Sevilha surpreende United e chega aos quartos-de-final

Wissam Ben Yedder bisou em quatro minutos da segunda parte na vitória sobre o Manchester United que ajudou o Sevilha a marcar presença nos quartos-de-final após 60 anos de ausência.

An error occurred while playing the video

message

Next video

O Sevilha apurou-se para os quartos-de-final da Taça dos Campeões apenas pela segunda vez na história ao vencer o Manchester United, por 2-1, em Old Trafford.

A eliminatória continuava a zeros a caminho do final da segunda mão quando Ben Yedder inaugurou o marcador, com um remate colocado junto ao poste, apenas dois minutos após entrar em campo. Pouco depois, o avançado do Sevilha surgiu ao segundo poste e bateu David de Gea de cabeça, dificultando ainda mais a tarefa do United.

Apesar de Romelu Lukaku ter reduzido para os anfitriões a sete minutos do fim, originando uma pressão final intensa, era tarde de mais. De Gea evitou o "hat-trick" de Ben Yedder nos descontos, mas já nada podia travar os festejos do Sevilha. A formação andaluz tinha esperado 60 anos por isto.

Jogador-chave: Wissam Ben Yedder (Sevilha)

Ben Yedder merece elogios pelos golos marcados, mas também pela sua atitude. Relegado para o banco de suplentes, reagiu de forma soberba e esta noite provou o seu valor. Isto representa um dilema para Vincenzo Montella na próxima fase: será capaz de manter Ben Yedder no banco de suplentes após esta óptima exibição?

Principais estatísticas

  • Única presença do Sevilha nos quartos-de-final, em 1958, terminou com eliminação frente ao Real Madrid por um total de 10-2
  • Ben Yedder soma agora oito golos em sete jogos nesta edição da prova
  • Esta foi a primeira derrota do United em casa desde o derradeiro jogo de Alex Ferguson no torneio
  • United não estava dois jogos sem marcar numa eliminatória desde o afastamento nos oitavos-de-final de 2004/05
Topo