Análise da equipa

Spain

Espanha

Spain squad
NrJogadorNascimentoPos.ENGFRAGERNORSWEGMClube
1Paula Canals20-06-1996Guarda-redes FC Barcelona (ESP)
2Nuria Garrote10-06-1997Defesa9012061*90 FC Barcelona (ESP)
3Marta Turmo27-06-1996Defesa90120909088* CE Sant Gabriel (ESP)
4Laura Domínguez12-08-1997Avançado1+75+7+10+30+ Madrid CFF (ESP)
5Rocío Gálvez15-04-1997Defesa901209090901 Club Atlético de Madrid (ESP)
6Pilar Garrote10-06-1997Médio72*71*26+68*902 FC Barcelona (ESP)
7Nahikari García10-03-1997Avançado9012083*90901 Real Sociedad de Fútbol (ESP)
8Laura Ortega10-11-1997Avançado 9+29+80*60*
9Lucía Gómez11-10-1996Defesa76*45* 59* Levante UD (ESP)
10Andrea Sánchez28-02-1997Avançado90*111*909079*1 FC Barcelona (ESP)
11Paula Mañoso29-01-1997Avançado14+ 11+ Athletic Club (ESP)
12Jennifer Santiago18-10-1996Defesa Rayo Vallecano de Madrid (ESP)
13Elena De Toro31-01-1997Guarda-redes90120909090 Fundación Albacete (ESP)
14Leire Baños29-11-1996Médio18+49+64*22+2+ Real Sociedad de Fútbol (ESP)
15Sandra Hernández25-05-1997Avançado901209090901 FC Barcelona (ESP)
16Beatriz Beltrán10-12-1997Defesa90120909090 Club Atlético de Madrid (ESP)
17Alba Redondo27-08-1996Médio901209090903 Fundación Albacete (ESP)
18Paola Soldevila07-12-1996Defesa 9031+ CE Sant Gabriel (ESP)
Pos. = Posição; GM = Golos marcados; * = Titular; + = Suplente

Seleccionador: Jorge Vilda

07/07/81

©Sportsfile


“Gostaria de felicitar a Suécia. É uma grande equipa e tem uma excelente jogadora [Stina Blackstenius] que fez toda a diferença. É muito difícil lidar com uma jogadora como esta. É como jogar contra uma equipa que tenha Cristiano Ronaldo ou Lionel Messi – quando são muito melhores do que o resto, são muito difíceis de travar. Sabíamos que a número 9 podia punir-nos, por isso tentámos aguentar firmes no jogo desde cedo e ter muita posse de bola. Também sabíamos que se a Suécia se adiantasse no marcador iria ser uma luta trabalhosa. Talvez tenhamos ficado algo cansadas depois do esforço feito contra a França nas meias-finais, mas mesmo depois de estarmos em desvantagem lutámos e marcámos um golo. Estou muito orgulhoso delas.”

Análise à equipa de Espanha

Análise à equipa de Espanha

  • Tendência para funcionar em 1-4-3-3 desde o início das partidas.
  • Tecnicamente muito forte e confortável na posse de bola.
  • Preferência por um ataque planeado paciente.
  • Capacidade para variar o estilo de jogo quando sem bola; capaz de adoptar um estilo mais directo caso necessário.
  • Movimento entre as linhas para abrir espaços.
  • Uma variação na abordagem aos cantos, que consistia num canto curto para criar situações de uma-para-uma.
  • Apenas mudou a sua formação perto do final, quando precisou de ir atrás do resultado, com Sandra Hernández (número 15) a integrar o ataque ao lado, ou ligeiramente atrás, de Nahikari García (número 7), e a operar com três na retaguarda.