O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Estreias para recordar: primeiros jogos internacionais de Portugal, Inglaterra, França, Espanha, Alemanha e não só

A 30 de Novembro de 1872 disputou-se o primeiro jogo internacional de selecções quando a Inglaterra mediu forças com a Escócia: o UEFA.com recorda outras estreias notáveis.

Bilhete para o primeiro jogo entre Inglaterra e Escócia, a 30 de Novembro de 1872
Bilhete para o primeiro jogo entre Inglaterra e Escócia, a 30 de Novembro de 1872 Popperfoto via Getty Images

Foi há 150 anos que Inglaterra e Escócia se estrearam nos palcos do futebol internacional. Para assinalar a data, o UEFA.com olha para os primeiros jogos de outras selecções, algumas mais bem-sucedidas do que outras.

30 de Novembro de 1872: Escócia 0-0 Inglaterra
O primeiro jogo oficial entre selecções nacionais foi disputado perante quatro mil espectadores. Os escoceses, que viram um golo ser-lhes anulado, tinham já sofrido três derrotas em jogos não oficiais frente aos ingleses e tiveram de esperar mais dois anos para somar a sua primeira vitória sobre a Inglaterra.

12 de Outubro de 1902: Áustria 5-0 Hungria
O primeiro jogo internacional a envolver selecções não britânicas ficou marcado pela afirmação de um dos grandes heróis do futebol austríaco, Jan Studnicka, autor de um "hat-trick", e foi disputado no WAC-Plata, bem perto de onde fica agora o Ernst-Happel-Stadion.

1 de Maio de 1904: Bélgica 3-3 França
O primeiro jogo oficial de ambas as selecções resultou num emocionante empate. Dessa forma, contudo, o Troféu Evence Copée - assim baptizado em honra do aristocrata belga responsável pela organização do encontro – ficou por entregar.

12 de Fevereiro de 1905: França 1-0 Suíça
A Suíça estreou-se nos palcos internacionais com uma derrota em Paris. Iria marcar o seu primeiro golo oficial três anos depois, igualmente frente à França, um mês antes da primeira vitória, alcançada sobre a Alemanha.

30 de Abril de 1905: Bélgica 1-4 Países Baixos
A selecção dos Países Baixos, então ainda a jogar de camisa branca com riscas vermelhas e azuis em vez do agora habitual laranja, levou a melhor, mas apenas no prolongamento. Eddy de Neve apontou os quatro golos dos neerlandeses, mas a sua carreira internacional foi curta. Um ano depois juntou-se ao exército e rumou à Indonésia.

A selecção dos Países Baixos, em 1912
A selecção dos Países Baixos, em 1912Popperfoto via Getty Images

5 de Abril de 1908: Suíça 5-3 Alemanha
A Alemanha foi a primeira a marcar, mas ao intervalo já perdia por 3-1 e não mais recuperou. Ao longo dos anos, os germânicos foram afirmando o seu domínio sobre a Suíça, mas o último frente-a-frente entre os dois países, em 2012, terminou com novo triunfo helvético, por 5-3.

12 de Julho de 1908: Suécia 11-3 Noruega
A Noruega deslocou-se a Gotemburgo a convite da Suécia para o seu primeiro jogo internacional e ganhou vantagem logo no primeiro lance da partida. Porém, tudo correu mal a partir daí.

19 de Outubro de 1908: Dinamarca 9-0 França
A Dinamarca estreou-se nos palcos internacionais nos Jogos Olímpicos de Londres, frente a uma equipa B de França. O resultado foi de 9-0, mas a verdade é que no jogo seguinte os dinamarqueses bateram a equipa A de França por 17-1, antes de se ver derrotada por 2-0 pela Grã-Bretanha.

28 de Agosto de 1920: Dinamarca 0-1 Espanha
A Dinamarca foi o adversário no primeiro jogo internacional da Espanha, que teve lugar na Bélgica durante as Olimpíadas de Antuérpia de 1920. Envergando a icónica camisa vermelha, Patricio Arabolaza marcou o único golo de uma equipa que contou com o guarda-redes Ricardo Zamora e Pichichi, jogadores que deram os nomes aos prémios anuais da Liga Espanhola para menos golos sofridos e mais golos marcados. A Espanha perdeu diante da Bélgica no jogo seguinte, mas as vitórias contra Suécia, Itália e Países Baixos valeram a medalha de prata.

19 de Dezembro de 1921: Espanha 3-1 Portugal
A selecção portuguesa, capitaneada por Cândido de Oliveira, realizou o seu primeiro jogo oficial diante da Espanha, tendo sido derrotada por 3-1 em Madrid. Nota para o primeiro golo de Portugal, da autoria de Alberto Augusto, atleta do Benfica. A selecção estreava-se nas grandes competições sete anos depois, em Amesterdão, nos Países Baixos, onde chegou aos quartos-de-final do Torneio Olímpico.

A selecção portuguesa em acção frente ao Chile em 1928
A selecção portuguesa em acção frente ao Chile em 1928Getty Images

17 de Setembro de 1992: Geórgia 6-3 Azerbaijão
No seu primeiro jogo internacional o Azerbaijão visitou a vizinha Geórgia. Apesar da derrota, Nazim Suleymanov destacou-se, com dois golos. "Foi o primeiro jogo do Azerbaijão e queríamos representar condignamente o nosso país", afirmou.

13 de Outubro de 1993: ARJ da Macedónia 4-1 Eslovénia
Duas nações recém-independentes encontraram-se no primeiro jogo internacional entre dois países da Ex-Jugoslávia. Os macedónios contavam com alguns jogadores de renome, como Darko Pancev, Bota de Ouro em 1990/91, e levaram a melhor.

19 de Novembro de 2013: Gibraltar 0-0 Eslováquia
Gibraltar estreou-se nos palcos internacionais na sua casa temporária, o Estádio do Algarve e, apesar de dominado, conseguiu segurar o nulo frente à 28ª selecção do ranking europeu.

O primeiro "onze" de Gibraltar num jogo internacional
O primeiro "onze" de Gibraltar num jogo internacionalGetty Images