O "site" oficial do futebol europeu

Federação inglesa apoia futebol feminino

Publicado: Domingo, 28 de Outubro de 2012, 15.40CET
A Federação inglesa anunciou um plano de investimento de cinco anos no futebol feminino e a seleccionadora Hope Powell demonstrou ambição em substituir a Alemanha como "nação líder".
Federação inglesa apoia futebol feminino
A selecção feminina de Inglaterra festeja a marcação de um golo ©Getty Images
Publicado: Domingo, 28 de Outubro de 2012, 15.40CET

Federação inglesa apoia futebol feminino

A Federação inglesa anunciou um plano de investimento de cinco anos no futebol feminino e a seleccionadora Hope Powell demonstrou ambição em substituir a Alemanha como "nação líder".

A Federação Inglesa de Futebol (FA) anunciou um plano de investimento de cinco anos no futebol feminino, com a seleccionadora Hope Powell a demonstrar a ambição de substituir a Alemanha como a "nação líder".

A estratégia "Game Changer" pretende dar sequência ao recente progresso verificado do desporto feminino na Inglaterra, que conseguiu atingir a final do UEFA Women's EURO 2009 e conta há dois anos com uma Liga semi-profissional, a WSL FA. Segundo este plano, a FA terá um departamento comercial dedicado ao futebol feminino cujo objectivo visa garantir mais transmissões dos jogos, sendo os direitos separados dos encontros masculinos, de forma a desenvolver a WSL FA para a criação de uma segunda divisão e aumentar o número de praticantes.

O documento estratégico prevê: "Queremos que o futebol feminino se torne no segundo maior desporto colectivo até 2018, apenas trás do futebol masculino, segundo o relatório independente Sport England, com 253.600 mulheres a jogar futebol todos os meses (actualmente é o quarto desporto atrás do futebol masculino, do cricket e do râguebi)."

David Bernstein, presidente da FA, explicou: "O futebol feminino é a área com maior potencial de crescimento no desporto mais popular do país. Estamos determinados em promover o seu desenvolvimento a todos os níveis e criámos um plano sólido para atingir esses objectivo usando todos os nossos recursos e conhecimentos."

Vai ser criada uma unidade de rendimento de elite e nomeado um responsável pelo desenvolvimento de elite, com Powell a explicar: "A unidade de rendimento de elite irá ajudar os nossos maiores talentos a chegarem ao topo. Vai lidar com os acordos comerciais para o futebol feminino, o nível participação e o desenvolvimento da modalidade. Fará tudo o que for necessário para que o futebol feminino atinja o nível que pretendemos.”

"Não vejo motivos para que não sejamos uma nação líder no futebol feminino. Olhamos para a Alemanha e para aquilo que estão a fazer, se tivéssemos de escolher uma nação líder a seguir seria a Alemanha. Para nós é um ponto de partida e espero que no futuro possamos ser uma nação líder".

Londres vai acolher em Maio a final da UEFA Women's Champions League pela segunda vez em três anos e, em 2014, a Inglaterra recebe também a primeira edição do Campeonato da Europa de Sub-17 a contar com oito selecções.

Última actualização: 28-10-12 16.26CET

Informação relacionada

Perfis dos treinadores
Federações membro
Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/women/news/newsid=1883914.html#federacao+inglesa+apoia+futebol+feminino

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • A palavra UEFA, o logótipo da UEFA e todas as marcas relativas às competições da UEFA estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.