O "site" oficial do futebol europeu

2005/06: Sevilha encerra jejum de 58 anos

Publicado: Quinta-feira, 1 de Junho de 2006, 14.38CET
2005/06: Sevilha encerra jejum de 58 anos
Sevilla FC (2006) ©Getty Images
Publicado: Quinta-feira, 1 de Junho de 2006, 14.38CET

2005/06: Sevilha encerra jejum de 58 anos

Quarenta e quatro anos após a sua última aparição numa final, e quase 60 desde a última conquista de um grande troféu, os adeptos do Sevilla FC puderam finalmente comemorar em 2006, quando a sua equipa derrotou o Middlesbrough FC por 4-0 na final da Taça UEFA, em Eindhoven, vencendo assim o seu primeiro troféu europeu e o primeiro título desde a conquista da Taça de Espanha, em 1948.

Festa
O Sevilha levou consigo a Eindhoven o sol andaluz, e com uma elevada temperatura na cidade holandesa, os adeptos fizeram a festa nas praças da cidade antes do pontapé de saída. Iniciado o jogo no estádio do PSV, Luis Fabiano deu início à festa a meio da primeira parte com um golo de cabeça. Dois golos tardios de Enzo Maresca e outro no último minuto de Frédéric Kanouté encerraram uma época extraordinária para a equipa de Juande Ramos.

Emocionante
No entanto, foi um resultado pesado para o Middlesbrough, que tinha tido um percurso excelente até Eindhoven. Os ingleses ultrapassaram facilmente a primeira eliminatória e a fase de grupos, sem uma única derrota. O VfB Stuttgart e a AS Roma foram adversários mais complicados na fase a eliminar, mas as grandes emoções estavam guardadas para os quartos-de-final e meias-finais, contra FC Basel 1893 e FC Steaua Bucuresti. De ambas as vezes o Boro foi em desvantagem para a segunda mão, em casa, no estádio de Riverside, e em ambas sofreu um golo cedo, e precisou de marcar três tentos na segunda parte para seguir em frente. Incrivelmente, foi exactamente isso que aconteceu.

O herói Maccarone
Massimo Maccarone foi o herói dos ingleses em ambas as ocasiões, completando reviravoltas improváveis com golos no último minuto, que colocaram o Middlesbrough na sua primeira final europeia apenas na sua segunda época de competições europeias. Foi o último jogo de Steve McClaren à frente do Middlesbrough, antes de se tornar seleccionador inglês, mas foi o treinador do Sevilha, Juande Ramos, quem saiu vitorioso de Eindhoven.

Puerta decisivo
O Sevilha tinha vencido um equilibrado Grupo H, eliminando de seguida FC Lokomotiv Moskva e LOSC Lille Métropole antes dos quartos-de-final. Foi nessa fase que o seu futebol começou a dar nas vistas. Javier Saviola marcou dois golos na vitória por 4-1 contra o FC Zenit St. Petersburg, seguindo-se depois a meia-final contra o FC Schalke 04. O Sevilha, ainda a comemorar o centenário, conseguiu um empate sem golos em Gelsenkirchen, antes de o jovem Antonio Puerta ter marcado um golo no prolongamento no Ramón Sánchez-Pizjuán que deu a passagem aos espanhóis. O jogo coincidiu com a Feria de Abril, a festa da cidade, e as celebrações chegariam até Eindhoven.

Última actualização: 28-09-14 2.46CET

http:s//pt.uefa.com/uefaeuropaleague/season=2005/overview/index.html#200506+sevilha+encerra+jejum+anos

Equipas por eliminatória

1ª pré-eliminatória

2ª pré-eliminatória

1ª eliminatória

Fase de grupos

16 avos-de-final

Oitavos

Quartos-de-final

Meias-finais

Final

Melhores marcadores

7Matías DelgadoBasel Basel
6Mark VidukaMiddlesbrough Middlesbrough
6Frédéric KanoutéSevilla Sevilla
6Javier SaviolaSevilla Sevilla
6Nicolae DicăFCSB FCSB
5Massimo MaccaroneMiddlesbrough Middlesbrough
5Daniel CousinLens Lens
5Dmitri LoskovLokomotiv Moskva Lokomotiv Moskva
5BrandãoShakhtar Donetsk Shakhtar Donetsk
5Emil AngelovLevski Levski
 

Resultado da final

A final - 10-05-2006
Middlesbrough0-4Sevilla
InglaterraInglaterra
 
EspanhaEspanha
  • Estádio: PSV Stadion
  • Local: Eindhoven (NED)
Semifinalistas
FCSBRoméniaRoménia
SchalkeAlemanhaAlemanha