Conheça o seleccionador de Espanha, Julen Lopetegui

O UEFA.com faz a análise do novo seleccionador de Espanha, Julen Lopetegui, que aspira repetir o anterior sucesso nas selecções jovens do seu país após suceder a Vicente del Bosque.

©AFP

O que disse?
Na sua apresentação
"Gostava de reiterar a minha gratidão pela confiança depositada em mim e pela oportunidade de orientar a selecção nacional. Enche-me de orgulho e dá-me um enorme sentido de responsabilidade. Estou ciente de que recaem sobre mim exigências enormes."

Sobre a sua visão para Espanha
"A base da equipa é clara. Temos muitos jogadores que provaram estar a um nível elevado e tenho a certeza que irão chegar outros desse nível. Não irá ser uma revolução, mas sim uma evolução. Vamos tentar retirar vantagem da boa forma da equipa ao mesmo tempo que fazemos pequenos ajustamentos."

Qual é a sua experiência?
Um guarda-redes que teve curtas passagens pelo Real Madrid e Barcelona, e que fez parte da selecção de Espanha no Campeonato do Mundo de 1994, Lopetegui passou a maior parte da carreira no Logroñés e no Rayo Vallecano, clube onde se estreou como treinador em 2003.

Após uma primeira experiência como adjunto, treinou a equipa de reservas do Real Madrid após o que levou a Espanha até aos quartos-de-final no Campeonato do Mundo Sub-20, em 2011 – e à glória no Campeonato da Europa da UEFA, em Sub-19, na Estónia, no ano seguinte.


Como joga a sua equipa?
Com a sua mais longa e bem-sucedida passagem como treinador a decorrer na época dourada das selecções de Espanha, Lopetegui deverá manter o estilo expansivo e de posse de bola introduzido por Luis Aragonés e Vicente del Bosque.

Veja a vitória por 3-0 da Espanha sobre a Turquia.
Veja a vitória por 3-0 da Espanha sobre a Turquia.

O que se segue?
Lopetegui, de 49 anos, deverá anunciar a sua primeira convocatória de Espanha para o jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2018, diante do Liechtenstein, no final de Agosto, antes de se reunir com a equipa para preparar o jogo do dia 5 de Setembro. Um mês mais tarde a Espanha defronta a Itália fora. Tal acontece menos de quatro meses depois de a selecção "azzurri" ter eliminado a campeã da Europa no UEFA EURO 2016 com um triunfo por 2-0. Segue-se outra visita complicada, à Albânia, a 9 de Outubro.

Topo