Răducu: marcar primeiro embala a Roménia

Emil Răducu marcou o primeiro golo da Roménia na vitória no Grupo A, por 6-1, ante a Bélgica, tendo dito ao UEFA.com que esse tento foi decisivo; Alain Dopchie elogiou a "eficiência" dos vencedores.

Nelu Stancea e Robert Lupu festejam o triunfo da Roménia
Nelu Stancea e Robert Lupu festejam o triunfo da Roménia ©Sportsfile

Nelu Stancea, seleccionador da Roménia
Tenho de dar os parabéns aos meus jogadores, mas não apenas a a eles - aos espectadores também. A atmosfera foi excelente e compensou um jogo complicado, mas penso que estivemos bem do ponto de vista táctico. Gostaria de agradecer aos espectadores e especialmente aos nossos adeptos – 200 dos quais vieram de propósito da Roménia.

Emil Răducu, avançado da Roménia
Foi um jogo difícil, mas foi muito bom para nós termos conseguido vencer. É muito importante garantir isso no primeiro encontro, especialmente contra os anfitriões. A primeira partida é sempre a mais difícil.

A atmosfera foi muito boa. Tivemos alguns adeptos, mas a equipa da casa tinha muitos mais. Isso tornou as coisas um pouco mais complicadas para nós, mas foi bom termos prevalecido. É deveras importante marcar o primeiro golo. Mesmo num EURO o primeiro golo é muito importante.

Alain Dopchie, seleccionador da Bélgica
Olhando para a primeira parte, a minha equipa jogou bem - muito bem -, mas dois incidentes importantes conduziram a dois golos e essa foi a principal diferença entre nós e eles. Começámos muito bem a segunda parte, mas eles fizeram o 3-0.

Foi muito difícil para nós marcarmos, porque a Roménia revelou sempre uma boa organização. Penso que a assistência deixou a Arena com o mesmo sentimento que eu: o 6-1 foi demasiado pesado e não reflectiu o jogo.

Topo