O "site" oficial do futebol europeu

Rivera recorda triunfo da Itália em 1968

Publicado: Sexta-feira, 23 de Março de 2012, 10.13CET
A Itália venceu pela primeira e única vez o Campeonato da Europa em 1968, quando acolheu a prova, e Gianni Rivera explica ao UEFA.com o que significou fazer parte da equipa.

O conteúdo é transmitido de forma a que seja protegido e apenas disponível no formato flash. O seu aparelho não parece ser compatível com o leitor vídeo de flash.

 
Publicado: Sexta-feira, 23 de Março de 2012, 10.13CET

Rivera recorda triunfo da Itália em 1968

A Itália venceu pela primeira e única vez o Campeonato da Europa em 1968, quando acolheu a prova, e Gianni Rivera explica ao UEFA.com o que significou fazer parte da equipa.

Três décadas depois de conquistar o seu segundo título mundial, a Itália sagrou-se pela primeira vez campeã da Europa, com Gianni Rivera a confessar que viveu todo o tipo de emoções quando venceu o título de 1968 perante os seus compatriotas.

Mostrou que todos os elementos são importantes e que também é possível vencer sem alguns dos melhores jogadores. É significativo, porque provou que a equipa funciona em conjunto
Gianni Rivera

O organizador de jogo do AC Milan alinhou no nulo frente à URSS nas meias-finais, que ficou decidida a favor dos italianos por moeda ao ar, mas foi obrigado a falhar o jogo decisivo do Campeonato da Europa, assistindo da bancada ao triunfo dos colegas sobre a Jugoslávia na finalíssima.

"Não pude alinhar na final, mas participei em todos os outros jogos", recordou Rivera, que recebeu o Prémio do Presidente da UEFA de 2011 no início deste mês. "Senti que um jogo destes tem a mesma intensidade nas bancadas. Mostrou que todos os elementos são importantes e que também é possível vencer sem alguns dos melhores jogadores. É significativo, porque provou que a equipa funciona em conjunto."

A Itália provou-o ao anular a desvantagem de um golo na final de Roma, com Angelo Domenghini a empatar na marcação de um livre, a dez minutos do final, e a obrigar à disputa de um encontro de desempate. Dois dias depois, os italianos venceram por 2-0, num jogo que Rivera também falhou, e o médio conquistou o único título em 12 anos ao serviço do seu país.

"A selecção foi algo muito especial para mim", acrescentou Rivera, que também foi finalista no Campeonato do Mundo de 1970 no México. "Para nós era fundamental chegar à selecção. Era o reconhecimento do trabalho realizado ao nível dos clubes."

Última actualização: 26-10-12 14.31CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuro/finals/history/memories/newsid=1772254.html#rivera+recorda+triunfo+italia+1968