O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Congresso da UEFA condena planos de ruptura

Realizadas eleições para cargos no Comité Executivo da UEFA e no Conselho da FIFA.

O 45º Congresso Ordinário da UEFA realizou-se hoje em Montreux, na Suíça, e as 55 federações-membro aprovaram por unanimidade uma declaração condenando veementemente a denominada Superliga:

Declaração do Congresso da UEFA

45º Congresso Ordinário da UEFA – 20 de Abril de 2021

As 55 federações-membro e os participantes no Congresso da UEFA condenam a declaração da denominada “Superliga”. O Congresso da UEFA reafirma que uma “Superliga” fechada vai contra o próprio conceito do que é ser europeu: unido, aberto, solidário e assente nos valores desportivos. A UEFA e as suas federações-membro acreditam num modelo verdadeiramente europeu que se baseia em competições abertas, solidariedade e redistribuição como forma de garantir a sustentabilidade e o desenvolvimento do futebol para o benefício de todos e a promoção dos valores europeus e de resultados sociais.

Os clubes conspiradores não conseguiram perceber que o estatuto que têm actualmente não foi alcançado isoladamente, mas sim como parte de um sistema europeu dinâmico em que os clubes grandes, médios e pequenos contribuíram para os triunfos e as derrotas de todos. É uma afronta aos valores europeus e ao mérito desportivo pensarem que têm direito de se “separarem” e a reivindicar um legado que foi construído por todos.

A UEFA, as suas federações-membro e todos os que amam o futebol mantêm-se firmes e irão resistir de forma determinada e lutar contra esta decisão dos proprietários destes clubes e de quem os apoia. Sabemos, moralmente, o que está em jogo e iremos proteger o futebol de um grupo egoísta que não se preocupa nada com o futebol. Nós somos o futebol europeu, eles não.

Outras decisões tomadas hoje no Congresso da UEFA:

Eleições

Os seguintes candidatos foram eleitos para:

• Oito mandatos de quatro anos no Comité Executivo da UEFA

Primeira votação (maioria absoluta – mais da metade dos votos válidos expressos)

Candidato / Número de votos

Gabriele Gravina (ITA) 53

Karl-Erik Nilsson (SWE)* 52

Alexander Dyukov (RUS) 50

David Gill (ENG)* 48

Zbigniew Boniek (POL)* 47

Rainer Koch (GER)* 47

Servet Yardımcı (TUR)* 47

Just Spee (NED) 31

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Mehdi Bayat (BEL) 14

*reeleição

• Um mandato de dois anos como vice-presidente da FIFA reservado às quatro federações britânicas

Candidato / Número de votos

David Martin (NIR) 48

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------Michael Mulraney (SCO) 4

Kieran O’Connor (WAL) 3

• Um mandato de quatro anos para um membro feminino no Conselho da FIFA

Candidato / Número de votos

Evelina Christillin (ITA)* 33

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------Laura McAllister (WAL) 22

*reeleição

• Quatro mandatos de quatros anos de membros ordinários no Conselho da FIFA

Os quatro seguintes candidatos foram eleitos por aclamação:

Răzvan Burleanu (ROM)

Georgios Koumas* (CYP)

Peter Peters (GER)

Dejan Savićević* (MNE)

*reeleição

Ratificações

Nasser Al-Khelaifi e Karl-Heinz Rummenigge foram ratificados por aclamação como representantes da Associação Europeia de Clubes (ECA) no Comité Executivo da UEFA.

Javier Tebas foi ratificado por aclamação como representante das Ligas Europeias no Comité Executivo da UEFA.

Os novos membros dos Órgãos da UEFA para a Administração da Justiça e do Comité de Governação e Conformidade da UEFA foram ratificados.

Finanças

Foram aprovadas as demonstrações financeiras de 2019/20 e o orçamento para o exercício 2021/22.

Estatutos da UEFA

Foram aprovadas várias alterações estatutárias que entrarão em vigor imediatamente.

Membro honorário

O Congresso da UEFA atribuiu a qualidade de membro honorário a Michael van Praag pelos seus excelentes serviços prestados ao futebol europeu e à UEFA desde 2000, e pelo seu mandato como membro do Comité Executivo da UEFA desde 2009.

Próximo Congresso Ordinário da UEFA

O próximo Congresso da UEFA vai decorrer em Viena, na Áustria, a 11 de Maio de 2022.