Fitness para o Futebol no centro das atenções

Seis federações juntaram-se na Bélgica num seminário de Fitness para o Futebol da UEFA para debater, entre outros assuntos, como ligar o treino de futebol à preparação física.

Participantes numa sessão prática na Bélgica
Participantes numa sessão prática na Bélgica ©URBSFA-KBVB

Um seminário de Fitness para o Futebol da UEFA, realizado sob a égide do programa do Grupo de Estudos da UEFA (SGS), realizou-se na Bélgica e envolveu treinadores, formadores de treinadores, peritos de fitness e especialistas médicos de seis federações europeias.

A anfitriã Federação de Futebol da Bélgica (URBSFA/KBVB) teve a companhia, no centro de treinos nacional, perto de Bruxelas, de delegações de Andorra, Bulgária, Grécia, Suíça e Ucrânia para quatro dias de apresentações e treinos práticos – todos ligados ao objectivo de ligar o treino de futebol ao de fitness, para benefício máximo dos jogadores.

Uma fase-piloto bem sucedida está a ter seguimento com diversos seminários por toda a Europa, sob orientação do programa SGS, que está a reunir federações para trocar conhecimentos e práticas no sector técnico, para benefício global do futebol europeu.

A UEFA assumiu a temática "Fitness para o Futebol" em resposta a reacções das suas federações-membro, e está a ajudar a aumentar a consciencialização para vertentes correctas do treino de fitness que são específicas do futebol – destinadas a alcançar desempenhos de topo e incentivar a prevenção de lesões.

Consequentemente, a UEFA está a promover uma mensagem forte e vocacionada para o futebol, ao mesmo tempo que motiva as federações a trabalharem na integração dos tópicos de fitness apropriados nos programas de formação de treinadores. Um ponto de discussão chave é que, juntamente com as capacidades de desenvolvimento, os jogadores também devem ter condição física suficiente para os manter ao longo da época – o que significa que treino de fitness específico para o futebol deve fazer parte do programa de treino dos jogadores. O Fitness para o Futebol está a provar ser importante para fomentar o diálogo entre formadores de treinadores e peritos de fitness.

Os tópicos abordados em debates e sessões práticas na Bélgica foram, entre outros, a filosofia do Fitness para o Futebol, as exigências físicas do jogo sobre os atletas, treino atlético para o futebol, como manter os jogadores aptos e desenvolvimento de jogadores jovens. Foram dadas palestras por parte de Paul Balsom, Jan Ekstrand, Sigmund Apold-Aasen e Andreas Morisbak, instrutores da UEFA, enquanto os oradores convidados vieram das equipas de formadores de treinadores e de fitness de selecções da federação belga, bem como preparadores físicos do clube belga Club Brugge KV. Cada uma das federações visitantes também teve a oportunidade de efectuar apresentações sobre os tópicos abordados no seminário.

O seminário forneceu um exemplo perfeito de como uma federação pode aprender sob a orientação da UEFA, e como a cooperação pode levar a novos métodos – neste caso, o "método cruzado" belga, onde as comunidades futebolísticas flamengas e francesas do país fundiram as suas filosofias para desenvolver ainda mais a preparação física dos jogadores, unidos pelo desejo geral de melhoria global. Isto surge na sequência de discussões influenciadas por deliberações num curso piloto do Fitness para o Futebol da UEFA.

Frank Ludolph, responsável pelos serviços educativos de futebol da UEFA, aproveitou a oportunidade para sublinhar o sucesso do Grupo de Estudos da UEFA. Ao longo de seis épocas, disse, 39 federações-membro da UEFA receberam 304 seminários, que contaram com a presença de mais de 10.000 técnicos. Ludolph explicou que a UEFA tomou a decisão de reformular o programa SGS com um novo formato, que pretende fornecer os mesmos benefícios fundamentais de partilha de informação técnica e práticas, ao mesmo tempo que adopta uma abordagem mais específica aos tópicos que fazem parte do programa.

A nova forma do Grupo de Estudos dá a cada federação a possibilidade de visitar quatro federações durante esta temporada e a próxima. Agora, o programa de cada visita é baseado especificamente em três pilares – formação de treinadores, futebol feminino e "raízes" do futebol (e sub-categorias específicas). O Fitness para o Futebol, disse Ludolph, foi um dos principais tópicos de formação de treinadores que as federações visitantes puderam escolher como o assunto principal para um seminário como este, realizado na Bélgica. Em 2015, estão previstos mais quatro seminários Fitness para o Futebol, como parte do Programa do Grupo de Estudos da UEFA, em Dinamarca, Itália, Holanda e Suécia.