Guia do sorteio do EURO feminino: Grupo B

Alemanha e Suécia renovam a rivalidade no Grupo B do EURO feminino, com Itália e Rússia à espreita de um desliza os Jogos Olímpicos de 2016.

From left, Italy coach Antonio Cabrini, Germany coach Steffi Jones, Sweden coach Pia Sundhage, and Russia coach Elena Fomina during the UEFA Women's EURO Final Tournament Draw. Luxor Theatre, Rotterdam, Netherlands
From left, Italy coach Antonio Cabrini, Germany coach Steffi Jones, Sweden coach Pia Sundhage, and Russia coach Elena Fomina during the UEFA Women's EURO Final Tournament Draw. Luxor Theatre, Rotterdam, Netherlands ©Sportsfile
  • As equipas: Alemanha (campeã), Suécia, Itália, Rússia
  • Os jogos (horas de Portugal Continental)

Segunda-feira 17 de Julho
Itália - Rússia (Roterdão) 17h00
Alemanha - Suécia (Breda) 19h45

Sexta-feira 21 de Julho
Suécia - Rússia (Deventer) 17h00
Alemanha - Itália (Tilburg) 19h45

Terça-feira 25 de Julho
Rússia - Alemanha (Utrecht) 19h45
Suécia - Itália (Doetinchem) 19h45

  • Três coisas a saber

• A Alemanha vai tentar conquistar o sétimo título consecutivo frente à Suécia, equipa que as germânicas bateram por 2-1 na final do torneio Olímpico em Agosto último, no Rio de Janeiro.

• A Itália chegou sempre aos quartos-de-final; a Rússia nunca foi além da fase de grupos de um EURO feminino.

• A Alemanha ganhou à Rússia por 2-0 e 4-0 na qualificação.

  • Reacção

Steffi Jones, seleccionadora da Alemanha
Conhecemos bem a Suécia. É um "clássico", se podemos chamar assim a este jogo, mas acontece muito cedo. Estou um pouco ansiosa pelo torneio pois são adversárias muito diferentes, cada uma com o seu estilo de jogo. Não dá para as comparar. Cada equipa tem as suas próprias características.

Pia Sundhage, seleccionadora da Suécia
Jogámos contra a Alemanha algumas vezes, perdemos várias vezes e quando vi o sorteio e que tínhamos de voltar a defrontar a Alemanha, pensei que tínhamos apenas de desfrutar do jogo e fazer o nosso melhor. Estamos cada vez mais perto de ganhar à Alemanha e esperamos aproveitar essa ocasião no próximo ano. Vai ser um grupo difícil. Mas honestamente penso que todos os quatro grupos são difíceis.

Antonio Cabrini, seleccionadora de Itália
Este é, provavelmente, o grupo mais difícil do EURO. Calhou-nos a Alemanha, que é campeã do Mundo e olímpica, e a Suécia, que também realizou uns excelentes Jogos Olímpicos. Sabemos o difícil que vai ser, mas não nos devemos desmotivar; temos de dar o nosso máximo e jogar ao mesmo nível das outras equipas. A mensagem que quero transmitir é de que, em teoria, as outras equipas são provavelmente mais fortes, mas também deverão estar atentas a Itália.

lena Fomina, seleccionadora da Rússia
Queríamos evitar a Alemanha porque já a defrontámos muitas vezes e conhecemo-nos muito bem. Claro que estamos num patamar diferente neste momento. Vamos jogar e dar o nosso melhor para passar a fase de grupos. É um grupo muito bom.