Aves vence Sporting e conquista a Taça de Portugal

O Desportivo das Aves fez história ao bater o Sporting por 2-1 na final da Taça de Portugal e conquistar o troféu na estreia no Estádio Nacional.

O Aves festeja a conquista de um troféu inédito no seu historial
O Aves festeja a conquista de um troféu inédito no seu historial ©Getty Images
  • CD Aves vence Sporting CP por 2-1 com dois golos de Alexandre Guedes. 
  • Golo de Fredy Montero aos 85 minutos não é suficiente para o Sporting
  • Desportivo das Aves conquista a Taça na primeira final da sua história
  • Vencedor garante entrada directa na fase de grupos da UEFA Europa League 2018/19*

O Desportivo das Aves fez história ao bater o Sporting por 2-1 na final da Taça de Portugal ao conquistar o troféu na primeira vez que jogou no Estádio Nacional. 

O Sporting entrou melhor e aos dez minutos Marcos Acuña fez um excelente cruzamento para Gelson Martins - só uma boa defesa de Quim evitou o primeiro golo do jogo. O duelo reeditou-se quatro minutos depois, com o veterano guarda-redes a voltar a levar a melhor.

A equipa de José Mota foi bem mais eficaz e aos 15 minutos ganhou vantagem num rápido contra-ataque. Nildo lançou Braga, que cruzou da direita para uma cabeceamento em mergulho de Alexandre Guedes ao segundo poste. O Sporting acusou o golo do Aves e o encontro foi equilibrado até ao intervalo, com Rodrigo Soares a obrigar Rui Patrício a uma defesa atenta no último minuto da primeira parte.

O Aves voltou a ameaçar cinco minutos após o recomeço do encontro, mas Sebastián Coates impediu Guedes de bisar com um corte no último instante. A equipa de Jorge Jesus respondeu aos 58 minutos com um livre de Jérémy Mathieu que Quim afastou com dificuldades. Pouco depois foi Bruno Fernandes que falhou por pouco o alvo de bola parada.

A equipa que viajou do norte do país aumentou a vantagem aos 72 minutos, Amilton ganhou a bola a meio-campo e fez um passe longo para a desmarcação de Guedes. O avançado fintou Coates com classe e não desperdiçou a oportunidade de bisar. O Sporting teve uma excelente oportunidade para reduzir aos 79 minutos, Quim desviou um remate de Bruno Fernandes com uma palmada e a bola sobrou para Bas Dost, o holandês desviou para a baliza deserta mas a bola foi devolvida pela trave. 

O Sporting reduziu aos 85 minutos, depois de Fredy Montero ter ganho uma bola disputada na área e bateu Quim com um belo remate acrobático. Os últimos minutos foram de grande sufoco junto na área do Aves, mas o marcador manteve-se em 2-1 até final.

*O alinhamento para a próxima edição da UEFA Europa League está sujeito a confirmação final por parte da UEFA.

Topo