"Hat-tricks" para Džeko e Ibrahimović, técnicos portugueses sorriem

Três vitórias e um empate foi o registo dos quatro treinadores portugueses numa primeira mão dos 16 avos-de-final da UEFA Europa League em que brilharam Edin Džeko e Zlatan Ibrahimović.

©AFP/Getty Images

Resultados da primeira mão dos 16 avos-de-final
Anderlecht 2-0 Zenit
Astra 2-2 Genk
Athletic 3-2 APOEL
AZ 1-4 Lyon
Celta 0-1 Shakhtar Donetsk
Gent 1-0 Tottenham
Hapoel Beer-Sheva 1-3 Beşiktaş
Krasnodar 1-0 Fenerbahçe

Légia 0-0 Ajax
Ludogorets 1-2 Copenhaga
Manchester United 3-0 St-Étienne
Mönchengladbach 0-1 Fiorentina

Olympiacos 0-0 Osmanlıspor
PAOK 0-3 Schalke
Rostov 4-0 Sparta Praga
Villarreal 0-4 Roma

Rostov e Roma conseguiram os triunfos mais dilatados de uma noite em que três dos quatro treinadores portugueses em prova somaram vitórias, no retomar da acção da UEFA Europa League com a primeira mão dos 16 avos-de-final.

A formação russa, uma das oito provenientes da fase de grupos da UEFA Champions League, não teve dificuldades em bater em casa, por 4-0, o Sparta Praga, enquanto a turma da capital italiana foi a Espanha triunfar por igual resultado no terreno do Villarreal, com um "hat-trick" de Edin Džeko. O Lyon, com Anthony Lopes na baliza, também marcou quatro golos, vencendo em casa dos holandeses do AZ Alkmaar por 4-1. Alexandre Lacazette bisou e soma agora dez golos nos últimos 11 jogos que disputou no conjunto de todas as competições.

No que diz respeito aos treinadores portugueses, um golo do reforço de Inverno Gustavo Blanco Leschuk deu ao Shakhtar Donetsk de Paulo Fonseca a vitória no terreno do Celta Vigo. A turma ucraniana segue assim 100 por cento vitoriosa na presente edição da prova. Também a Fiorentina de Paulo Sousa ganhou fora, com um grande golo de Frederico Bernardeschi a valer um precioso triunfo por 1-0 em casa do Borussia Mönchengladbach.

Em Old Trafford, o United de José Mourinho venceu por 3-0. A atravessar um grande momento, Zlatan Ibrahimović assinou um "hat-trick" numa partida em que Paul Pogba enfrentou o irmão Florentin, lateral-esquerdo do St-Étienne. E, na Grécia, o Olympiacos, que contou com André Martins e Diogo Figueiras, ficou-se pelo nulo na recepção aos turcos do Osmanlıspor, que tiveram Tiago Pinto no "onze". A formação de Paulo Bento terminou o encontro reduzida a dez, por expulsão do brasileiro Bruno Viana.

Outros jogadores portugueses também estiveram em acção, com Ricardo Quaresma a participar no triunfo do Besiktas em Israel e Filipe Teixeira e Geraldo a alinharem no empate caseiro (2-2) do Astra ante o Genk. Já Luís Neto, Danny (Zenit), Nuno Morais (APOEL) e Silvestre Varela (PAOK) foram incapazes de evitar as derrotas das respectivas equpas frente a Anderlecht, Athletic Bilbau e Schalke, respectivamente.