O "site" oficial do futebol europeu

Pereira agradado com Porto pressionante

Publicado: Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2013, 23.51CET
Apesar de o Porto não ter conseguido marcar o segundo golo, Vítor Pereira mostrou-se satisfeito com o "jogo de qualidade" frente ao Málaga, enquanto Manuel Pellegrini admitiu dificuldades no ataque.

O conteúdo é transmitido de forma a que seja protegido e apenas disponível no formato flash. O seu aparelho não parece ser compatível com o leitor vídeo de flash.

Estatísticas dos jogos

PortoMálaga

Golos marcados1
 
0
à baliza10
 
1
para fora7
 
0
Cantos11
 
2
Foras-de-jogo5
 
1
Faltas cometidas13
 
16
Cartões amarelos0
1
Cartões Vermelhos0
 
0
Posse de bola(%)61
 
39

Classificação

 
Publicado: Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2013, 23.51CET

Pereira agradado com Porto pressionante

Apesar de o Porto não ter conseguido marcar o segundo golo, Vítor Pereira mostrou-se satisfeito com o "jogo de qualidade" frente ao Málaga, enquanto Manuel Pellegrini admitiu dificuldades no ataque.

Vítor Pereira, treinador do FC Porto
O nosso primeiro objectivo era a vitória, o nosso segundo objectivo era não sofrer golos. Mas depois do jogo que fizemos, do jogo de grande qualidade do primeiro ao último minuto, acho que justificámos o segundo golo. Só não estou verdadeiramente satisfeito pois não conseguimos fazer o 2-0 porque acho que traduzia melhor aquilo que se passou em campo.

Só não estou verdadeiramente satisfeito pois não conseguimos fazer o 2-0 porque acho que traduzia melhor aquilo que se passou em campo
Vítor Pereira
Queríamos ser ofensivos, mas o Porto não nos permitiu isso. Em termos de criação de oportunidades e encontrar espaços estivemos francamente mal
Manuel Pellegrini

Tenho pena apenas de não termos conseguido apontar o segundo tento. A diferença entre a Champions League e as outras provas é que um erro, um desequilíbrio, um momento em que não estamos bem posicionados pode ser aproveitado para o adversário marcar. Era importante não sofrer golos hoje aqui. Fomos uma equipa com a nossa identidade, consistente, personalizada. É este o Porto que quero: um Porto pressionante, que quer jogar, que quer fazer golos. Só lamento não termos chegado ao segundo golo, paciência.

O nosso adversário é de grande nível, mas hoje não conseguiu potenciar o seu jogo porque nós não permitimos. No momento de transição ofensiva, de perda de bola, fomos uma equipa muito agressiva e não permitimos o jogo do Málaga em transições rápidas. Estamos a meio da eliminatória e conseguiremos fazer em Málaga. Acredito que vamos conseguir marca em Málaga porque isso iria ser determinante.

Manuel Pellegrini, treinador do Málaga
Jogámos mal ofensivamente. Não estamos contentes com o jogo. Em nenhuma altura senti que tivéssemos dado o clique. Tendo dito isto, com toda a posse de bola que o FC Porto teve, acabaram por até não causar grandes estragos. Contudo, o nosso adversário merece crédito, pois manteve-nos sempre fora do encontro.

Queríamos ser ofensivos, mas o Porto não nos permitiu isso. Em termos de criação de oportunidades e encontrar espaços estivemos francamente mal. Não é culpa apenas dos jogadores do ataque. Quando a equipa não está a funcionar, a culpa é de todos. Gostaríamos de ter marcado fora de casa, mas não aconteceu. O resultado permite-nos dar a volta à situação. No regresso ao nosso estádio, estamos confiantes de que podemos alterar o rumo dos acontecimentos.

Última actualização: 21-02-13 0.02CET

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2013/matches/round=2000348/match=2009587/postmatch/quotes/index.html#pereira+agradado

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.