Guia do UEFA EURO 2020: Baku

A riqueza de Baku resulta dos imensos recurso naturais
A riqueza de Baku resulta dos imensos recurso naturais ©Getty Images

Baku é...
• A capital do Azerbaijão.
• A capital mais baixa do Mundo, 28 metros abaixo do nível médio das águas do mar.
• Ventosa: o nome da cidade origina do persa "Bādkube" (fustigada pelos ventos) - daí a alcunha, "Cidade dos Ventos".
• Uma cidade fundada no petróleo, exportado desde o século XIX.
• Cidade geminada com Dakar, Nápoles, Houston, Bordéus, Kiev, Haifa e Rio de Janeiro, entre outras.
• A cidade acolheu jogos do Campeonato da Europa de Sub-17 da UEFA, do Campeonato do Mundo Feminino da FIFA de Sub-17 e será palco da final da UEFA Europa League em 2019. 

Onde fica
É a maior cidade da região do Cáucaso e também o maior aglomerado urbano nas margens do Mar Cáspio. Está a cerca de 2.000 quilómetros de Moscovo e Istambul, a 9000 quilómetros a leste de Nova Iorque a 5500 quilómetros a oeste de Pequim.


O estádio tem capacidade para quase 70 mil espectadores
O estádio tem capacidade para quase 70 mil espectadores©Sportsfile

Estádio Olímpico
• Concluído em Fevereiro de 2015, o Estádio Olímpico de Baku pode receber quase 70 mil espectadores e foi utilizado pela primeira vez nos Jogos Europeus no Verão desse ano.
• O estádio vai receber a final da UEFA Europa League em 2019.
• A seleção do Azerbaijão é o principal cliente do estádio.
• O Presidente do Azerbaijão, bem como os homólogos da FIFA e da UEFA, estiveram na cerimónia de colocação da primeira pedra do estádio, a 6 de Junho de 2011, integrada nas comemorações dos 100 anos do futebol no país.
• Situado perto das margens do Lago Boyukshor, faz parte do complexo da Vila Olímpica que inclui centros de estágio e alojamentos.
• Baku nunca acolheu os Jogos Olímpicos.

Transportes em Baku
O Aeroporto Internacional Heydar Aliyev fica 20 quilómetros a nordeste de Baku, a viagem de autocarro demora 45 minutos até à estação central de comboios. A cidade tem um sistema de metropolitano com duas linhas, que pode deixar os visitantes na pitoresca cidade velha ou a curta distância do Estádio Olímpico. Os serviços de autocarro e táxi são baratos.

Onde ficar
O grande crescimento da cidade nas últimas décadas o aumento crescente de turistas estrangeiros levaram a que existam muitos hotéis modernos em Baku. Veja as ligações abaixo.

As Torres das Chamas destacam-se da paisagem nocturna
As Torres das Chamas destacam-se da paisagem nocturna©Sportsfile

O que visitar
Cultura: A cidade velha murada, Icheri Sheher, é Património Mundial da UNESCO, possuindo uma emblemática torre e o palácio Shirvanshahs, datado do século XV, que era o lar da dinastia que governou a região na Idade Média.
Ambiente: Vale a pena passar pelas ruas à noite. O Azerbaijão tem alguns edifícios modernos emblemáticos que são iluminados depois do por do sol, o destaque vai para as Torres das Chamas.
Ar livre: O Parque Nacional (Milli Park) foi construído à beira-mar em Baku, da Praça da Liberdade (Azadlıq Meydanı) até á Praça da Bandeira Nacional (Dövlət Bayrağı Meydanı), que possui um parque de diversões e uma fonte musical.

Comer e beber
Os visitantes estrangeiros poderão encontrar semelhanças entre a gastronomia azeri e as da Turquia e do Irão. O prato principal é pilaf, um prato de arroz aromatizado com açafrão e misturado com carne ou vegetais, enquanto o dolma (folhas de vinha recheadas com carne picada) são tão populares como na Turquia. Os “kebabs" de cordeiro ou de esturjão são outra boa opção. O chá - servido sem leite - também é muito típico, para acompanhar a delicada pastelaria baklava; Sorvete doce é a bebida fria de eleição.

Futebol na cidade
A cotação do futebol do Azerbaijão tem vindo a crescer. Neftçi, Qarabağ e Gabala, que não é da cidade, disputaram jogos da fase de grupos da UEFA Europa League em Baku, tal como o Qarabağ na UEFA Champions League, em 2017/18, como a primeira equipa de sempre do Azerbaijão a conseguir tal feito. Fundado em 1937, o Neftçi é o clube de Baku com mais sucesso, a rivalidade com o Khazar Lankaran deu origem ao Böyük Oyun (jogo grande) do país. O Qarabağ joga actualmente na capital, mas İnter Bakı e Zirä também geram atenção dos adeptos de Baku.

Arredores
Quer saber porque o Azerbaijão é conhecido como a terra do fogo? Os visitantes só precisam de percorrer 25 quilómetros para chegar a Yanar Dağ (montanha do fogo), uma encosta que está permanente a arder - mesmo sob fortes ventos e chuvas - devido às fugas de gás natural pelo solo. Um pouco mais adiante, o Gobustan National Park apresenta extraordinárias inscrições nas rochas com cerca de 40 mil anos, assim como outro fenómeno geológico que deve muito às reservas de petróleo e gás do Azerbaijão: vulcões de lama.

Ligações úteis
Turismo do Azerbaijãohttp://azerbaijan.travel/en/region/47-Baku
Lonely Planethttp://www.lonelyplanet.com/azerbaijan/baku-baki
Wikipediahttp://en.wikipedia.org/wiki/Baku
Estádio Olímpico de Baku: http://bos.az/en/
Federação de Futebol do Azerbaijão (AFFA): http://www.affa.az/

Topo