Bale inspira Real Madrid rumo ao terceiro título seguido

Dois golos de Gareth Bale, um dos quais espectacular, ajudaram o Real Madrid a conquistar o troféu pela 13ª vez e terceira seguida.

An error occurred while playing the video

message

Next video

O Real Madrid conseguiu o terceiro triunfo consecutivo na UEFA Champions League ao bater o Liverpool por 3-1 em Kiev.

COMO TUDO ACONTECEU

Cristiano Ronaldo foi o primeiro a ameaçar o golo no NSC Olimpiyskiy, num remate cruzado a passar por cima, mas foi o Liverpoola primeira equipa a criar verdadeiro perigo, num remate de Trent Alexander-Arnold para uma boa defesa de Keylor Navas.

O momento marcante da primeira parte chegou logo depois, com o Liverpool a ver a sua maior figura, Mohamed Salah, a abandonar o relvado lesionado num ombro. Também o Real Madrid sofreu um contratempo, com Dani Carvajal a ser substituído igualmente com problemas físicos..

A primeira parte terminou sem golos e sem grandes ocasiões de perigo, mas o início de segunda parte foi bem diferente. O Real esteve perto de inaugurar o marcador aos 48 minutos, com Isco a beneficiar de um ressalto e a fazer um chapéu a  Karius, mas a bola acabou devolvida pela trave. Porém, três minutos depois, um lance infeliz do guarda-redes alemão permitiu a Karim Benzema abrir mesmo o activo.

Karim Benzema depois de dar vantagem ao Real Madrid
Karim Benzema depois de dar vantagem ao Real Madrid©Getty Images

O Liverpool, contudo, reagiu bem e empatou aos 55 minutos. Dejan Lovren correspondeu de cabeça a um canto e Sadio Mané surgiu a desviar a bola de Navas. Aos 61 minutos, novo momento marcante na final: Gareth Bale saltou do banco e dois minutos depois fez, de forma soberba, o 2-1. Marcelo cruzou da esquerda e o galês bateu Karius com um remate acrobático, de costas para a baliza.

Mané ficou perto de bisar e restabelecer a igualdade aos 70 minutos, mas o remate de pé esquerdo do senegalês esbarrou no poste da baliza do Real Madride foi o Real a estabelecer o resultado final aos 83 minutos. Bale tentou a sorte a mais de 30 metros da baliza, Karius voltou a não ser feliz, não conseguindo segurar o disparo do “camisola 11” da turma madrilena, que assim festejou mesmo o seu 13º título de campeã europeia de clubes, o terceiro consecutivo.

Figura: Gareth Bale

Gareth Bale faz o 2-1 com um remate acrobático
Gareth Bale faz o 2-1 com um remate acrobático©Getty Images

O galês só entrou em campo aos 61 minutos, mas acabou por ser ele a marcar os dois golos que deram a 13º título ao Real Madrid.

Momento: Bale acrobático
O Real Madrid tinha acabado de consentir o empate e Zidane recorreu ao galês. Bale correspondeu com um golo soberbo que deu o 2-1 e que vai ficar na história das finais.

Sergio Ramos comemora o triunfo do Real Madrid
Sergio Ramos comemora o triunfo do Real Madrid©Sportsfile

Estatísticas importantes

  • Real Madrid é o primeiro clube a conseguir três triunfos consecutivos desde o Bayern na década de 1970
  • Zidane é o primeiro treinador a vencer a prova três vezes seguidas
  • Bale é o sétimo jogador a marcar dois golos na final da UEFA Champions League
  • O galês é o primeiro jogador a bisar numa final depois de sair do banco
  • Benzema marcou nos três encontros com o Liverpool

Reacções

Zinédine Zidane, treinador do Real Madrid:
O que temos vivido é impressionante. Faltam-me palavras para descrever. Disse aos meus jogadores para desfrutarem deste momento: nunca mais vão vier nada assim.

Jürgen Klopp, treinador do Liverpool
Parabéns ao Real Madrid. A lesão do Salah foi um momento importante, mas não quero que pareça uma desculpa. A equipa ficou um pouco afectada e o Real Madrid tentou tirar partido disso. Os outros momentos decisivos são os golos, é claro, foram momentos estranhos. Perdemos 3-1 e não podemos estar satisfeitos.

Topo