Saúl Ñíguez vence Bota de Ouro adidas do EURO Sub-21

Saúl Ñíguez venceu a Bota de Ouro adidas do EURO Sub-21  depois de ter sido o melhor marcador da fase final com cinco golos; Bruma, com três remates certeiros foi o Bota de Bronze.

©Sportsfile

O "hat-trick" de Saúl Ñíguez na meia-final contra a Itália mostrou-se decisivo para colocar o jogador da Espanha na liderança da Bota de Ouro adidas do Campeonato da Europa de Sub-21 da UEFA, e de lá não mais saiu.

Bota de Ouro: Saúl Ñíguez (Espanha) – 5 golos, 1 assistência
Bota de Prata: Marco Asensio (Espanha) – 3 golos, 1 assistência
Bota de Bronze: Bruma (Portugal) – 3 golos

Depois de ter marcado duas vezes em outros tantos jogos na fase de grupos, Saúl tornou-se no segundo espanhol a apontar um "hat-trick" na fase final quando marcou três vezes no espaço de 22 minutos frente aos "azzurrini" em Cracóvia. O jogador do Atlético regressou ao mesmo estádio na sexta-feira para disputar a final contra a Alemanha e, apesar de não ter aumentado o pecúlio, terminou ainda com mais dois golos dp que os seus mais directos competidores.

Asensio e outros jogadores que fizeram
Asensio e outros jogadores que fizeram

Asensio, outro espanhol autor de um "hat-trick" na prova, arrecadou a Bota de Prata, enquanto o português Bruma levou a de Bota de Bronze. Os dois jogadores terminaram com os mesmos três golos, mas a assistência de Asensio fez a diferença. Quando os golos e as assistências são os mesmos, os minutos jogados entram em consideração (ficando à frente o jogador que apresentar melhor rácio de golos por minuto).

Seis jogadores marcaram duas vezes na Polónia nos últimos 15 dias: Enis Bardi (ARJ Macedónia), Federico Bernardeschi (Itália), Martin Chrien (Eslováquia), Demarai Gray (Inglaterra), Davie Selke (Alemanha), Kenneth Zohore (Dinamarca).

Vencedores anteriores

2015 – Jan Kliment, República Checa (3)
2013 – Álvaro Morata, Espanha (4)

2011 – Adrián López, Espanha (5)
2009 – Marcus Berg, Suécia (7)
2007 – Maceo Rigters, Holanda (4)
2006 – Klaas-Jan Huntelaar, Holanda (4)
2004 – Alberto Gilardino, Itália (4)
2002 – Massimo Maccarone, Itália (3)
2000 – Andrea Pirlo, Itália (3)