Gelson estreia-se, Ronaldo e Antunes de regresso

Gelson Martins é a novidade na convocatória de Portugal para os próximos jogos de qualificação para o Mundial 2018, enquanto Cristiano Ronaldo, recuperado de lesão, e Antunes regressam às opções.

Gelson Martins em acção pelo Sporting na UEFA Champions League
Gelson Martins em acção pelo Sporting na UEFA Champions League ©AFP/Getty Images

Gelson Martins é a novidade na convocatória de Portugal para os dois próximos jogos de qualificação do Campeonato do Mundo de 2018. Cristiano Ronaldo, recuperado de lesão, e Antunes regressam às opções de Fernando Santos.

O extremo, presença habitual na selecção Sub-21, vê premiado o seu excelente início de época com o Sporting, onde tem sido titular e contabiliza dois golos e quatro assistências. Agora, frente a Andorra (7 de Outubro) e Ilhas Faroé (10) pode somar a sua primeira internacionalização pelo campeão europeu.

Cristiano Ronaldo, que falhou o jogo com a Suíça após lesão contraída na final do UEFA EURO 2016, regressa às convocatórias da equipa das "quinas", o mesmo acontecendo com Antunes, defesa do Dínamo Kiev que não era chamado desde o jogo com a Sérvia (suplente não-utilizado), em Março de 2015.

Em relação à convocatória anterior, saem Eliseu, Luís Neto e Rafa Silva, entrando Renato Sanches e André Gomes, chamados inicialmente mas depois dispensados devido a lesão.

Em conferência de imprensa, o seleccionador Fernando Santos explicou o porquê de ter convocado Gelson Martins: "Há muito tempo que faz parte do leque dos jogadores observados. Pelas suas características técnicas, pelos dois jogos que se avizinham, frente a equipas que actuam muito fechadas, e também por algumas ausências, entendi que agora era altura de o chamar".

Já sobre o regresso do capitão de equipa, foi peremptório. "Esta convocatória é mais forte que a anterior porque tem Cristiano Ronaldo. Quem tem Cristiano Ronaldo fica sempre mais forte", afirmou.

Lista de convocados
Guarda-redes: Rui Patrício (Sporting), Marafona (Braga) e Anthony Lopes (Lyon)

Defesas: Cédric Soares e José Fonte (Southampton), João Cancelo (Valência), Pepe (Real Madrid), Bruno Alves (Cagliari), Raphael Guerreiro (Dortmund) e Antunes (Dínamo Kiev)

Médios: William Carvalho e Adrien Silva (Sporting), Danilo (Porto), André Gomes (Barcelona), João Mário (Inter), Renato Sanches (Bayern), João Moutinho e Bernardo Silva (Mónaco)

Avançados: Ricardo Quaresma (Beşiktaş), Gelson Martins (Sporting), Nani (Valência), Éder (Lille), André Silva (Porto) e Cristiano Ronaldo (Real Madrid)

Topo