O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Sérvia

A Sérvia participará no seu terceiro Campeonato da Europa de Futsal consecutivo desde que a sua selecção foi revitalizada pelo antigo capitão da Jugoslávia, Aca Kovačević.

Sérvia
Sérvia ©UEFA.com

A antiga Jugoslávia entrou no mundo do futsal internacional em Dezembro de 1987, com dois jogos particulares realizados em Itália. Apesar de ter perdido na estreia por 4-2, eis que, no dia seguinte, ganhou por 5-1. Cinco anos depois, qualificou-se para o Mundial de 1992, mas as sanções internacionais negaram aos jugoslavos a oportunidade de competirem. De regresso em 1995, estrearam-se em fases finais em 1999, no Campeonato da Europa de futsal.

Os resultados que se seguiram alternaram entre o bom e o mau e, durante três anos, a partir de Janeiro de 2004, realizaram somente um encontro, que se saldou por uma derrota por 5-0 com a Espanha, então sob a designação de Sérvia e Montenegro. Em 2007, a Sérvia, já completamente independente, entrou na fase de apuramento para o Campeonato da Europa de Futsal sob as ordens do antigo capitão Aca Kovačević e conseguiu um lugar na fase final, tendo efectuado exibições meritórias, como a derrota por 5-3 com a Rússia, o empate 1-1 com a Espanha e o triunfo sobre a Ucrânia por 3-2. Em 2010, voltou à fase final, tendo vencido o seu grupo, ficando à frente da Rússia, antes de ser eliminada nos quartos-de-final por Portugal. Desta vez, uma goleada por 6-0 na última jornada, com um "hat-trick" do promissor Mladen Kocić valeu o apuramento.

Fase de apuramento: Holanda 3-3, Rússia 0-3, Finlândia 6-0 (segunda classificada do Grupo 2)

Jogadores mais importantes
Bojan Pavićević, Mladen Kocić

Seleccionador: Aca Kovačević

Data de nascimento: 27 de Agosto de 1955
Carreira como jogador:
Mungosi (actualmente KMF Marbo Beograd), Hellas Verona C/5
Carreira como treinador:
Sérvia

Aca Kovačević foi o melhor jogador de futsal da história da antiga Jugoslávia. Durante 15 anos, capitaneou o Mungosi, de Belgrado (actual KMF Marbo Beograd) e, em 1994, teve uma temporada nos italianos do Hellas Verona C/5. Também capitaneou a Jugoslávia entre 1988 e 1996, tendo ajudado à qualificação da selecção para o Mundial de 1992, do qual os jugoslavos seriam excluídos devido às sanções internacionais.

Kovačević, que actualmente dirige uma escola de futsal em Belgrado e já escreveu um livro sobre a variante do futebol, foi nomeado seleccionador da Sérvia a 1 de Dezembro de 2006. A equipa apenas efectuara uma partida desde a fase de apuramento para o Campeonato da Europa de Futsal, em Janeiro de 2004, mas Kovačević conseguiu logo um empate com a Ucrânia e triunfos sobre a Polónia e República da Moldávia. Na Primavera, os sérvios qualificaram-se para a fase final de 2007, a sua primeira presença desde 1999, na altura ainda como Jugoslávia. No Porto, foram eliminados na fase de grupos, apesar de terem empatado 1-1 com a Espanha e derrotado a Ucrânia. Em 2010, Kovačević voltou a apurar os sérvios para a fase final e estes venceriam o seu grupo, à frente da Rússia, antes de serem eliminados por Portugal, que chegaria à final.

Melhor marcador na fase de apuramento
Mladen Kocić 3

Registo na fase final
2010: Quartos-de-final
2007: Fase de grupos
2005: Não participou
2003: Não participou
2001: Não participou
1999: Fase de grupos
1996: Não participou