Disputa pelo "play-off"

A fase de qualificação do Europeu de Sub-21 vai atingir o clímax nos próximos dias, mas a campeã Alemanha já foi eliminada e há outros nomes sonantes que correm o risco de ficar pelo caminho.

A República Checa é um dos dois países que ainda não perdeu qualquer ponto
A República Checa é um dos dois países que ainda não perdeu qualquer ponto ©UEFA.com

Os "play-offs" para o Campeonato da Europa de Sub-21 de 2011 estão cada vez mais próximos e há alguns nomes sonantes que correm o risco de ficar pelo caminho. A fase de qualificação tem sido pródiga em surpresas, com a campeã Alemanha já eliminada e a Holanda a ser o único país com o apuramento garantido por ter vencido o seu grupo.

Os dez vencedores dos grupos e os quatro melhores segundos classificados passam aos "play-offs", onde vão discutir a possibilidade de fazerem companhia à anfitriã Dinamarca na fase final do próximo Verão. A Itália, que já conquistou por cinco vezes o título europeu, está em risco de falhar o apuramento no Grupo 3, onde o País de Gales lidera a classificação e pretende disputar os "play-offs" pela segunda vez consecutiva, A equipa treinada por Brian Flynn tem um ponto de vantagem sobre a Hungria, mas as duas equipas vão defrontar-se no próximo sábado, sendo que na última jornada os galeses vão ter de medir forças com a Itália, que está no terceiro lugar, como menos três pontos, o que leva a que o encontro em Pescara possa ser decisivo para o desfecho do grupo.

A Inglaterra, que foi finalista em 2009, tem de se empenhar a fundo para tentar anular a vantagem de cinco pontos que a Grécia dispõe na liderança do Grupo 9. Inglaterra e Portugal, que é terceiro, têm menos um jogo disputado, mas se as duas equipas empatarem na sexta-feira, no encontro marcado para Barcelos, a Grécia garante automaticamente o primeiro lugar, independentemente do desfecho do desafio ante a ARJ da Macedónia, marcado para o próximo sábado.

A Holanda, que foi campeã europeia em 2006 e 2007, venceu os sete desafios no Grupo 4 e é o único país com um lugar garantido no "play-off". Se os holandeses mantiverem a série vitoriosa no encontro contra Espanha, marcado para quinta-feira, em Alcoy, condenarão os espanhóis à eliminação. A República Checa também ainda não perdeu qualquer ponto e se vencer a Alemanha, na sexta-feira, também garantirá uma vaga nos "play-offs".

Nos outros grupos merece destaque o embate entre a Rússia e a Roménia, que, a duas jornadas do final, vai ser decisivo para o desfecho do Grupo 1, A Suíça pode confirmar o primeiro lugar no Grupo 2 na recepção à República da Irlanda, enquanto a Suécia só precisa de somar um ponto no encontro frente a Israel para garantir a qualificação no Grupo 6.

A Croácia garantirá o primeiro lugar do Grupo 7 se vencer na Sérvia, no sábado, enquanto a Ucrânia tem uma vantagem tangencial sobre a Bélgica no Grupo 8, numa altura em que se aproximam os jogos decisivos contra a França e a Eslovénia. Os três primeiros classificados do Grupo 10 estão separados por apenas um ponto, com a Áustria em vantagem sobre a Escócia e a Bielorrússia. Os dois perseguidores têm menos um jogo disputado e vão defrontar-se na sexta-feira, antes de a Escócia receber a Áustria na última jornada, quatro dias depois.

Topo