O "site" oficial do futebol europeu

Blokhin quer prenda com o Porto

Publicado: Segunda-feira, 5 de Novembro de 2012, 18.45CET
Oleh Blokhin fez 60 anos e não estará no banco no jogo com o Porto, mas sabe que ao Dínamo Kiev só a vitória interessa, enquanto Vítor Pereira diz que não haverá lugar a brindes.
por Bogdan Buga
de Kiev

O conteúdo é transmitido de forma a que seja protegido e apenas disponível no formato flash. O seu aparelho não parece ser compatível com o leitor vídeo de flash.

Estatísticas da prova

Dynamo KyivPorto

Golos marcados6
 
11
à baliza35
 
63
para fora23
 
44
Cantos23
 
41
Foras-de-jogo15
 
22
Faltas cometidas84
 
128
Cartões amarelos13
 
15
Cartões Vermelhos0
1
 
Publicado: Segunda-feira, 5 de Novembro de 2012, 18.45CET

Blokhin quer prenda com o Porto

Oleh Blokhin fez 60 anos e não estará no banco no jogo com o Porto, mas sabe que ao Dínamo Kiev só a vitória interessa, enquanto Vítor Pereira diz que não haverá lugar a brindes.

Oleh Blokhin foi aplaudido no início da conferência de imprensa pelo facto de festejar o 60º aniversário esta segunda-feira, mas revelou que ainda não estará no banco do FC Dynamo Kyiv no jogo com o FC Porto devido a um problema no coração. Depois de perder por 3-2 no Porto, há duas semanas, o Dínamo está a seis pontos do líder do Grupo A e a três do Paris Saint-Germain FC, pelo que Blokhin sabe que a vitória é crucial. Quanto aos portistas, chega-lhes um ponto para selar a qualificação, mas Vítor Pereira não está inclinado em ceder brindes ao Dínamo.

Só pensaremos mais à frente quando tivermos garantido o apuramento para a próxima fase
Vítor Pereira

Dínamo
Oleh Blokhin, treinador

Obrigado pelos parabéns, mas para dizer a verdade não estou feliz por fazer anos num período tão complicado para a minha equipa. Recebi muitos telefonemas, o primeiro dos quais às 6h15 da manhã. Tenho cerca de 60 chamadas não atendidas. Há 15 minutos, falei com o presidente da Ucrânia, Viktor Yanukovych. Por um lado, fiquei contente, mas por outro fiquei mais ansioso com este jogo decisivo da UEFA Champions League.

Infelizmente não estarei no banco amanhã. Falei com os médicos e decidimos que vou ver o jogo na bancada. Farei a palestra antes da partida e também estarei com a equipa ao intervalo. Gostava de ter os três pontos como prenda amanhã, mas no futebol estas coisas nunca estão garantidas.

Claro que será um jogo muito difícil, mas só nos interessa a vitória, se queremos manter vivas as esperanças neste grupo. Se não ganharmos ao Porto e na próxima jornada ao PSG, podemos esquecer os oitavos-de-final. Ainda estamos a pensar na táctica a utilizar, mas penso que não vamos jogar com três médios-defensivos, como fizemos no Porto. De qualquer modo, mesmo a melhor da tácticas não servirá de nada se os jogadores não jogarem como uma equipa. Nas partidas anteriores, jogámos de forma desequilibrada e, na minha opinião, o problema foi mental. Vamos ver se conseguimos corrigir isso rapidamente.

Resultado do fim-de-semana
Sábado: Dynamo 2-0 SC Tavriya Simferopol (Marco Ruben 45+1, Mikhalik 60)

Koval; Gusev (Bogdanov 70), Khacheridi, Mikhalik, Betão; Mehmedi, Vukojević, Haruna, Yarmolenko; Milevskiy (Garmash 76), Marco Ruben (Brown 84).

• Marco Ruben marcou o primeiro golo pelo clube, num dia em que o Dínamo pôs fim a uma série de quatro jogos sem vencer em todas as competições, a pior desde Agosto de 2010.

Notícias da equipa
Blokhin revelou: "Raffael e Danilo Silva ficam de fora deste jogo, mas Miguel Veloso está apto."

Porto
Vítor Pereira, treinador
Será um jogo complicado para as duas equipas. Sabemos que os jogadores do Dínamo têm classe e vimos no Estádio do Dragão que jogam bom futebol. Têm grandes individualidades, mas também são fortes enquanto equipa. Temos de dar o nosso melhor para evitar uma derrota aqui em Kiev. Gosto do Dínamo e não quero que seja eliminado, sobretudo porque o seu treinador está a comemorar o 60º aniversário. Desejo-lhe muita saúde e um regresso rápido ao banco, mas não vamos dar-lhe um presente neste jogo. Temos um plano interessante e espero que isso motive o nosso adversário a mostrar o seu verdadeiro carácter.

O Dínamo precisa dos três pontos, pelo que poderá jogar de forma mais ofensiva, mas isso não nos incomoda. Vamos manter-nos fiéis ao nosso estilo e tentar controlar a bola de forma inteligente, mas o mais importante é jogarmos de forma colectiva. Somos o Porto e sabemos o que queremos nesta prova. Temos ambições, mas o grande objectivo é ganhar o próximo jogo. Só pensaremos mais à frente quando tivermos garantido o apuramento para a próxima fase. 

Resultado do fim-de-semana
Sexta-feira: Porto 5-0 CS Marítimo (Martínez 3 59, Varela 35, Rodríguez 72 77)
Helton (Fabiano 74); Danilo, Maicon (Ba 33), Otamendi, Mangala; Fernando (Defour 28), Moutinho, Lucho; Rodríguez, Varela, Martínez.

• Jackson Martínez bisou e elevou para 12 o número de golos que marcou em 13 partidas na presente temporada, pelo clube e pela selecção colombiana. O Porto ainda não perdeu nos 13 jogos já realizados esta época e soma seis vitórias seguidas. O guarda-redes Fabiano e o central Abdoulaye Ba estrearam-se no campeonato ao serviço dos "dragões".

Notícias da equipa
Helton (coxa) foi substituído ante o Marítimo, mas está disponível para a viagem a Kiev. Maicon (tornozelo) e Fernando (coxa) ficam de fora devido a lesões sofridas na sexta-feira. Alex Sandro também não joga, pois ainda recupera de uma lesão muscular. Vítor Pereira não deu qualquer pista sobre quem poderá jogar: "Não tenho por hábito anunciar o 'onze' um dia antes de um jogo".

Estatística
O Porto defrontou o FC Shakhtar Donetsk na fase de grupos da época passada, tendo ganho por 2-1 em casa e por 2-0 fora. O registo dos portistas em nove jogos contra equipas ucranianas é de V7 E1 D1 (V3 E1 D0 fora).

Última actualização: 27-11-12 16.16CET

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2013/matches/round=2000347/match=2009544/prematch/preview/index.html#blokhin+quer+prenda

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.