Portugal continua na corrida, França perto do apuramento e Berg brilha

Cristiano Ronaldo resolveu o difícil jogo de Portugal em Andorra, enquanto o golo madrugador de Blaise Matuidi deixou a França perto do primeiro lugar do Grupo A e Marcus Berg fez um "poker" pela Suécia.

©Getty Images
  • Golo de Matuidi coloca França perto da fase final
  • Holanda perto da eliminação, Suécia marca oito vezes
  • Ronaldo ajuda Portugal a vencer em Andorra
  • Veja os resumos dos jogos desta noite a partir das 23h00 (de Portugal Continental)
  • Todas as contas: quem precisa do quê para se apurar

Apurados: Bélgica, Inglaterra, Alemanha, Rússia (anfitrião), Espanha

Grupo A

Bulgária 0-1 França

Um golo de Blaise Matuidi no terceiro minuto - remate cruzado a passe de Antoine Griezmann – confirmou um dos dois primeiros lugares para os franceses no Grupo A, num jogo equilibrado em Sófia. Em caso de vitória dia 10 de Outubro, na recepção à Bielorrússia, a França vencerá o grupo; qualquer outro resultado poderá significar a perda do lugar para a Suécia.

Suécia 8-0 Luxemburgo

Marcus Berg marcou quatro contra o Luxemburgo
Marcus Berg marcou quatro contra o Luxemburgo©Getty Images

Marcus Berg apontou quatro golos no maior triunfo da Suécia desde 1938. o capitão Andreas Granqvist marcou duas vezes de penalty, com Mikael Lustig e Ola Toivonen a fazerem também o gosto ao pé. Este resultado foi também a derrota mais pesada em 35 anos do Luxemburgo, que, recorde-se, empatou 0-0 em França na última jornada.

Bielorrússia 1-3 Holanda

A Holanda perdeu quase todas as esperanças no apuramento apesar da vitória na Bielorrússia. Davy Pröpper marcou à boca da baliza e, apesar de Maksim Volodko ter empatado para os da casa, Arjen Robben, de penalty, e Memphis Depay, de livre, deram o triunfo à selecção laranja. Os holandeses recebem a Suécia no próximo jogo, mas terão de ganhar por uma margem quase impossível para ficarem em segundo posto.

Grupo B

Suiça 5-2 Hungria

Suíça festeja o golo de Granit Xhaka
Suíça festeja o golo de Granit Xhaka©Getty Images

A formação de Vladimir Petković ganhou o nono jogo em outros tantos encontros e vai agora tentar segurar a lideranla em Portugal. Dois golos em outros tantos minutos na primeira parte deram o mote, com Granit Xhaka a aproveitar um erro de Péter Gulácsi e Fabian Frei a marcar logo a seguir o 2-0. Dois tentos de Steven Zuber resolveram o encontro com os suíços a levantarem o pé durante quase toda a segunda parte.

Andorra 0-2 Portugal

Cristiano Ronaldo saiu do banco para marcar
Cristiano Ronaldo saiu do banco para marcar©AFP/Getty Images

Cristiano Ronaldo veio do banco para inspirar Portugal rumo a uma difícil vitória que deixa os campeões da Europa a um triunfo no Grupo B na última jornada. Andorra resistiu na primeira parte, mas Ronaldo entrou após o intervalo para marcar o primeiro golo e foi seu o centro que daria o tento da confirmação por parte de André Silva, perto do final.

Ilhas Faroé 0-0 Letónia

Os visitantes terminaram uma série de sete jogos seguidos a perder e saíram do último posto do Grupo B. Os ilhéus foram melhores em Torshavn, com Jóan Edmundsson a acertar na barra em duas ocasiões, mas não conseguiu suplantar a resiliente Letónia.

Grupo H

Bósnia e Herzegovina 3-4 Bélgica

Thomas Meunier marcou o primeiro da Bélgica
Thomas Meunier marcou o primeiro da Bélgica©Getty Images

Yannick Carrasco marcou perto do final e desferiu um rude golpe nas esperanças dos da casa em chegarem ao "play-off", numa partida disputada em Sarajevo sob forte chuva e em que a formação de Mehmed Baždarević deu tudo. Haris Medunjanin empatou depois de Thomas Meunier ter inaugurado o marcador, mas Michy Batshuayi respondeu logo após Edin Višća ter colocado os da casa na frente. Jan Vertonghen fez o 3-2, mas o primeiro tento pela selecção de Dario Dumić parecia dar um ponto aos bósnios até Carrasco ter resolvido a contenda.

Chipre 1-2 Grécia

Kostas Mitroglou empatou para a Grécia
Kostas Mitroglou empatou para a Grécia©Getty Images

A derrota da Bósnia e Herzegovina abriu a corrida para o segundo lugar para a Grécia, que começou mal, pois Pieros Sotiriou colocou Chipre na frente. Kostas Mitroglou e Alexandros Tziolis deram a volta para a equipa de Michael Skibbe. Um triunfo ante Gibraltar na terça-feira irá confirmá-los como segundos do Grupo H.

Gibraltar 0-6 Estónia

A Estónia averbou a maior vitória em jogos oficiais igualando os 6-0 no particular com a Lituânia em 1928, com Gibraltar a somar derrotas nos 19 jogos oficiais disputados. Siim Luts, Mattias Käit e Sergei Zenjov marcaram na primeira parte
mas o destaque maior foi para Joonas Tammque apontou o primeiro "hat-trick" pela selecção depois do intervalo num intervalo de 26 minutos.

Topo