O "site" oficial do futebol europeu

2010: Connor Wickham

O longilíneo avançado Connor Wickham culminou uma espectacular época de estreia em 2009/10 ao marcar o golo com que a Inglaterra venceu a final do Europeu de Sub-17.
por Paul Saffer
2010: Connor Wickham
O avançado inglês Connor Wickham festeja o golo frente à França, na meia-final de 2010 ©Sportsfile

2010: Connor Wickham

O longilíneo avançado Connor Wickham culminou uma espectacular época de estreia em 2009/10 ao marcar o golo com que a Inglaterra venceu a final do Europeu de Sub-17.

Mesmo antes do início do Campeonato da Europa de Sub-17, Connor Wickham, de 1.91 metros, tinha um perfil à sua altura.

Há cerca de 13 meses, no dia 11 de Abril de 2009, o avançado tornou-se no mais jovem jogador a envergar a camisola do Ipswich Town FC, quando se estreou na equipa da segunda divisão aos 16 anos e 11 dias, frente ao Doncaster Rovers FC. Na temporada seguinte marcou dois golos, converteu um penalty no desempate frente ao Shrewsbury Town FC, que venceram em jogo da Taça da Liga, e no final da época já alinhava regularmente, contabilizando mais de 30 jogos. Esse bom momento de forma teve seguimento ao serviço da selecção, nomeadamente com um "hat-trick" no espaço de 21 minutos, na fase de qualificação, frente ao Azerbaijão, e com mais golos na Ronda de Elite, possibilitando à Inglaterra chegar à fase final com seis vitórias consecutivas.

Essa campanha perfeita continuou na fase de grupos, mas foi só quando chegaram à fase a eliminar que Wickham, utilizado sozinho na frente de ataque, mostrou todo o seu potencial. Nas meias-finais, frente à França, decidiu o jogo sozinho antes do intervalo, descaído sobre a esquerda e de fora da área, com remates ao ângulo que garantiram a vitória por 2-1.

A Inglaterra enfrentava agora a Espanha na final, tal como tinha acontecido na única vez em que tinham chegado tão longe na prova, em 2007. Nessa altura, a Inglaterra perdeu por 1-0, por culpa do golo de Bojan Krkić, e três anos volvidos foi a Espanha a inaugurar o marcador novamente. No entanto, desta feita, Andre Wisdom fez de cabeça o empate para a Inglaterra antes do intervalo e bastaram dois minutos na segunda parte para Wickham receber a bola junto à área, do lado esquerdo, passar por três adversários e rematar sem hipótese de defesa para Adrián Ortolá.

A Inglaterra conquistava o troféu pela primeira vez no seu historial, com Wickham a dizer ao UEFA.com: "É um sentimento incrível marcar o golo da vitória para o meu país. Isto é melhor do que tudo aquilo que fiz durante a época". Os jornais britânicos rapidamente deram conta de uma oferta de dez milhões de euros por parte do Tottenham Hotspur FC para o contratar, e no primeiro jogo de pré-época do Ipswich em 2010/11, Wickham apontou dois golos.

Última actualização: 30-07-10 11.42CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores

http://pt.uefa.com/under17/history/season=2010/goldenplayer/index.html#2010+connor+wickham