Faleceu o campeão mundial Gordon Banks

O inglês Gordon Banks, um dos maiores guarda-redes da sua era e vencedor do Mundial 1966, morreu aos 81 anos.

Gordon Banks faleceu aos 81 anos
Gordon Banks faleceu aos 81 anos ©Getty Images

Gordon Banks, guarda-redes vencedor do Campeonato do Mundo de 1966 por Inglaterra, morreu aos 81 anos.

Banks teve papel fulcral na selecção inglesa orientada por Alf Ramsey que venceu o Mundial 1966. Banks só sofreu o primeiro golo na competição nas meias-finais, frente a Portugal.

Quatro anos depois, na fase final no México, fez uma defesa quase milagrosa a um cabeceamento de Pelé no encontro entre Inglaterra e Brasil, em Guadalajara. Ainda hoje se especula que, caso um problema gástrico não o tivesse afastado do jogo com a República Federal da Alemanha, nos quartos-de-final, talvez o desfecho tivesse sido outro (derrota por 3-2).

Gordon Banks em voo
Gordon Banks em voo©Getty Images

Banks somou 73 internacionalizações por Inglaterra e foi duas vezes finalista vencido da Taça de Inglaterra ao serviço do Leicester City, em 1961 e 1963. Ganhou duas vezes a Taça da Liga, com Leicester (1964) e Stoke City (1972).

Era o Jogador do Ano da Associação de Jornalistas do Futebol Inglês quando terminou abruptamente a carreira devido a um acidente rodoviário, em Outubro de 1972, no qual perdeu a visão no olho direito.

Bobby Charlton, companheiro de equipa na selecção campeã mundial, afirmou estar "profundamente entristecido" por saber da morte de Banks. "Gordon foi um guarda-redes fantástico", recordou, "um dos melhores de sempre de Inglaterra. Sinto orgulho em poder dizer que fui seu colega de equipa".

"Partilhámos aquele dia histórico em 1966, mas vivemos mais do que isso. Estava em campo naquele dia e já vi inúmeras vezes a repetição das imagens, mas continuo sem saber como é que defendeu o cabeceamento do Pelé."

Topo