Portugal cai perante a Espanha e falha meias-finais

Portugal 2-6 Espanha
A Espanha foi demasiado forte para a selecção portuguesa, que fica, assim, pelo caminho nos quartos-de-final.

Watch Spain's quarter final show
  • Portugal falha acesso às meias-finais após perder ante a Espanha
  • Primeira parte revela-se decisiva, com os espanhóis a conseguirem uma vantagem de três golos
  • Veja o resumo do jogo a partir das 23h00
  • Espanha mede forças com Itália ou Cazaquistão nas meias-finais, na quinta-feira, às 20h00

Portugal falhou o apuramento para as meias-finais do UEFA Futsal EURO 2016, ao perder por 6-2 contra a Espanha, em Belgrado.

A Espanha mostrou-se mais perigosa desde o apito inicial, nomeadamente quando Pola acertou com estrondo no poste após um canto. Mas o golo espanhol surgiu mesmo pouco depois, com Bruno Coelho a cometer um penalty sobre Alex e Miguelín a não perdoar na conversão. E dois minutos volvidos chegou o 2-0, cortesia de Mario Rivillos. Portugal acusou o toque e ainda sofreu um terceiro golo antes do intervalo, com Alex a roubar a bola a Paulinho e a tocar com classe por cima de Bebe.

Ricardinho devolveu alguma esperança a Portugal quando reduziu a abrir a segunda parte, concluíndo um rápido contra-ataque, mas a Espanha voltou a uma vantagem de dois golos apenas 31 segundos depois, com Raúl Campos a marcar de ângulo muito reduzido. Ricardinho não atirou a toalha ao chão e voltou a marcar mais um golo de antologia, à semelhança do que já tinha feito à Sérvia. Ver para crer... Portugal ainda tentou tudo, mas a Espanha geriu na perfeição e ainda fez mais dois golos, por Alex e Rivillos.

A chave
Perfeitos conhecedores das qualidades de Ricardinho e de Cardinal, ou não fossem alguns colegas de clube da dupla portuguesa no Inter Movistar, os jogadores espanhóis conseguiram limitar as acções da embos, pelo menos até a magia de Ricardinho se fazer sentir. A qualidade do conjunto de José Venancio López fez o resto...

Magia de Ricardinho vai fazer-se sentir
Autor de seis golos no torneio, Ricardinho tem dois de vantagem na corrida pela Bota de Ouro adidas, mas com o camisola 10 tudo gira em torno da qualidade e não propriamente da quantidade. O seu segundo tento esta noite siginfica que conseguiu produzir um golo de sonho em todos os jogos que disputou na Sérvia. A competição vai sentir a sua falta...

Reacções:
José Venancio López, seleccionador de Espanha
Estou bastante feliz pela nossa exibição. Foi um grande jogo e estou orgulhoso da equipa. Parabéns a Portugal, especialmente a Ricardinho, um jogador de outra galáxia. É uma pena que Portugal tenha sido eliminado, pois um jogo entre Espanha e Portugal teria sido uma meia-final muito interessante, mas no global fomos a melhor equipa.

Quanto mais difíceis as coisas são, melhor a reacção da equipa. Esta selecção possui carácter e união. Para além disso, adora futsal e quer tornar a modalidade ainda melhor. Temos um estilo ofensivo, por isso esta foi uma grande vitória.

Jorge Braz, seleccionador de Portugal
A Espanha foi melhor do que nós, cometemos demasiados erros, e assim torna-se difícil bater uma equipa como a Espanha. Tivemos oportunidades, marcámos golos, mas quando se cometem muitos erros frente à Espanha, isto é o que acontece. O resultado foi totalmente merecido.

Agradeço o apoio dos adeptos sérvios. Também gostaria de dar os parabéns ao povo sérvio, é óbvio que tem paixão por esta modalidade. Espero que a paixão pelo desporto no global se vá centrando no futsal em específico. Desejo tudo de bom ao futsal na Sérvia. Havia um grande ambiente, um recinto fantástico, e os adeptos ajudaram a conseguir isso para o Campeonato da Europa. Parabéns por tudo o que fizeram e espero que continuem a ter paixão pelo desporto no global, passando a incluir o futsal no lote de desportos que adoram.

Topo