
  • 2ªPE: Segunda pré-eliminatória
  • : segunda mão
  • FF: Fase final
  • POff: Play-off
  • RE: Ronda Elite
  • Rep.: Repetição
  • POff 3º: Play-off - 3º lugar
  • PO - FF: "Play-off" para a fase final
  • FG-FF: Fase de grupos - fase final

Outras abreviaturas

  • (a.p.): Após prolongamento
  • pen: Grandes penalidades
  • Nr: Número
  • ag: Autogolo
  • ag: Jogo decidido por golos marcados fora
  • P: Penalty
  • tot: Resultado das duas mãos
  • J: Jogos disputados
  • J: Jogos
  • Pos.: Posição
  • Comp.: Competição
  • Pts: Pontos
  • E: Empates
  • V: Expulso (cartão vermelho directo)
  • DN: Data de nascimento
  • Res: Resultado
  • Prolong.: Prolongamento
  • gp: Jogo decidido através do "Golo de Prata"
  • GS: Golos sofridos
  • c: Jogo decidido por moeda ao ar
  • GM: Golos marcados
  • V: Vitórias
  • go: Jogo decidido através do "golo de ouro"
  • CA: Cartão amarelo
  • D: Derrotas
  • DA: Expulso (duplo cartão amarelo)
  • Nac.: Nacionalidade
  • N/A: Não se aplica
  • fc: Jogo perdido por falta de comparência

Estatísticas

  • -: Indica um jogador substituído
  • +: Indica um jogador recém-entrado
  • *: Indica um jogador expulso
  • +/-: Indica um jogador recém-entrado e substituído

Plantel

  • D: Informação disciplinar
  • *: Falha jogo seguinte se admoestado
  • S: Suspenso
  • UCLQ: Número de presenças na actual edição da UEFA Champions League apenas nas rondas de qualificação e "play-off"
  • UCL: Número total de presenças na UEFA Champions League desde a fase de grupos e até à actual jornada
  • UCL: Número total de presenças na UEFA Champions League desde a temporada 1992/93, referente apenas aos jogos compreendidos entre a fase de grupos e a final
  • UEFA: Número total de presenças em todas as competições de clubes da UEFA, incluindo todas as rondas de qualificação
  • Cláusula de desresponsabilização: Apesar de a UEFA ter o máximo cuidado com a informação contida neste documento na altura da sua publicação, nenhuma representação ou garantia (incluindo responsabilidade de terceiros), expressa ou implícita, é feita em relação à exactidão e fiabilidade do mesmo. Como tal, a UEFA não assume qualquer responsabilidade pela utilização ou interpretação da informação nele contida. Mais informação sobre o regulamento das competições poderá ser encontrada no UEFA.com.