Prémios das "Raízes" do Futebol da UEFA de 2020: todos os vencedores

Nomeados de Dinamarca, Geórgia, Alemanha, Itália e Polónia foram os grandes vencedores dos prémios com que a UEFA premeia a excelência nas "raízes" do futebol.

​

Dinamarca, Geórgia, Alemanha, Itália e Polónia receberam o ouro nos Prémios das "Raízes" do Futebol da UEFA de 2020.

Os prémios distinguem líderes, clubes e projectos europeus pelo seu incrível empenho e contribuição para as "raízes" do futebol, celebrando alguns heróis desconhecidos que trabalham na base da modalidade.

"As 'raízes' do futebol são cruciais para o bem-estar da modalidade e da sociedade", disse Aleksander Čeferin, Presidente da UEFA, durante uma videoconferência especial com todos os vencedores do prémio de ouro. "Como os feitos dos vencedores demonstram, as 'raízes' do futebol mostram como a popularidade universal do futebol pode ajudar a quebrar estereótipos e ligar comunidades.

"Só conseguimos decidir os vencedores após muito diálogo e deliberação ponderada. A qualidade e quantidade dos candidatos aumenta a cada ano, o que torna os feitos dos vencedores ainda mais notáveis".

Anualmente e desde 2010, a UEFA premeia os heróis das "raízes" do mais popular desporto na Europa. Com isso dá a conhecer as pessoas, projectos e lugares que garantem que todos, independentemente da idade, habilidade, género e estatuto social, podem praticar futebol num ambiente seguro, esse que é o principal objectivo do programa das "raízes" do futebol da UEFA.

Apesar dos desafios de um ano de 2020 atípico, o padrão de qualidade foi mais uma vez incrivelmente elevado entre os 129 candidatos, oriundos de 36 países. Abaixo pode consultar os três primeiros classificados de cada uma das cinco categorias a concurso.

Vencedores dos Prémios das "Raízes" do Futebol da UEFA de 2020

Melhor Líder
Ouro: Jessy Surmava (Geórgia)
Prata:
Brian Sloan (Irlanda do Norte)
Bronze:
Klyuev Pavel Aleksandrovich (Rússia)

Melhor Líder das "Raízes" do Futebol da UEFA
Melhor Líder das "Raízes" do Futebol da UEFA

Melhor Projecto
Ouro: Etnoliga (Polónia)
Prata:
Rinus (Países Baixos)
Bronze:
Futebol na Prisão (Espanha)

Melhor Projecto das "Raízes" do Futebol da UEFA
Melhor Projecto das "Raízes" do Futebol da UEFA

Melhor Clube
Ouro: Frederiksberg Boldklub (Dinamarca)
Prata:
Chadderton Park Sports Club (Inglaterra)
Bronze:
Greenisland FC (Irlanda do Norte)

Melhor Clube das "Raízes" do Futebol da UEFA
Melhor Clube das "Raízes" do Futebol da UEFA

Melhor Iniciativa para Deficientes
Ouro: 4ª Categoria (Itália)
Prata:
Liga Força Especial (Croácia)
Bronze:
Actividades especiais para crianças especiais (Lituânia)

Melhor Iniciativa para Deficientes das "Raízes" do Futebol da UEFA
Melhor Iniciativa para Deficientes das "Raízes" do Futebol da UEFA

Melhor Clube Profissional
Ouro: SV Werder Bremen (Alemanha)
Prata:
Shakhtar Donetsk (Ucrânia)
Bronze:
Dundee United (Escócia)

Melhor Clube Profissional das Raízes" do Futebol da UEFA
Melhor Clube Profissional das Raízes" do Futebol da UEFA

Como é que os vencedores dos Prémios das "Raízes" do Futebol da UEFA são escolhidos?

Cada uma das 55 federações-membro da UEFA é convidada a nomear candidatos, cabendo depois a escolha dos vencedores ao Comité Executivo da UEFA, seguindo recomendações efectuadas pelo gabinete do Painel das "Raízes" do Futebol e o Comité de Desenvolvimento e Assistência Técnica do organismo.