O que esperar dos jogos de qualificação do EURO este domingo

Polónia, República da Irlanda e Alemanha lutam por dois lugares no UEFA EURO 2016, Roménia e Hungria em disputa e Albânia com a qualificação para resolver no último jogo.

Robert Lewandowski após fazer o empate na Escócia
©Getty Images

Grupo D 
Dia de decisões em Varsóvia 
"Já atingimos o 'play-off', portanto agora estamos preparados para domingo", disse o seleccionador da República da Irlanda, Martin O'Neill, após o triunfo de quinta sobre a campeã mundial Alemanha, um resultado que torna o embate de domingo uma autêntica final, com duas equipas a procurarem a qualificação automática.

A Polónia também surge neste jogo num bom momento, após o empate em Glasgow conquistado através de um golo de Lewandowski nos descontos que atirou a Escócia para fora da qualificação. "Tive muita confiança na minha equipa", disse o seleccionador Adam Nawalka após o empate. "Por vezes, em jogos como este, um ponto sabe a vitória",
Polónia - República da Irlanda, 19h45 (de Portugal Continental)

O cenário catastrófico da Alemanha
"E, de repente, estamos em risco de não nos qualificarmos", escreveu o Bild após a inesperada derrota por 1-0 dos campeões mundiais em Dublin. É um cenário improvável, mas não impossível. Caso a Alemanha perca com a Geórgia ao mesmo tempo que a Polónia e a Irlanda empatarem, os homens de Joachim Löw terminarão em terceiro no grupo.
Alemanha - Geórgia, 19h45

Resumo: Roménia 1-0 Ilhas Faroé
Resumo: Roménia 1-0 Ilhas Faroé

Grupo F
Torshavn, o desafio da Roménia
Anghel Iordănescu terá pelo menos boas memórias de Torshavn, já que foi lá que se estreou ao comando da Roménia pela primeira vez, na vitória por 4-0 na primeira jornada da qualificação para o Campeonato do Mundo de 1994. Agora, a Roménia precisará de novo dos três pontos para levar a melhor na disputa com a Hungria pelo segundo lugar do Grupo F, que lhes daria a qualificação automática.

"Temos que ganhar às Ilhas Faroé, " disse o médio defensivo Ovidiu Hoban, confrontado com a impaciência dos adeptos da Roménia após a sequência de quatro empates que colocou as aspirações da equipa na qualificação em "stand-by". "Se não vencermos, não merecemos a qualificação"
Ilhas Faroé - Roménia, 17h00

Hungria ainda acredita na qualificação automática
A intensidade dos festejos da Hungria após a vitória de quinta-feira pode parecer um pouco exagerada, dado o escasso resultado (2-1) e tendo em conta o adversário (Ilhas Faroé). A verdade é que, com uma reviravolta vitoriosa, a Hungria não só evitou aquela que seria uma derrota caseira humilhante, como manteve a qualificação automática ainda possível, o que é sem dúvida algo a celebrar.

"Sabemos que vai ser difícil no domingo, mas vamos a Atenas com a esperança de terminar em segundo lugar", disse o médio Ádam Nagy, que realizou o seu primeiro jogo completo ao serviço da selecção, no jogo com as Ilhas Faroé. "Para isso, precisamos de conseguir os três pontos ante uma equipa da Grécia que tem sido uma surpresa pela posição que ocupa no grupo."
Grécia - Hungria, 17h00

Resumo: Albânia 2-1 Arménia
Resumo: Albânia 2-1 Arménia

Grupo I
Dinamarqueses à espera de um deslize da Albânia
 
Com Portugal já apurado após a vitória sobre a Dinamarca, a Albânia podia ter resolvido o apuramento, mas deixou a Sérvia marcar dois golos já nos instantes finais da partida. Assim, o conjunto comandado por Giovanni de Biasi precisa agora de uma vitória em solo arménio para conquistar o segundo lugar do Grupo I (ocupado neste momento pela Dinamarca, que já terminou a qualificação), posição que lhes daria a primeira presença da sua história num UEFA EURO.

"Espero que possamos ser a próxima selecção a garantir o apuramento para a fase final", disse o treinador da Dinamarca, Morten Olsen. O estado de alma dos jogadores albaneses após o falhanço no jogo com a Sérvia dá-lhe, porventura, alguma esperança. "Sabíamos que nos podíamos ter qualificado, mas somos jovens e queríamos fazê-lo em casa, com o apoio dos nossos adeptos", disse um decepcionado capitão Lorik Cana. Conseguir o objectivo agora em Yerevan poderá, quiçá, não ser assim tão fácil. 
Arménia - Albânia, 17h00

Topo