Terceiro mandato para Fernando Gomes

Fernando Gomes foi reeleito presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) para um novo mandato de quatro anos.

Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol
Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol FPF

O líder da FPF foi reeleito sem oposição até 2024 - naquele que será o seu terceiro e último mandato - durante a Assembleia Geral eleitoral do organismo, que decorreu exactamente quatro anos após Portugal ter conquistado o UEFA EURO 2016, em França.

Presidente da FPF desde 2011, Fernando Gomes, que também é vice-presidente da UEFA e membro do Conselho da FIFA, sublinhou que o trabalho junto dos clubes profissionais e da Liga será executado com o "mesmo espírito construtivo e de exigência de sempre".

O futebol português desfrutou, sob a liderança de Fernando Gomes, de um considerável sucesso nos anos mais recentes. Desde que, em 2012, a FPF reviu as suas estratégias a longo prazo, as selecções nacionais portuguesas conquistaram o EURO 2016 e a UEFA Nations League, bem como o UEFA Futsal EURO em 2018 e o Campeonato do Mundo de Futebol de Praia em 2019.

Outro sucessos de relevo incluem a abertura da Cidade do Futebol, localizada em Oeiras. O complexo, que foi financiado em parte pelo programa HatTrick da UEFA, acolhe a sede da FPF e o centro técnico.