O "site" oficial do futebol europeu

Terim ciente da pressão do Galatasaray

Publicado: Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012, 19.45CET
O Galatasaray apura-se em caso de vitória, mas o treinador Fatih Terim sabe que o eliminado Braga "não tem pressão e vai jogar por orgulho", por isso não dá nada por adquirido em Portugal.
por Carlos Jorge Santos
de Braga

O conteúdo é transmitido de forma a que seja protegido e apenas disponível no formato flash. O seu aparelho não parece ser compatível com o leitor vídeo de flash.

Estatísticas da prova

BragaGalatasaray

Golos marcados7
 
14
à baliza57
 
70
para fora42
 
69
Cantos26
 
45
Foras-de-jogo15
 
31
Faltas cometidas92
 
155
Cartões amarelos12
 
26
Cartões Vermelhos1
 
0
 
Publicado: Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012, 19.45CET

Terim ciente da pressão do Galatasaray

O Galatasaray apura-se em caso de vitória, mas o treinador Fatih Terim sabe que o eliminado Braga "não tem pressão e vai jogar por orgulho", por isso não dá nada por adquirido em Portugal.

Apesar de o Galatasaray AŞ depender apenas de si, o treinador Fatih Terim está consciente de que a vitória de que necessita pode não ser tão fácil de conseguir, frente a um SC Braga que vai tentar dar uma última alegria aos seus adeptos. Como tal, José Peseiro pediu à sua equipa para provar que merece melhor que o último lugar do Grupo H.

Temos de ganhar, queremos mostrar que tínhamos valor para estar na próxima fase
José Peseiro
Braga actua em casa, não tem pressão e vai jogar pelo orgulho
Fatih Terim

• O Galatasaray é segundo classificado, à frente do CFR 1907 Cluj, devido à vantagem no confronto directo. Apura-se caso ganhe em Portugal ou desde que some os mesmos pontos que o Cluj frente ao Manchester United FC.

• O Braga está eliminado das competições europeias.

Braga
José Peseiro, treinador
Este jogo é importante por tudo, tanto por razões financeiras como competitivas. Como não conseguimos nenhum dos objectivos na Champions League, temos de estar bem amanhã. Temos de ganhar, queremos mostrar que tínhamos valor para estar na próxima fase, já o mostrámos várias vezes, mas tivemos azar. Não podemos pensar no que podia ter sido, que estamos desiludidos. Há que vencer o Galatasaray primeiro.

É um jogo da Champions, temos de ter prazer em jogá-lo. O Galatasaray é uma grande equipa, tem um futebol de que eu gosto, positivo, que se expõe e que quer assumir o jogo. Na Turquia fomos obrigados a defender mais porque o Galatasaray esteve muito forte, mas nós também temos essa filosofia de jogo e é o que vamos fazer.

Resultado do fim-de-semana
Sexta-feira: Braga 2-1 FC Porto (Danilo ag 74, Éder 79; Mangala 13)
Quim; Salino, Coelho, Douglão, Ismaily; Custódio, Amorim (Micael 60), Viana, Mossoró (Paulo César 88); Alan, Éder.

• O Braga marcou dois golos após a expulsão de André Castro, aos 71 minutos, quebrando a série de 18 jogos sem perder do Porto desde o início da época, ao mesmo tempo que garantiu o apuramento para os quartos-de-final da Taça de Portugal.

Notícias da equipa
Douglão está castigado, mas Paulo Vinícius voltou a ser convocado, ele que não joga desde 28 de Outubro, devido a um problema numa coxa. O médio Djamal também fica de fora, por opção

Galatasaray
Fatih Terim, treinador
Qualquer uma das equipas podia apurar-se neste grupo. O Braga era uma das mais fortes, mas o futebol é assim e nem sempre se conseguem bons resultados. Sabemos que possuem qualidade e força, por isso vai ser um bom jogo. Queremos seguir em frente e, por isso, vamos estar totalmente concentrados em campo. Não nos interessa o resultado do outro jogo, só queremos conseguir o melhor para nós.

[Fernando] Muslera está a ser tratado pela equipa médica e se estivar em condições, jogará com toda a certeza. Para mim a melhor opção é seguir em frente. Isso é o mais importante, pouco importa o resultado. O jogo de amanhã vai ser muito mais difícil do que o de Istambul, já que o Braga actua em casa, não tem pressão e vai jogar pelo orgulho.

Resultado do fim-de-semana
Sexta-feira: Galatasaray 1-1 Gaziantepspor (Burak 79; Ibričić 68)
Muslera; Eboué, Semih Kaya, Nounkeu, Riera; Altıntop (Emre Çolak 73), Selçuk, Melo, Amrabat (Elmander 46); Umut (Engin Baytar 46), Burak.

• Seis dias após garantir a vitória por 1-0 do Galatasaray frente ao Elazığspor, ao substituir o expulso Muslera e defendendo um penalty tardio, o médio Felipe Melo viu o cartão vermelho a oito minutos do fim, no empate caseiro da sua equipa.

Notícias da equipa
Muslera vai ser sujeito a um último teste físico, no seguimento de um estiramento na coxa sofrido na sexta-feira, mas Cris deve estar disponível, agora que está recuperado de uma distensão nos gémeos e depois de ter descansado frente ao Gaziantepspor, por precaução.

Estatística
• O único triunfo caseiro do Braga frente a adversários turcos foi sobre o Sivasspor, por 3-0, em jogo da segunda mão da terceira ronda da Taça Intertoto, em 2008, com golos de Matheus, Roland Linz e Luis Aguiar. Paulo César é o único sobrevivente no actual plantel, ele que participou na vitória por 2-0 na primeira mão.

Última actualização: 05-12-12 16.27CET

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2013/matches/round=2000347/match=2009575/prematch/preview/index.html#galatasaray+sente+pressao

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.