O "site" oficial do futebol europeu

UEFA EURO 2012 visto como "um evento fantástico"

Publicado: Segunda-feira, 16 de Julho de 2012, 16.30CET
Martin Kallen, director de operações da UEFA, e Markiyan Lubkivskiy, director do torneio na Ucrânia, recordaram esta segunda-feira, com orgulho, a forma como o UEFA EURO 2012 estabeleceu novos níveis organizacionais.
UEFA EURO 2012 visto como "um evento fantástico"
Martin Kallen e Markiyan Lubkivskyi na conferência de imprensa de segunda-feira, em Kiev ©Olexandr Zadiraka
Publicado: Segunda-feira, 16 de Julho de 2012, 16.30CET

UEFA EURO 2012 visto como "um evento fantástico"

Martin Kallen, director de operações da UEFA, e Markiyan Lubkivskiy, director do torneio na Ucrânia, recordaram esta segunda-feira, com orgulho, a forma como o UEFA EURO 2012 estabeleceu novos níveis organizacionais.

"Um evento fantástico", foi a opinião comum demonstrada por Martin Kallen, director de operações da UEFA, e Markiyan Lubkivskiy, director do torneio na Ucrânia, durante o balanço do UEFA EURO 2012 realizado esta segunda-feira no Estádio Olímpico de Kiev.

Ambos destacaram o enorme orgulho sentido pela organização de um torneio excepcional entre 8 de Junho e 1 de Julho. O UEFA EURO 2012, na Polónia e na Ucrânia, estabeleceu novos níveis organizacionais para as futuras competições deste género. O evento desta segunda-feira em Kiev será seguido por um balanço semelhante em Varsóvia.

"O UEFA EURO 2012 foi o maior evento alguma vez organizado na Ucrânia independente e o acontecimento desportivo melhor organizado de sempre", destacou Lubkivskiy. "Podemos estar todos orgulhosos, pois foi necessário um grande esforço da UEFA, da federação ucraniana e do Comité de Organização Local (LOC), para além do governo ucraniano e dos nossos homólogos polacos. Este torneio elevou a organização de jogos de futebol ao mais alto nível."

"Conseguimos ter um fantástico EURO 2012", comentou Kallen. "Ficámos muito satisfeitos com as operações na Ucrânia e na Polónia. O presidente da UEFA, Michel Platini, e o presidente da Federação Ucraniana de Futebol (FFU), Grigoriy Surkis, e todos os parceiros do futebol europeu ficaram muito satisfeitos com o torneio." Kallen destacou ainda o enorme interesse gerado pelo UEFA EURO 2012 a nível mundial, que possibilitou que fossem batidos uma série de recordes em Europeus.

Mais de 1.44 milhões de pessoas assistiram aos jogos nos estádios, garantindo uma média de 46.471 espectadores por jogo. A maior assistência num jogo foi de 64.640 adeptos no Estádio Olímpico de Kiev para assistirem ao encontro entre a Suécia e a Inglaterra. A ocupação global de lugares nos estádios foi de 98,6 por cento. "É normal que nem todas as pessoas que compraram bilhetes estivessem a assistir aos jogos", explicou Kallen. "Mas tivemos excelentes números de espectadores nos estádios."

As "fan zones" oficiais também foram um grande sucesso, com mais de sete milhões de adeptos presentes durante a prova, tendo-se registado mais dois milhões de entradas só em Kiev. Naturalmente que a maior assistência foi registada no dia da final, com 539 mil adeptos a assistiram ao jogo entre a Itália e a Espanha nas oito "fan zones". O recorde num único dia foi estabelecido em Kharkiv, a 13 de Junho, com 300 mil pessoas.

O Campeonato da Europa também manteve os adeptos do futebol colados aos ecrãs de televisão por toda a Europa, e não só. O encontro entre a Polónia e a Rússia estabeleceu um novo recorde de audiência no país co-organizador com uma média de 14,7 milhões. O Inglaterra-Itália foi o jogo dos quartos-de-final mais visto de sempre de um Europeu. O triunfo de Espanha na final estabeleceu um novo recorde para transmissões televisivas no país ibérico, com uma média de 15,5 milhões e um máximo de 17,9 milhões. Além disso, um em cada cinco adeptos assistiu aos jogos fora de casa.

As infra-estruturas do torneio na Ucrânia também foram muito elogiadas. "Estamos satisfeitos com as infra-estruturas criadas pela Ucrânia para a fase final", acrescentou Kallen. "É impossível não reparar nas mudanças realizadas no país. Basta fazer a viagem entre o Aeroporto Boryspil e o Estádio Olímpico." Lubkivskiy acrescentou: "O governo ucraniano merece uma nota alta pelo trabalho realizado."

O director do torneio na Ucrânia explicou que os aeroportos das quatro cidades anfitriãs conseguiram lidar com o elevado número de passageiros. "No dia da final, o Aeroporto Boryspil teve 45 mil passageiros, 630 voos regulares e 450 'charters', incluindo partidas e chegadas", recordou Lubkivskiy.

Foram recolhidas excelentes reacções das selecções participantes e dos representantes da família UEFA sobre os locais de estágio, hotéis, transportes e segurança. Além disso, os 2.879 voluntários e 3.760 agentes de recintos desportivos utilizados na Ucrânia deram um grande contributo para que esta competição fosse um enorme sucesso.

Última actualização: 17-07-12 4.11CET

Informação relacionada

http://pt.uefa.com/uefaeuro/news/newsid=1841694.html#uefa+euro+2012+visto+como+evento+fantastico

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras UEFA e EURO 2016, o logótipo do UEFA EURO 2016 e os slogans e troféu do UEFA EURO estão protegidos por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.