Curso de guarda-redes na Bélgica

A Bélgica recebeu o mais recente curso de formação de treinadores de guarda-redes da UEFA, como parte do projecto de especialização de técnicos, a pedido das federações.

©URBSFA-KBVB

A UEFA está a fornecer formação específica para treinadores de guarda-redes e uma série de quatro cursos dedicados ao desenvolvimento e aposta nos guardiões decorreu na Bélgica, anfitriã do evento que recebeu 13 federações em Bruxelas.

Bélgica, República Moldava, Escócia e Sérvia recebem os cursos esta Primavera em eventos a decorrerem sob a égide dos serviços de formação futebolística da UEFA, cujo objectivo visa formar treinadores de guarda-redes e familiarizá-los com as linhas-mestras da UEFA e tendências mais recentes deste lugar específico do jogo. A UEFA está a dar formação especializada em áreas como as de guarda-redes, treino físico para futebol e treino de futsal, indo ao encontro dos pedidos das suas 53 federações-membro.

Na época 2011/12 a UEFA recebeu quatro seminários-piloto para treinadores de guarda-redes na Bélgica, Holanda, República da Irlanda e Suécia, onde estiveram presentes 160 formandos. Como resultado do sucesso desses eventos, a UEFA continua com os cursos de formação específica na temporada 2012/13, sob a égide do programa de formação de treinadores da UEFA.

A Federação Belga de Futebol (URBSFA-KBVB) recebeu as federações-membro de pleno direito da UEFA de Andorra, Áustria, Alemanha, Itália, Liechtenstein, Luxemburgo, Portugal, San Marino, Escócia, Espanha, Suíça e Turquia, bem como Gibraltar, membro provisório da UEFA. As associações foram convidadas a enviar três treinadores de guarda-redes ou especialistas no posto, que possam, depois, espalhar a informação colhida junto dos colegas locais e implementar os conhecimentos adquiridos nos respectivos países através de cursos de formação para técnicos.

Os principais instrutores do curso por parte da UEFA foram Packie Bonner, Federação Irlandesa de Futebol (FAI), treinador de guarda-redes da selecção; Frans Hoek, líder no sector na Federação Holandesa de Futebol (KNVB) e Jim Stewart, instrutor do curso, da Federação Escocesa de Futebol (SFA). Os instrutores receberam o apoio dos representantes da federação belga, Steven Martens (secretário-geral), Paul Allaerts (director-técnico), Robert Huygens (membro do comité-executivo) e Bart Huylebroeck (secretário do comité regional). Kris Van Der Haegen, Bob Browaeys, Patrick Creemers, Marc Van Geersom e Filip De Wilde também estiveram presentes como representantes da URBSFA-KBVB na formação para técnicos de guarda-redes, no treino e na análise de aptidões. O representante do Painel Jira da UEFA foi o antigo director-técnico da federação belga, Michel Sablon.

Os seminários sobre guarda-redes estão a proliferar depois da licença oficial dada pela UEFA para a função, cujos critérios de admissão são recomendados pelo Painel Jira. O curso na Bélgica versou sobre os vários elementos relacionados com a importante posição de guarda-redes. Estiveram incluídos tópicos sobre o trabalho levado a cabo entre guardiões e seus treinadores como parte do processo de desenvolvimento do atleta; desenvolvimento de um padrão para o acesso a guarda-redes internacional e elementos práticos de jogo com as saídas a cruzamentos e o início dos ataques. Grupos de discussão permitiram às federações trocarem ideias e pontos de vista, enquanto também se aprendeu com os instrutores do curso matérias sobre as indicações da UEFA, filosofia e metodologia para guarda-redes.

Os participantes utilizaram os eventos como meio de partilhar experiências, melhoria técnica do treino nos seus próprios países e fornecimento aos treinadores de guarda-redes dos requisitos necessários para que, com adequada formação de guarda-redes, melhores jogadores na posição haverá no futuro. Foi ainda destacado o facto de, com estas iniciativas, se elevar o estatuto dos guarda-redes.

Os próximos cursos serão ministrados na Moldávia (29 de Abril a 2 Maio) e Escócia (6 a 9 de Maio).

Topo