Presidente da UEFA elogia centenário do futebol na Polónia

O Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, participou nas comemorações dos 100 anos da Federação polaca, destacando a história do futebol do país e a sua contribuição para a modalidade.

Aleksander Čeferin oferece um presente a Zbigniew Boniek, presidente da PZPN
Aleksander Čeferin oferece um presente a Zbigniew Boniek, presidente da PZPN ©PZPN

O Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, participou nas comemorações do 100º aniversário da Federação Polaca de Futebol (PZPN), destacando a história orgulhosa do futebol do país e a sua contribuição para a modalidade a nível europeu e mundial.

Čeferin participou no evento de gala de sexta-feira no centro de conferências Double Tree, em Varsóvia, que serviu para assinalar os 100 anos desde que 31 delegados de vários clubes e distritos se reuniram na capital polaca para fundar o organismo responsável pelo futebol do país.

Aleksander Čeferin fala com Andrzej Duda (à direita)
Aleksander Čeferin fala com Andrzej Duda (à direita)©PZPN

“Feliz aniversário para a Federação Polaca de Futebol", disse Čeferin à plateia, a qual incluía o presidente da Polónia, Andrzej Duda. "E viva o futebol polaco.”

"A Polónia tornou-se muito forte", acrescentou Čeferin. "É graças à paixão, ao trabalho árduo e ao amor pelo futebol no seu país que agora existem estádios magníficos, adeptos leais e uma selecção nacional que impõe respeito em todo o planeta do futebol."

Feitos principais

A Federação polaca juntou-se à FIFA em 1923 e tornou-se membro da UEFA logo após a sua fundação em 1954.

O ponta-de-lança Robert Lewandowski (braço levantado) festeja um golo pela Polónia no último jogo da Qualificação Europeia
O ponta-de-lança Robert Lewandowski (braço levantado) festeja um golo pela Polónia no último jogo da Qualificação Europeia©AFP/Getty Images

A selecção da Polónia, que disputou o seu primeiro jogo oficial em 1921, terminou em terceiro lugar no Campeonato do Mundo de 1974 e de 1982, tendo conquistado a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 1972 e a de prata em 1976 e 1992. Recentemente, a Polónia apurou-se para o UEFA EURO 2020, naquela que será a quarta presença consecutiva numa fase final do EURO.

A Polónia também co-organizou com sucesso o UEFA EURO 2012 ao lado da Ucrânia, enquanto a próxima final da UEFA Europa League será na cidade polaca de Gdańsk. O Estádio Nacional de Varsóvia recebeu a final da mesma competição em 2015 e a fase final do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2017 decorreu na Polónia. “Quem quiser um evento de sucesso no futebol, a Polónia é um dos locais para o conseguir”, disse Čeferin.

O Presidente da UEFA congratula Zbigniew Boniek
O Presidente da UEFA congratula Zbigniew Boniek©PZPN

 “A Federação Polaca de Futebol usou o sucesso do EURO 2012, que foi organizado de maneira excelente, como um trampolim para o desenvolvimento do futebol na Polónia”, continuou Čeferin. "Sob a presidência de Zbigniew Boniek [antiga estrela do futebol polaco], o orçamento do organismo triplicou e foram feitos grandes investimentos.”

O Presidente da UEFA elogiou os líderes e dirigentes que serviram a PZPN ao longo dos anos na criação e no reforço das estruturas de futebol da Polónia. "Também devemos agradecer a todos os voluntários que cuidam de crianças em campos nas vilas e cidades de todo o país", acrescentou. "Eles também ajudaram a construir essa base fortes."

"Esta é uma celebração de 100 anos de história maravilhosa criada por todos", disse Zbigniew Boniek. “Há muito para recordar, momentos que testemunhámos e nos quais participámos. Tenho enorme prazer em dizer que toda a família do futebol esteve envolvida: clubes, treinadores, adeptos, jogadores, médicos, membros.”

"O desporto e o futebol em particular ajudaram a unir-nos", revelou. “Gostaria de agradecer a todos os que criaram a nossa história. Sabemos o quanto ainda podemos melhorar, mas estamos a fazer tudo o que podemos para que isso aconteça.”

Relação de proximidade

Aleksander Čeferin usa da palavra na gala de Varsóvia
Aleksander Čeferin usa da palavra na gala de Varsóvia©PZPN

Čeferin destacou as excelentes relações entre a UEFA e a PZPN na tentativa de desenvolver ainda mais o futebol do país. "A decisão de sediar a final da UEFA Europa League do próximo ano na bela cidade de Gdańsk", reflectiu, "mostra a proximidade da federação polaca e da UEFA".

Um dos vários projectos da PZPN para o futuro é a estratégia "Football Unites Us", que visa aumentar os níveis de participação em todo o país e que é auxiliado pelo financiamento do programa de assistência HatTrick da UEFA.

O PZPN também adoptou a iniciativa GROW da UEFA, que, entre outras coisas, tem como objectivo ajudar as federações-membro a expandir a participação popular e as receitas financeiras.

Entre outros, o programa GROW forneceu à federação acesso a sondagens independentes de mercado, mostrando que o interesse no futebol e a imagem da PZPN melhoraram consideravelmente nos últimos anos. Actualmente, o PZPN também está a utilizar o modelo das Federações do Futuro da UEFA para desenvolver a sua nova estratégia organizacional, tendo o apoio continuado à estratégia comercial ajudado a PZPN a duplicar a sua receita com patrocínios.

"Estamos a trabalhar juntos para desenvolver o futebol na Polónia e em toda a Europa", disse Čeferin. "E continuaremos a fazê-lo nos próximos 100 anos."

Grzegorz Lato foi figura de relevo da selecção da Polónia nas décadas de 1970 e 1980.
Grzegorz Lato foi figura de relevo da selecção da Polónia nas décadas de 1970 e 1980.©Getty Images

A equipa do Centenário da PZPN foi apresentada no evento de gala, após uma sondagem "on-line" que convidava os adeptos a escolher entre 100 jogadores indicados, além da selecção feita por um júri especial de personalidades polacas.

A equipa, repleta de estrelas do futebol polaco do presente e do passado, foi então revelada: Józef Młynarczyk, Łukasz Piszczek, Władysław Żmuda, Jerzy Gorgoń, Antoni Szymanowski, Henryk Kasperczak, Kazimierz Deyna, Zbigniew Boniek, Grzegorz Lato, Robert Lewandowski e Włodzimierz Lubański.