Eder Lima vence Bota de Ouro adidas

O russo Eder Lima terminou à frente de Fernandão e de Gabriel Lima, vencendo a Bota de Ouro adidas para o melhor marcador do UEFA Futsal EURO 2014 com oito golos, o melhor registo em 15 anos.

Eder Lima marca na final
©Sportsfile

O russo Eder Lima venceu a Bota de Ouro adidas para o melhor marcador do UEFA Futsal EURO 2014, isto depois de o seu tento na derrota na final, por 3-1, ante a Itália, ter elevado a sua conta pessoal para oito golos.

O pivot, também o melhor marcador (nove golos) do Campeonato do Mundo de 2012, bisou nos dois jogos da Rússia na fase de grupos, antes de assinar um "hat-trick" no triunfo por 6-0 sobre a Roménia nos quartos-de-final. Esses sete golos já lhe permitiam registar a maior total desde a primeira fase final com 12 equipas, em 2010. O seu total de nove golos apenas foi suplantado num UEFA Futsal EURO por um homem, o já falecido dianteiro russo Konstantin Eremenko, que conseguiu 11 tentos em 1999.

Também o primeiro atleta a vencer com uma larga vantagem desde Nando Grana, em Itália, em 2005, Eder Lima contabilizou mais três golos do que o pivot da Espanha, Fernandão, cujos dois golos no "play-off" do terceiro lugar, contra Portugal, lhe valeram a Bota de Prata, com cinco tentos. O italiano Gabriel Lima marcou um golo e deu outro a marcar na final, ultrapassando o seu compatriota Fortino e o esloveno Gašper Vrhovec na corrida pela Bola de Bronze, devido a ter mais assistências.

Lista de vencedores
Bota de Ouro: Eder Lima (Rússia) 8 golos, 4 assistências (5 jogos)
Bota de Prata: Fernandão (Espanha) 5 golos, 0 assistências (5 jogos)
Bola de Bronze: Gabriel Lima (Itália) 4 golos, 3 assistências, 1 cartão amarelo (5 jogos)

Estatísticas completas

Critério
1) Maior número de assistências:
• Jogador que efectua intencionalmente o passe, cruzamento, cabeceamento ou remate que leve a um golo
• Jogador que remate e a bola ressalte nos ferros, no guarda-redes ou no defesa antes de entrar na baliza
• Passe, remate ou cruzamento de um jogador que resulte num autogolo
• Apenas pode ser atribuída uma assistência por golo
• Não é atribuída uma assistência a um jogador por ganhar um penalty ou um livre
2) Maior média de penalties duplos (dez metros) convertidos
3) Maior média de penalties (seis metros) convertidos
4) Maior número de golos marcados em menos jogos
5) Registo de Fair play (cartões vermelhos e amarelos)

Melhores marcadores dos torneios anteriores
2012: Torras (Espanha)*, Dario Marinović (Croácia) 5
2010: Saad Assis (Itália), Biro Jade (Azerbaijão), Javi Rodríguez (Espanha), Joel Queirós (Portugal) 5
2007: Cirilo (Rússia), Daniel (Espanha), Predrag Rajić (Sérvia) 5
2005: Nando Grana (Itália) 6
2003: Serhiy Koridze (Ucrânia) 7
2001: Serhiy Koridze (Ucrânia) 7
1999: Konstantin Eremenko (Rússia) 11
1996: Konstantin Eremenko (Rússia) 8

*Torras venceu a Bota de Ouro devido a mais assistências

Topo