UEFA aprova sanções mais duras contra o racismo

Reunido em Londres, o Comité Executivo da UEFA aprovou o aumento das sanções face a condutas racistas, conferiu mais na luta contra a viciação de resultados e avançou novas iniciativas antidoping.

O Comité Executivo da UEFA aprovou, na mais recente edição dos Regulamentos Disciplinares da UEFA, que entrará em vigor a 1 de Junho de 2013, a aplicação de sanções mais severas a todos os tipos de comportamentos racistas que afectem o futebol. Esta decisão do comité foi tomada na reunião realizada quarta e quinta-feira, em Londres, antes da realização do XXXVII Congresso Ordinário da UEFA, agendado para sexta-feira.

Combate ao racismo
Os novos Regulamentos Disciplinares da UEFA destacam-se por incluírem sanções ainda mais severas no eficaz combate ao racismo em jogos de futebol, em linha com a política de tolerância-zero da UEFA, igualmente sublinhada por uma resolução adoptada pelo Conselho Estratégico para o Futebol Profissional(PFSC) a 27 de Março de 2013, em Sófia. Uma outra resolução contra o racismo será avançada no XXXVII Congresso Ordinário da UEFA, esta sexta-feira.

Os novos regulamentos disciplinares incluem as seguintes sanções em caso de comportamentos discriminatórios:

  • Pelos adeptos: interdição parcial das bancadas, na zona onde o incidente tenha ocorrido, caso seja a primeira infracção e, em caso de reincidência, o clube ou selecção nacional serão punidos com um jogo à porta fechada e terão de pagar uma multa de 50 mil euros.
  • Por jogadores ou membros da equipa: um mínimo de dez jogos de suspensão.

Em defesa do jogo
O castigo mínimo por insulto a um árbitro foi aumentado de dois para três jogos de suspensão, enquanto a agressão a um árbitro passará a partir de agora a resultar numa suspensão mínima de 15 jogos (anteriormente a suspensão mínima era de dez jogos).

Para além disso, foram ainda concedidos maiores poderes aos órgãos disciplinares da UEFA para que estes tenham a possibilidade de agirem caso uma federação-membro da UEFA não puna ou puna de forma inapropriada ofensas que coloquem em causa a essência do futebol, com especial ênfase na viciação de resultados, na corrupção e no doping.

Em simultâneo, o Comité Executivo da UEFA decidiu ainda remover qualquer período de prescrição para com infracções de corrupção, suborno ou viciação de resultados, permitindo assim a tomada de acções disciplinares independentemente da data em que tal situação teve lugar.

Finais das competições de Clubes
Outras decisões tomadas nesta reunião do Comité Executivo passaram pela escolha dos recintos que vão albergar as finais das competições de clubes da UEFA em 2015. O Olympiastadion, em Berlim, será o palco da final da UEFA Champions League, enquanto o Estádio Nacional de Varsóvia irá receber a final da UEFA Europa League.

Iniciativas antidoping
O Comité Executivo da UEFA aprovou também novas iniciativas antidoping, entre as quais o lançamento de um estudo que visa uma análise retrospectiva do perfil de esteróides de aproximadamente 900 jogadores que participaram nas competições da UEFA desde 2008. O objectivo deste estudo passa por identificar a potencial prevalência do uso de esteróides no futebol europeu, através do recurso a dados recolhidos em anteriores controlos antidoping. A colheita do estudo será anónima, pelo que os resultados não conduzirão em castigos a quaisquer jogadores que tenham incorrido numa violação das regras antidoping.

Baseado nos resultados do estudo, poderá ser considerada a futura implementação de um programa de passaporte biológico, dentro do programa anti-doping da UEFA. O Comité Executivo da UEFA decidiu ainda introduzir alguns testes de sangue nas competições da UEFA a partir da temporada de 2013/14, para além dos tradicionais testes já efectuados à urina. Até agora, testes de sangue eram apenas efectuados em fases finais de Campeonatos da Europa.

Regulamentos das competições
Por fim, foi aprovado o regulamento para as seguintes competições: Campeonato da Europa de 2013/14, Campeonato da Europa de Sub-17 de 2013/14, Campeonato da Europa Feminino de Sub-19 de 2013 e Campeonato da Europa Feminino de Sub-17 de 2013/14.

A próxima reunião do Comité Executivo da UEFA terá lugar em Dubrovnik, na Croácia, a 19 e 20 de Setembro de 2013.

Topo