Qualificação Europeia para o UEFA EURO 2020: como funciona

Vinte equipas garantem a qualificação via fase de grupos, enquanto as restantes quatro serão apuradas através de um novo sistema de "play-off".

A bola oficial da Qualificação Europeia
©Igor Panevski

A qualificação para o UEFA EURO 2020 continuará praticamente na mesma (com 24 selecções finalistas no total), embora a Qualificação Europeia tenha arrancado mais tarde que o habitual - em Março seguinte a cada grande torneio, em vez de começar logo em Setembro (ou seja, Março de 2019 em vez de Setembro de 2018, neste caso). Nenhuma selecção terá apuramento automático para a fase final enquanto anfitriã (existirão, ao todo, 12 países anfitriões).

Fase de grupos de qualificação (qualificam-se 20 selecções)

As 55 selecções europeias foram divididas em dez grupos de cinco ou seis selecções cada. Quatro dos cinco grupos de cinco selecções contam com uma selecção apurada para a fase final da UEFA Nations League. Os dois primeiros de cada grupo qualificam-se para a fase final, ditando assim a atribuição das primeiras 20 vagas.

Explicação do 'play-off' para o EURO 2020
Explicação do 'play-off' para o EURO 2020

"Play-off" (qualificam-se 4 selecções)

As derradeiras quatro vagas na fase final do EURO serão definidas pelo "play-off" da Qualificação Europeia, no qual participarão os vencedores dos 16 grupos da UEFA Nations League (ou seja, os vencedores dos quatro grupos de cada uma das quatro ligas dessa competição).

  • Cada liga terá um caminho próprio e cada um desses caminhos contará com duas meias-finais jogadas numa só mão e uma final disputada igualmente só num encontro. O sorteio da cada caminho foi realizado a 22 de Novembro de 2019 e os jogos serão disputados num só palco, entre 26 e 31 de Março de 2020. O vencedor de cada caminho apura-se para a fase final do UEFA EURO 2020.

  • Se o vencedor de um grupo da UEFA Nations League já tiver garantido lugar na fase final do EURO através da Qualificação Europeia, o seu lugar no "play-off" é ocupado pela selecção seguinte da sua liga mais bem posicionada no ranking. Se uma liga não tiver quatro selecções para competirem no respectivo "play-off", os lugares por ocupar serão preenchidos por selecções de outra liga, de acordo com o ranking geral da UEFA Nations League.

Jogos do “play-off “

Caminho A
Um sorteio determinou qual vencedor da meia-final 2 (Bulgária ou Hungria) joga a final em casa. As meias-finais são as seguintes:

Meia-final 1 (1 - 4): Islândia - Roménia
Meia-final 2 (2 - 3): Bulgária - Hungria

Caminho B
Um sorteio determinou qual vencedor da meia-final 1 (Bósnia e Herzegovina ou Irlanda do Norte) joga a final em casa. As meias-finais são as seguintes:

Meia-final 1 (1 - 4): Bósnia e Herzegovina - Irlanda do Norte
Meia-final 2 (2 - 3): Eslováquia - República da Irlanda

Caminho C
Um sorteio determinou qual vencedor da meia-final 2 (Noruega ou Sérvia) joga a final em casa. As meias-finais são as seguintes:

Meia-final 1 (1 - 4): Escócia - Israel
Meia-final 2 (2 - 3): Noruega - Sérvia

Caminho D
Um sorteio determinou qual vencedor da meia-final 1 (Geórgia ou Bielorrússia) joga a final em casa. As meias-finais são as seguintes:

Meia-final 1 (1 - 4): Geórgia - Bielorrússia
Meia-final 2 (2 - 3): Macedónia do Norte - Kosovo

Fase final do UEFA EURO 2020

Formato: Tal como sucedeu no UEFA EURO 2016, as 24 selecções finalistas vão ser divididas pelo sorteio em seis grupos de quatro. As duas primeiras classificadas de cada grupo e as quatro melhores terceiras classificadas seguem para a fase a eliminar.


Estádios

Final e meias-finais
Londres, Inglaterra: Wembley Stadium

Três jogos da fase de grupos, um jogo dos quartos-de-final
Baku, Azerbaijão: Estádio Olímpico
Munique, Alemanha: Football Arena München
Roma, Itália: Olimpico de Roma
São Petersburgo, Rússia: Estádio São Petersburgo

Três jogos da fase de grupos, um jogo dos oitavos-de-final
Amesterdão, Holanda: Amsterdam Arena
Bilbau, Espanha: Estadio de San Mamés
Bucareste, Roménia: Arena Nacional
Budapeste, Hungria: Estádio Ferenc Puskás
Copenhaga, Dinamarca: Estádio Parken
Dublin, República da Irlanda: Dublin Arena
Glasgow, Escócia: Hampden Park
Londres, Inglaterra: Wembley Stadium 

As cidades anfitriãs serão emparelhadas por um sorteio aleatório - a partir de seis diferentes listas de emparelhamentos de cidades formadas com base na potência desportiva e consideração geográfica.

Veja todos os golos do UEFA EURO 2016
Veja todos os golos do UEFA EURO 2016

Cidades anfitriãs são colocadas automaticamente nos seguintes grupos. Se os dois países emparelhados se apurarem, será realizado um sorteio para determinar qual deles é a equipa visitada no duelo entre ambos.

Grupo A: Itália (Olimpico em Roma)*
Grupo B: Rússia (Estádio São Petersburgo), Dinamarca (Estádio Parken, Copenhaga)
Grupo C: Holanda (Johan Cruijff ArenA, Amesterdão)*, Roménia (Arena Nacional, Bucareste)
Grupo D: Inglaterra (Wembley Stadium, Londres)*, Escócia (Hampden Park, Glasgow)
Grupo E: Espanha (Estadio de San Mamés, Bilbau)*, República da Irlanda (Dublin Arena)
Grupo F: Alemanha (Fußball Arena München, Munique)*, Hungria (Estádio Ferenc Puskás, Budapeste)

*Garantido que disputa todos os três jogos da fase de grupos em casa.

Calendário da Qualificação Europeia e do UEFA EURO 2020

21 a 26 de Março, 7,8 e 10, 11 de Junho, 5 a 10 de Setembro, 10 a 15 de Outubro e 14 a 19 de Novembro de 2019: Fase de grupos da Qualificação Europeia (dez rondas de jogos)

22 de Novembro de 2019: Sorteio do "play-off" da Qualificação Europeia

30 de Novembro de 2019: Sorteio da fase final do UEFA EURO 2020, em Bucareste

26 a 31 de Março de 2020: "Play-off" da Qualificação Europeia

12 de Junho a 12 de Julho de 2020: Fase final do UEFA EURO 2020

Topo