A FedEx Performance Zone explicada

Quem são os jogadores em forma na edição desta temporada da UEFA Europa League? A FedEx Performance Zone utiliza um algoritmo especial para fazer todas as contas.

FedEx Performance Zone
FedEx Performance Zone ©UEFA.com

O que é?
A FedEx Performance Zone regista a forma dos jogadores ao serviço dos seus clubes na UEFA Europa League e nas respectivas Ligas nacionais. A FedEx Performance Zone gera as estatísticas oficiais dos jogadores através de um algoritmo especialmente desenhado para criar "rankings" baseados no rendimento.

Os dados estatísticos dos jogadores de encontros nacionais e fases de qualificação da UEFA Champions League (para as equipas que entrem nas competições europeias através dessa prova) e da UEFA Europa League formam a base inicial para esses "rankings", que têm em conta os desempenhos ao serviço dos respectivos clubes nas provas nacionais a serem contabilizados a partir de 1 de Agosto de 2017

A FedEx Performance Zone é um mero analisador de forma e não sugere que um jogador é melhor do que outro.

Como funciona
A todos os jogadores é atribuída uma posição primária no terreno, na qual é esperado que actuem na maior parte do tempo.

As posições dos jogadores estão definidas como: guarda-redes, defesas-laterais, defesas-centrais, médios-defensivos, médios-centro, médios-ofensivos, extremos e avançados.

Os dados levados em linha de conta para cada jogador são específicos do tipo de posição. Por exemplo, desarmes e bloqueios a remates são considerados dados essenciais para médios-defensivos, enquanto dribles bem-sucedidos e cruzamentos são dados vitais para extremos.

O algoritmo usa dados dos jogadores de encontros das respectivas Ligas nacionais e actualiza-os após cada partida, o mesmo acontecendo com a UEFA Europa League. Durante um jogo da UEFA Europa League as classificações actualizam-se em tempo real à medida que o encontro vai decorrendo.

Ponderação
Uma vez que a Performance Zone funciona como um registo de forma, quanto mais recente for a partida, maior será a ponderação atribuída aos dados resultantes desse desafio. Por exemplo, os dados dos jogadores de encontros disputados ontem terão maior relevância que aqueles relativos à semana anterior. Se um jogador não se encontrar activo (devido a lesão ou por não ter sido convocado, por exemplo), o seu "ranking" decrescerá ao longo desse período de inactividade.

As exibições na UEFA Europa League têm a maior ponderação, três, enquanto as exibições nas 29 Ligas nacionais em que competem as 48 equipas da fase de grupos também contam para a ponderações com as principais ligas a serem ponderadas com um e assim por diante. As Ligas nacionais são ponderadas de acordo com o “ranking” de coeficientes de clubes da UEFA.

Novidades para 2017/18

Principais desempenhos: Nas páginas da FedEx Performance Zone poderá encontrar estatísticas fundamentais para os jogadores num encontro específico nos últimos 14 dias. Estes dados resultam de num desafio em que o jogador brilhou num aspecto específico e ficou entre os melhores numa estatística relevante. Isto resulta de um algoritmo automatizado para destacar os jogadores que conseguem desequilibrar em diferentes aspectos do jogo.

Compare os jogadores #UEL: Se clicar no ícone Comparar num jogador específico, terá ao dispor uma ferramenta fantástica para saber como se compraram os seus jogadores favoritos com outros da mesma posição. Poderá recorrer aos dados recolhidos para fazer comparações logo após o arranque da primeira jornada!

Cartões do jogador: Se clicar no ícone inferior direito dos seus jogadores favoritos poderá encontrar algumas das principais estatísticas relevantes para a sua posição em campo. Aqui você pode descobrir quantos alívios fez um dos melhores defesa, quantos passes certo realizou um médio de qualidade e quantos remates à baliza precisam os avançados mais eficazes para marcar.