Comité Executivo: Decisões da reunião de Chipre

O Comité Executivo da UEFA, na sua reunião em Limassol, esta quinta-feira, foi informado sobre o sucesso da primeira reunião estratégica completa das 53 federações europeias.

Reunião do Comité Executivo da UEFA em Limassol, Chipre
Reunião do Comité Executivo da UEFA em Limassol, Chipre ©UEFA.com

O Comité Executivo da UEFA reuniu-se hoje em Limassol, Chipre, depois da primeira reunião estratégica completa de sempre das 53 federações-membro, a 20 e 21 de Setembro, e recebeu uma análise detalhada sobre os principais temas abrangidos.

O Comité Executivo ouviu com interesse as reacções da reunião estratégica de dois dias da parte das federações-membro, que debateram vários assuntos relacionados com o desenvolvimento do futebol de selecções.

O comité também foi actualizado sobre as discussões e pontos de vista das federações-membro em relação às alterações propostas ao calendário de jogos internacional.

Foi dado apoio incondicional para um calendário composto apenas de jornadas duplas e sem datas para um jogo amigável, em particular no mês de Agosto, algo que ajudaria a agilizar o calendário competitivo das selecções e a evitar choques com os campeonatos nacionais. O processo de consulta com as várias partes envolvidas prossegue, tendo em vista o objectivo de alcançar um calendário europeu a recomendar à FIFA.

Em relação aos assuntos governativos que envolvem a FIFA, o Comité Executivo reafirmou a posição que tinha tornado clara na sua última reunião, em Junho, e aguarda com interesse a reunião de Outubro com o Comité Executivo da FIFA.

O comité aprovou a doação de 500,000 euros à Federação Japonesa de Futebol, a título de solidariedade, pelos terríveis danos causados pelo recente desastre natural.

O Comité Executivo também aprovou a entrada de quatro novos membros na Convenção de Educação de Árbitros e Organização da UEFA – Azerbaijão, Bulgária, Croácia e San Marino. Também concordou com a extensão da Convenção de Árbitros por mais quatro anos, de 2012/13 a 2015/16. Com a inclusão destes novos membros, a convenção tem agora 47 membros permanentes e um parcial. Os membros recebem 100,000 euros aquando da assinatura, bem como pagamentos anuais de 100,000 euros, de modo a continuarem a estabelecer padrões de qualidade europeus na arbitragem.

O comité recebeu informação actualizada sobre o trabalho do Painel de Controlo Financeiro de Clubes, incluindo a introdução do requerimento que obriga os clubes a terem um Oficial de Ligação e Apoio, cuja tarefa é estabelecer um contacto mais próximo com os adeptos. O primeiro workshop para Oficial de Ligação e Apoio vai ser realizado na Alemanha, em meados de Outubro.

A próxima reunião do Comité Executivo da UEFA vai ter lugar em Veneza, Itália, a 8 e 9 de Dezembro.

Topo