O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Antevisão diária do UEFA Futsal EURO: Rússia - Eslovénia, Polónia - Croácia

A Rússia parece ser a equipa a bater no Grupo C, mas a estreante Eslováquia quer surpreender, ao passo que a Polónia defronta a Croácia no outro jogo do dia.

Robinho, que joga em Portugal ao serviço do Benfica, continua a ser um dos destaques da selecção da Rússia
Robinho, que joga em Portugal ao serviço do Benfica, continua a ser um dos destaques da selecção da Rússia UEFA via Getty Images

A Rússia parece ser a equipa a bater no Grupo C do UEFA Futsal EURO 2022, mas a estreante Eslováquia quer surpreender na primeira partida do dia na Ziggo Dome, ao passo que a Polónia defronta a Croácia mais tarde.

Fazemos a antevisão de toda a acção.

Rússia - Eslováquia (16h30, Amesterdão)

A Rússia esteve em tantas finais ou pelo menos ganhou medalhas de bronze em torneios nos últimos anos que é estranho pensar que a vitória no primeiro Campeonato da Europa de Futsal de 1999 continua a ser a sua única grande conquista a nível sénior. No entanto, o desempenho assinado no Mundial do ano passado, onde, inspirados pelo eterno Robinho e pelo capitão Sergei Abramov, caíram nos quartos-de-final frente à então campeã em título Argentina e apenas num épico desempate por penáltis, sugere que os russos serão difíceis de parar.

A Eslováquia faz a sua estreia numa fase final do Futsal EURO e a pesada derrota por 7-1 sofrida perante a Rússia há dois anos, no apuramento para o Campeonato do Mundo, mostra bem a dura tarefa que tem pela frente. Contudo, Tomáš Drahovský e Gabriel Rick representam uma ameaça particular e a Eslováquia mostrou garra na qualificação, especialmente contra a República da Moldávia, por sinal uma selecção que está a melhorar rapidamente.

Sergei Skorovich, seleccionador da Rússia : "As expectativas são muito altas e positivas; estamos ansiosos por este torneio há muito tempo. Esperamos uma grande festa neste evento. A Eslováquia é o primeiro jogo e o primeiro jogo é sempre difícil. Preparámo-nos bem e ninguém vem aqui para perder. Todos querem ganhar. O jogo vai ser difícil para os dois lados, mas queremos mostrar o nosso melhor."

Marián Berky, seleccionador da Eslováquia: "A Rússia é favorita neste jogo, é a melhor equipa, mas vamos tentar jogar bem e talvez possamos fazer uma surpresa. Será muito importante estar focado e marcar nas oportunidades que tivermos."

Estatística-chave: A Rússia terminou as últimas quatro fases finais do torneio no pódio.

Resumo do jogo de atribuição do terceiro lugar: Rússia 1-0 Cazaquistão
Resumo do jogo de atribuição do terceiro lugar: Rússia 1-0 Cazaquistão

Polónia - Croácia (19h30, Amesterdão)

Estas duas equipas também se defrontaram na primeira jornada da fase de grupos em 2001, com a Croácia a vencer por 2-1. Esses foram os únicos pontos obtidos por qualquer uma das duas selecções e, na década seguinte, nenhuma das duas nações voltou a conseguir apurar-se. Porém, desde que chegou às meias-finais como anfitriã em 2012, a Croácia tornou-se uma força a ter em conta e, mesmo que tenha ficado de fora da edição de 2018, evidenciou-se desta feira na qualificação, principalmente na vitória por 7-2 festejada na Ucrânia. No entanto, Luka Perić vai falhar o torneio depois de lhe ser diagnosticada uma angina, enquanto que Tihomir Novak está em dúvida para o jogo contra a Polónia, devido a lesão.

A Polónia, por mais estranho que possa parecer, só regressou a uma fase final do Futsal EURO em 2018 e, embora não tenha sido capaz de avançar para além da fase de grupos, abriu a sua campanha com um excelente empate a uma bola diante da Rússia. Para além disso, a selecção polaca logrou travar Portugal (2-2) na qualificação e reservou o seu bilhete para o torneio com um impressionante triunfo por 8-5 sobre a República Checa.

Błażej Korczyński, seleccionador da Polónia: "Temos de ser rápidos a jogar, porque não temos a capacidade da Croácia. Não temos períodos muito longos de posse de bola, a Croácia nisso é melhor, mas temos de jogar rápido e procurar coisas diferentes. A Croácia é uma grande equipa com jogadores muito bons e muita qualidade individual. A nossa força é que somos um grupo unido e todos os jogadores dão tudo."

Marinko Mavrović, seleccionador da Croácia: "A Polónia é um adversário difícil e é uma equipa forte fisicamente. Espero ver a Polónia que conheço. O nosso objectivo neste torneio é passar à fase seguinte. Não importa se é como primeiro do nosso grupo, ou como segundo, queremos é estar na próxima fase."

Estatística-chave: A Polónia procura a sua primeira vitória numa fase final da prova.