Os números por detrás do programa HatTrick da UEFA

Como as receitas do Campeonato da Europa da UEFA estão a aumentar o nível do futebol em todo o continente.

©Getty Images

Mesmo antes do sorteio do UEFA EURO 2020, em Bucareste, já temos um primeiro vencedor. Ao canalizar as receitas da competição para o desenvolvimento do futebol, a UEFA garante que todos os jogadores se possam divertir e destacar no mais belo dos jogos - independentemente da habilidade, rendimento, sexo ou idade.

Desde 2004, o organismo que tutela o futebol europeu distribuiu uma parte significativa das receitas do EURO através das suas 55 federações-membro para marcar um tipo diferente de HatTrick:

Primeiro objectivo: aumento do financiamento em investimentos
Segundo objectivo: melhoria na educação
Terceiro objectivo: maior partilha de conhecimento

O lucro gerado no EURO é reinvestido na formação
O lucro gerado no EURO é reinvestido na formação©UEFA.com

Nos últimos 15 anos, o financiamento para o programa HatTrick da UEFA duplicou. Hoje, é reconhecido como uma das maiores iniciativas de solidariedade e desenvolvimento no desporto, contribuindo com mais de €150 milhões anualmente para o futebol - desde o fortalecimento do futebol feminino e a construção de campos para comunidades locais até projectos inovadores de responsabilidade social.

Aqui partilhamos os números que destacam o impacto deste revolucionário programa no desenvolvimento do futebol europeu.

INFRA-ESTRUTURAS

  • Mais de 3000 mini-campos construídos.
  • 34/55 centros de treino nacionais desenvolvidos para preparar jogadores, treinadores e árbitros.
  • 60% dos estádios nacionais foram modernizados ou construídos com o apoio das receitas do EURO.

EDUCAÇÃO

  • A Academia da UEFA organiza cursos para treinadores, jogadores e especialistas que trabalham no futebol.
  • Mais de 1500 licenciados de mais de 100 nacionalidades formam o núcleo de uma rede cada vez maior de profissionais no futebol.

FUTEBOL FEMININO

O futebol feminino é uma prioridade para a UEFA
O futebol feminino é uma prioridade para a UEFA©UEFA.com
  • Mais de 450 projetos financiados pelo Programa de Desenvolvimento do Futebol Feminino da UEFA em todas as 55 federações da UEFA.

  • Mais da metade desses projetos criou oportunidades para meninas e mulheres jogarem futebol.

FUTEBOL E RESPONSABILIDADE SOCIAL

  • Desde 2016, o HatTrick ajuda a financiar mais de 80 projetos sociais e ambientais.

VALOR ACRESCENTADO

Investir em infra-estruturas é compensador
Investir em infra-estruturas é compensador©UEFA.com
  • O valor total do investimento geral da UEFA no futebol vai muito além do campo de jogo. Por cada euro da receita da competição investida no desenvolvimento do futebol através do HatTrick, federações nacionais, governos, autoridades locais e clubes contribuíram com €3,63 adicionais.

  • Estima-se que a participação de oito milhões de jogadores inscritos em clubes de futebol em 15 países da UEFA tenha gerado um total acumulado de €31,2 mil milhões* em benefícios económicos e sociais, além dos ganhos em saúde. Esta pesquisa é conduzida por uma equipa especializada da UEFA, a Grow, que fornece às federações nacionais dados e serviços para garantir que elas façam as escolhas estratégicas acertadas no seu futuro.

*A UEFA é capaz de atribuir um valor económico preciso aos benefícios da participação em massa no futebol amador, graças a um modelo econométrico projectado por nove universidades europeias. Ele baseia-se em dados de participação no futebol em 15 países da UEFA - Bielorrússia, Inglaterra, Finlândia, Alemanha, Itália, Letónia, Malta, Holanda, Irlanda do Norte, Polónia, República da Irlanda, Roménia, Escócia, Eslováquia e Suécia. O total acumulado final de 8,5 mil milhões de euros inclui:

  • €5,2 mil milhões em contribuição direta à economia através do consumo e emprego de futebol (directo e indirecto), bem como da receita gerada pelo investimento em infra-estruturas e arrendamento de instalações.
  • €9,8 mil milhões de euros em economia devido ao impacto social do futebol e projectos dedicados à coesão, inclusão e integração, por exemplo redução na criminalidade, melhor desempenho escolar.
  • €16,2 mil milhões em ganhos de saúde devido ao impacto positivo da atividade física moderada a rigorosa, reduzindo o risco de doenças como a diabetes tipo II e doenças cardíacas.

Reconhecido por União Europeia, Conselho da Europa, Organização Mundial da Saúde e ONU como academicamente robusto, o modelo baseia-se em dados registados de jogos e em mais de uma centena de artigos de pesquisa revistos por pares em diferentes disciplinas Estão aqui incluídas saúde, educação, emprego, sociologia e desporto.

Topo