Rússia reforça estatuto de candidata com goleada

Rússia 7-1 Holanda
Cirilo e Eder Lima bisaram, ajudando o adversário de Portugal a iniciar a sua campanha no Grupo B com um triunfo impressionante.

Cirilo, da Rússia, festeja o tento inaugural do torneio, frente à Holanda
Cirilo, da Rússia, festeja o tento inaugural do torneio, frente à Holanda ©Sportsfile

A Rússia cimentou o seu estatuto de candidata no arranque do UEFA Futsal EURO 2014, na sequência de um triunfo por 7-1 sobre a Holanda, em partida do Grupo B (o mesmo de Portugal) disputada na Lotto Arena, em Antuérpia.

Cirilo bisou ainda na primeira parte e não deu hipóteses a uma selecção da Holanda presente pela primeira vez numa fase final do Europeu de Futsal desde 2005. Os comandados de Marcel Loosveld vão, agora, tentar evitar uma eliminação prematura quando medirem forças com Portugal na quinta-feira.

A Holanda entrou desinibida em campo e assustou mesmo a favorita Rússia nos instantes iniciais do encontro, com Najib El Allouchi a ver o seu livre indirecto ser travado com dificuldade. No entanto, a falta de experiência do conjunto holandês nestas andanças revelou-se fatal com apenas três minutos decorridos. Cirilo rodou bem sobre o seu marcador directo e atirou a contar de pé esquerdo.

O tento inaugural "libertou" a equipa russa, que não tardou a materializar a sua superioridade técnica e táctica no espaço de dois minutos, chegando ao 3-0 mercê dos remates certeiros de Dmitri Lyskov e, novamente, Cirilo, este último na conversão de um livre em zona frontal. A Holanda não mostrava argumentos para parar o adversário e sofreu mesmo mais um golo antes do intervalo, cortesia de um desvio pleno de classe de Eder Lima.

Qualquer esperança acalentada pela Holanda para os segundos 20 minutos caiu por terra escassos segundos após o reatamento, altura em que Sergei Sergeev aproveitou um rápido contra-ataque para inscrever igualmente o seu nome na lista dos marcadores. Cada ataque russo fazia adivinhar novo golo e esse cenário concretizou-se pouco depois, quando Robinho bateu o guarda-redes Petrus Grimmelius.

Apesar da volumosa desvantagem, a Holanda nunca baixou os braços e foi recompensada sensivelmente a meio da etapa complementar, quando Mohamed Attaibi, que curiosamente joga no clube local Futsal Topsport Antwerpen, reduziu distâncias. Contudo, a Rússia não permitiu mais veleidades e logrou mesmo chegar ao sétimo golo, através de Eder Lima.