Arena Belgrade - Belgrado 05-02-2016 - 18:30CET (18:30 Hora locallocal)

Fase final - Fase de grupos - Grupo C

Cazaquistão - Croácia
4-2
 

Cazaquistão - Croácia 4-2 - 05-02-2016 - Página do jogo - Futsal EURO 2016

O "site" oficial do futebol europeu

Cazaquistão bate croatas e apura-se

Publicado: sexta-feira, 5 de Fevereiro de 2016, 21.15CET
Cazaquistão 4-2 Croácia
A equipa cazaque segue em frente para os quartos-de-final após ter levado de vencida uma Croácia que desiludiu.
por Nuno Tavares
de Arena Belgrade
Cazaquistão bate croatas e apura-se
Dinmukhambet Suleimenov (Kazakhstan) ©Sportsfile

Estatísticas dos jogos

Cazaquistão
Croácia

4

Golos marcados

2

45

Total de tentativas

23

18

Remates à baliza

12

17

Remates para fora

6

10

Remates defendidos

5

5

nos postes

0

9

Cantos

6

2

Cartões amarelos

1

0

Cartões Vermelhos

0

6

Faltas cometidas

5

4

Faltas sofridas

6

Equipas

Cazaquistão

Cazaquistão

Croácia

Croácia

2Higuita (GR)
39:12
1Jukić (GR) (C)
6Leo3Grcić
9Dovgan7Jelovčić
10Yesenamanov
31:13
8Marinović
19Douglas Jr.
5:14
10Novak
1Shamro (GR)20Bilić (GR)
3Knaub2Matošević
6:21
4Grebonos4Grbeša
5Zhamankulov
16:46
26:17
6Babić
7Pengrin9Pandurević
8Suleimenov (C)
6:36
11Suton
32:52
34:10
11Pershin15Horvat
15Taku17Petrović
18Nurgozhin

Treinadores

Cacau (BRA)
Mato Stanković (CRO)

Primeiro árbitro

Oleg Ivanov (UKR)

Dossiers de Imprensa

Classificação

Última actualização: 14/07/2016 15:54 CET
  
Publicado: sexta-feira, 5 de Fevereiro de 2016, 21.15CET

Cazaquistão bate croatas e apura-se

Cazaquistão 4-2 Croácia
A equipa cazaque segue em frente para os quartos-de-final após ter levado de vencida uma Croácia que desiludiu.

  • Cazaquistão derrota croatas por 4-2 e sela apuramento no Grupo C
  • Croatas ainda logram chegar ao empate, mas acabam por perder e têm agora de bater a Rússia
  • Veja o resumo do encontro a partir das 23h00
  • Jogo do Grupo C no domingo: Croácia - Rússia (17h30)

O Cazaquistão tonrou-se a primeira equipa a apurar-se no Grupo C do UEFA Futsal EURO 2016 para a última jornada, ao bater a Croácia por 4-2 na Arena Belgrade.

Numa etapa inicial sempre disputada a ritmo elevado, o Cazaquistão logrou ganhar vantagem através de Douglas Jr., que recargou com êxito um primeiro remate ao poste de Pavel Taku. A Croácia respondeu cerca de um minuto volvido, com Vedran Matošević a aproveitar uma bola perdida e a ter apenas de empurrar para o fundo da baliza. O empate durou apenas 15 segundos, já que Dinmukhambet Suleimenov não perdoou quando apareceu solto de marcação na zona frontal, antes de Serik Zhamankulov fazer o 3-1 pouco antes do intervalo.

A Croácia regressou pressionada dos balneários e a verdade é que nunca encontrou soluções para fazer face a um adversário superiormente orientado por Cacau. Assim, foi com naturalidade que os cazaques chegaram ao quarto golo numa excelente jogada colectiva, com Leo a servir de bandeja o golo a Zhamankulov. Josip Suton ainda atenuou a desvantagem croata, mas isso foi o melhor que os comandados de Mato Stanković conseguiram.

A chave
Higuita, sempre Higuita. O guarda-redes do Cazaquistão, que já passou pelo futsal português em representação do Belenenses, assinou mais uma exibição portentosa. Conhecido pela sua excelente técnica individual e preponderância no jogo ofensivo da sua selecção, o atleta nascido no Brasil brilhou, desta feita, entre os postes, revelando-se um autêntico muro intransponível para os croatas.

Cazaquistão a precisar de... descansar
O Cazaquistão tem agora quatro dias até voltar a entrar em campo para o seu jogo dos quartos-de-final, sendo que o seu provável adversário será a campeã Itália, que defronta a República Checa no domingo. Com o árduo trabalho desenvolvido por jogadores como Leo, Douglas Jr. e Higuita, todos eles a contas com pequenos problemas físicos, esse tempo extra de recuperação poderá ser muito importante.

Última esperança para a Croácia
A Croácia ainda não está eliminada, mas precisa agora de bater a Rússia por uma diferença de dois golos, no domingo, para atingir pela terceira vez consecutiva a fase a eliminar da competição e afastar, dessa forma, a finalista vencida em 2014.

Reacções:
Cacau, seleccionador do Cazaquistão
Acreditámos neste sonho e não viemos aqui apenas para marcar presença, viemos para competir. Sabíamos que podíamos fazer isto, sendo que não é qualquer equipa que bate Portugal [na fase de qualificação] e empata 5-5 ante a Ucrânia. Hoje o Cazaquistão veio aqui mostrar que o nosso sonho podia tornar-se realidade e eu quero dedicar a vitória a todos no Cazaquistão. Os meus jogadores foram heróis hoje.

Mato Stanković, seleccionador da Croácia
O sexto e o sétimo minutos foi quando o jogo ganhou verdadeiramente vida. Perdemos completamente o controlo na segunda parte e uma boa equipa como o Cazaquistão não tem problemas em tirar partido disso.

Última actualização: 06-02-16 9.34CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores
Perfis das equipas

https://pt.uefa.com/futsaleuro/season=2016/matches/round=2000603/match=2018436/postmatch/report/index.html#cazaquistao+bate+croacia