O "site" oficial do futebol europeu

1990: Ouro para a URSS

Publicado: Quarta-feira, 1 de Março de 2006, 18.44CET

1990: Ouro para a URSS
Igor Kolyvanov foi um dos russos a dar nas vistas no Campeonato da Europa ©Getty Images
Publicado: Quarta-feira, 1 de Março de 2006, 18.44CET

1990: Ouro para a URSS


Uma década após ter conquistado o primeiro título europeu de Sub-21, com um triunfo claro sobre a Alemanha de Leste, a URSS voltou a deixar a sua marca na prova, com mais um triunfo fácil sobre outra nação do Leste europeu, desta vez a Jugoslávia. Este Campeonato da Europa serviu de rampa de lançamento para jogadores como Andrei Kanchelskis e Aleksandr Mostovoi, mas a equipa com mais estrelas foi a Jugoslávia de Zvonimir Boban, Predrag Mijatović, Robert Prosinecki e Davor Šuker.

Golos de Šuker
Os jugoslavos passearam classe pela fase de grupos e antes da última jornada já tinham garantido a passagem à fase seguinte. Prosinecki e Šuker contribuíram para os triunfos sobre Noruega, Escócia e França, que era a detentora do título, e também estiveram em destaque na vitória sobre a Bulgária, nos quartos-de-final. Mas foi na eliminatória seguinte, frente à Itália, que a Jugoslávia confirmou o estatuto de candidata ao título. Depois de um empate, sem golos, em Zagreb, a eliminatória parecia pender para os "azzurrini", mas os jugoslavos colocaram os italianos em sentido quando ganharam vantagem na segunda mão, com um golo de Šuker. A equipa da casa reagiu e deu a volta ao marcador, mas os jugoslavos garantiram a passagem à final quando Boban fez o resultado final, de 2-2, aos 70 minutos.

Kolyvanov goleador
Na final, os jugoslavos tiveram de medir forças com uma selecção da URSS que causou excelente impressão. Igor Kolyvanov foi o jogador em maior destaque, com oito golos marcados nos seis jogos da fase de grupos. Nos quartos-de-final, os soviéticos estiveram em desvantagem face à Alemanha, mas seguiram em frente com um golo de Andrei Sidelnikov, nos instantes finais do período de compensação. Nas meias-finais, a Suécia foi incapaz de fazer frente ao poderio soviético e a URSS garantiu a passagem à final com a Jugoslávia.

Domínio absoluto
Na primeira mão, em Sarajevo, a URSS dominou desde os primeiros minutos e acabou por vencer, facilmente, por 4-2. Sidelnikov abriu o marcador aos nove minutos e, embora Šuker tenha rapidamente restabelecido o empate, os soviéticos impuseram a sua lei com um golo de Andrey Chernyshov e mais um remate certeiro do goleador Sidelnikov. Robert Jarni ainda reduziu a desvantagem da equipa da casa, mas Igor Dobrovolsky voltou a dar uma vantagem de dois golos à URSS, uma diferença quase irrecuperável. Na segunda mão, 18 mil espectadores estiveram em Simferopol para ver a equipa da casa aumentar, ainda mais, a vantagem. Os soviéticos venceram por 3-1 e impuseram-se por 7-3, no total dos dois jogos.

Última actualização: 30-04-10 18.25CET

http://pt.uefa.com/under21/season=1990/overview/index.html#1990+ouro+para+urss

Resultado da final

A final - Primeira mão - 05-09-1990
Jugoslávia2-4URSS
 
  • Estádio: Stadion Grbavica
  • Local: Sarajevo (YUG)
A final - segunda mão - 17-10-1990
URSS3-1Jugoslávia
 
  • Resultado das duas mãos: 7-3
  • Estádio: Lokomotiv Stadium
  • Local: Simferopol (USS)
Semifinalistas
Itália
Suécia
 

Calendário

Fase de qualificação

Fase a eliminar

Final